Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

pbruzzi

Membros
  • Total de itens

    6
  • Registrou-se em

  • Última visita

Sobre pbruzzi

  • Rank
    Estou chegando agora...
  1. Valeu pela dica, Alan! Acabei tendo a mesma idéia e funcionou. Deu um pouco de trabalho, mas ta resolvido! Quando tiver tempo vou pesquisar sobre como montar o fusion drive e tb vou tentar limpar o timeCapsule. Em tempos de iCloud e dropbox, não é possível que eu não consiga viver com 1tb hehehe Valeu pela ajuda, galera!
  2. Pessoal, Instalei um SSD no meu MBP 13' (late 2011). Fiz uma instalação limpa no SSD, ou seja, do 0.. instalei o OS e criei um usuário novo. Até aí, 100%... Ficou animal! Muito rápido mesmo! O problema começou agora que coloquei um caddy drive com o HD antigo de 750gb, que estava com as minhas músicas, filmes, fotos e documentos. Tinha mais de 150gb de música e outros 300gb de filmes e não rolava de fazer um backup disso tudo externamente. Meu TimeCapsule tem 1tb e está cheio e tenho um outro HD externo que tem 500gb e está com o segundo backup de docs super importantes, cheio também. O que eu fiz agora foi pegar o HD de 750gb, colocar no caddy drive e ligar o computador. Ele já inicia no sistema que está no SSD e roda normalmente. Consigo acessar o HD e salvar e apagar arquivos. Ele está lá, completinho. Mas a pasta "Músicas", por exemplo, está num usuário e fica bloqueada (coloquei um print do Finder). Alguém poderia me ajudar a acessar essas pastas? Uma solução que pensei foi desinstalar o SSD, reinstalar o HD, ligar o computador e tirar a senha do usuário, mas não sei se funcionaria. Desde já obrigado!
  3. Acho que é mais fácil ela rodar pelos iPads do que pelo computador. A pessoa tem direito a trazer 1 computador como uso pessoal, mas iPad não tá nessa classificação. Consegui passar com 3 iPads da última vez, mas porque o cara só achou 1 (o cara que fica no raio X é diferente do cara que abre a sua mala). Quando ele viu o iPad, perguntou o modelo, CONFERIU no about e já berrou: AMIGAAAOOO, ACABOU A SUA COTA AQUI! US$ 499!!! Acabei conseguindo ser liberado, mas porque tava com 1 câmera, 1 relógio, pouco perfume, etc. Enfim... iPad é chamariz pra c@ralho. Procura a lei que diz que pode trazer 1 computador, 1 câmera, 1 relógio, 1 instrumento musical, etc. (dica: é recente, foi no Governo Dilma) e fala pra ela levar essa lei no bolso pra barganhar com o cara.
  4. A ideia do sorteio é interessante. Não precisa ser um iPhone, exatamente... Sortearia algum acessório com lightning... Numa dessa, se o felizardo não tiver iphone 5 ou similar, ainda compra ctg hehehe. O site é interessante, mas talvez te tire um pouco do fórum, o que pode atrapalhar para que outras pessoas te conheçam. Tomaria cuidado na divisão da atenção fórum-site. Outro risco que observo é no múltiplo canal de entrada. Hj são três: fórum, hangout e email, e vc já tem muito esforço para administrar. Imagina com site, chat, etc. Investiria mais no mailing, que é relativamente simples e vc já domina, mas da pra aprimorar. Pra te ajudar, pode montar uma ficha de cadastro que o cliente preenche e te devolve. Nela constariam os emails, endereço, perfil no fórum e qualquer outra info que vc ache relevante. Assim vc não teria o trabalho de organizar as coisas e a gente escreveria pra vc. Com uma macro ou programa simples, jogaria essas infos num banco de dados pro seu controle. Sugiro tb uma parceria com o pessoal da MM... Uma seção de destaque dos seus pots, por exemplo, ou um ranking dos vendedores aqui do fórum, com nota dada pelos clientes. Certamente vc seria o 01 e isso ajudaria a ganhar a confiança de novos clientes. Em relação aos produtos, seria legal vc fazer uns pacotes com desconto. Ex. iPhone 5s + cabo extra + capa + película... Ou MBP + capa incase + mouse Bluetooth... Senão, tudo q eu economizo comprando contigo, gasto nesses acessórios, que custam mais de 3 vzs aqui no BR hehehe além do fato de que trazer os acessórios isoladamente deve te dar quase tanto trabalho quanto trazer o equipamento eletrônico em si. Pra finalizar, parabéns pela iniciativa! Abs
  5. Muitos aqui estão reclamando do Governo e assumindo que o Brasil é assim pq os impostos são altos ou porque a Apple quer lucrar aqui com o seu produto Premium. Acho que esse é o momento de pensarmos em quão liberal o mercado pode ser e o que isso representa. A teoria de que o mercado se auto-regula só existe em mercados pulverizados. Se observamos o preço das passagens aéreas ou dos carros, que são indústrias que exigem muito investimento imobilizado, vemos que há um oligopólio e a manipulação dos preços. Uma passagem aérea SPxRJ na sexta-feira às 21h custa mais de R$ 1000,00 e o vôo sai vazio. Enquanto isso, as companhias aéreas reclamam do preço do petróleo e usam essa justificativa para aumentar mais ainda os preços das passagens. Espantosamente, elas ainda operam em prejuízo ou lucros mínimos todo ano. Por que alguém optaria por investir numa indústria cara e tão imobilizada se não houvesse a possibilidade de lucrar? Acredito que no caso dos iPhones acontece uma situação semelhante, agravada por outro agente além da Apple: as operadoras de celular. Nos EUA um iPhone pode sair até de graça, dependendo do modelo e do plano. Os planos de lá custam 1/5 do preço praticado aqui, com uma cobertura minimamente decente no país todo e excelente nas grandes cidades. Aqui o iPhone com desconto da operadora sai mais caro que o preço dele desbloqueado lá, mediante a fidelização de um plano de mais de US$100 (R$ 230) e, ainda sim, não temos o serviço prometido. Agora, vai o Governo intervir nesse mercado, como quando proibiram a TIM de registrar novos números... Na minha opinião, o problema mais grave está nas operadoras, que abusam e agem sem nenhuma responsabilização ou cobrança. A Apple e os impostos são problemas secundários. Considerando o preço do iPhone 5S desbloqueado nos EUA (US$650) e o preço com desconto da AT&T (US$199). O plano mais barato que a AT&T oferece no site da Apple custa US$ 70 e você consegue uma redução de aproximadamente 70% no preço do aparelho. Considerando que as operadoras pagam o preço cheio do aparelho (o que eu não acredito, especialmente porque a compra é feita em lotes), a AT&T teria um faturamento de US$ 840, mas pagaria US$ 450 do aparelho à Apple, sobrando US$ 390 (aproximadamente R$ 900) Já aqui no Brasil, digamos que o iPhone 5S chegue a partir de R$ 2.400,00. Na Vivo, fazendo um plano de aproximadamente R$ 400, pagaríamos algo em torno de R$ 1.800 no aparelho, o que representaria um desconto de 25% somente. Considerando a mesma condição da operadora (ela paga o preço cheio), o usuário pagaria à Vivo R$ 4.800 no ano e teria um abatimento de R$ 600. À empresa sobraria R$ 4.200 do usuário. Fora a receita, mais de 400% maior que a da AT&T, cabe lembrar a péssima qualidade da rede. Sei que não fiz nenhuma proposição de solução e nem foi esse o meu objetivo. Convido-os a pensarem nessas questões relacionadas às operadoras, antes de repetirem argumentos sobre impostos e lucro do produtor. Essas situações existem, mas diante do modelo de negócio estabelecido pela Apple em diversos mercados (desconto no aparelho com fidelização às operadoras), nossas operadoras é que estão nos enrolando.
  6. É claro que não é correto declarar o valor menor, como também não é correto o governo cobrar IPI e ICMS de um produto que não foi fabricado aqui, entre milhões de outros abusos que o governo comete. (ainda que um erro tb não justifique o outro) De qualquer maneira, para quem quiser se arriscar, segue uma dica: Digamos que o valor total do produto é de US$ 500,00. O lance é pagar pelo paypal em 2 transações diferentes. Uma com o valor de uns US$ 45 (menos de US$ 50) e outra com o restante. Combina com o comprador. Caso seja parado, vc apresenta o recibo da transação de valor menor. Tem mais chance de não ser taxado ou diminuir o valor.
×
×
  • Criar Novo...