Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Cristhian Vieira

Membros
  • Total de itens

    18
  • Registrou-se em

  • Última visita

Posts postados por Cristhian Vieira


  1. Nossa esse Vivo On ter mudado acabou com a minha vida. Nunca usava muito, mas agora não da pra usar nada após atingir essa franquia!

    Tem uma gabiarra que vi na net e fiz no meu, funciona tudo normal, exceto alguns aplicativos que utilizam conexão segura (suponho eu) icloud e notificações da apple não funciona, nem o facebook app. 

     

    Se vc mudar a apn para mms.vivo.com.br ele volta a funcionar na velocidade normal roda video e tudo, mas não funciona whatsapp, imessenge, icloud (email) facebook app foi o que eu contastei.

     

    Alguém sabe se tem alguma forma de fazer esse app funcionar com uma conexão que não suporta https?

     

    Esse plano pra tablet a atendente me falou que seu comprar e falar que vou usar no ipad ele funciona no iphone normal, estava pensando em pegar esse 2gb por 64,00 reais, meu uso é parecido com o do criador do topico. Estou considerando;


  2. Eu tenho um 4S que me atende perfeitamente e conheço muito bem o 5 do meu irmão. O 4S me satisfaz até porque roda o mesmo IOS e nada de ser mais lento,...

     

    Agora no seu caso, é obvio que você tem que pegar o último, eu não esperaria o 5S, compraria logo o 5 mas se você consegue esperar, bom.

     

    Se eu perde-se meu 4S obviamente eu compraria o último modelo, isso não tem discussão. Desculpe, mas é burrice você comprar o 4S só porque é mais barato sendo que você tinha esse, o barato sai caro para você. Se você tivesse o 4 até justificaria pois seria um upgrade mas ....

     

     

    Pretendo ficar com meu 4S bastante tempo pois não me importo de ter o último aparelho e não veja grade diferença de desempenho. Quando eu ver comprarei o último.

    Exatamente, concordo com ManMac.

     

    Já usei o 5 e todas as vantagens dele, ainda sim não compensa a troca de quem tem 4S para o 5. A vantagem em velocidade, sinceramente, eu não percebi, abri dois jogos pesados (Wild Blood e Infinity Blade II) no meu 4S e no 5 e foi exatamente a mesma coisa, a mesma velocidade, a mesma cor, não teve diferença. Outra coisa foi a utilização do dia-a-dia troca de apps entre outras coisas, o 4S continua liso, rondando perfeito, coisa que o 4 já não faz.

     

    Como disse o amigo, se vai comprar outro, já pega o 5, mas se fosse uma troca, eu não recomendo, quem tem S no final eu recomendo pegar de S em S, quem tem o principal pega o principal. Só se tu for muito endinheirado no Brasil pra trocar de iPhone por ano. Melhor de 2 em 2 ;)


  3. COMPREI MEU AIR! Vim no tópico testemunhar. #GloriaAoDeusSteve

     

    Gente, nunca, eu digo NUNCA, usei um notebook tão confortável, estou extremamente satisfeito com a maquina.

     

    Configuração:

    Macbook Air 11' Mid 2012

    Intel Core i5 1.7Gz

    4gb Memoria 

    128 Sdd

     

    A maquina simplesmente te obedece, diferente dos PC's que tive/tenho. Estou usando para fazer minha monografia e anotar as aulas da faculdade, o que fazia antes com o iPad, agora no teclado do Mac é muito mais facil.

    A tela ser de 11' eu pensei que realmente fosse comprometedor, engano, como diz a Apple, embora de 11' tem resolução de 13' então a impressão é de uma tela normal só que com mais qualidade.

     

    Uma coisa que não gostei muito, foi a bateria, no meu caso, o máximo que consegui foi 3h, se ela chegasse pelo menos a 4h eu ficaria feliz, assim poderia usar em todas as aulas sem ter de levar o carregador.

     

    A mobilidade da maquina é incrível, eu carrego ele uma pasta com os papeis do NPJ e o iPad tudo na mão. Acredito que só uma pessoa com olhar muito atento percebe que estou carregando um notebook pois apenas as laterais ficam  a mostra.

     

    Já instalei programas pesados nele como o Final Cut Pro X, o Motion 5, o PS CS6 e olha o note roda tudo lisinho, sem lag, sem engasgar. Perfeito pra segunda função que previ usar, editar pequenos videos para o Youtube.

     

    Resumindo, aconselho de olhos fechados, a maquina aguenta o que muito PC parrudo ai faz abrindo o bico, alem de não super aquecer como TODOS os notebooks que já tive. Quando abri todos os programas de uma vez pra testar, ele ficou quente, mas algo completamente suportável nos meus antigos notes, se deixasse na perna dava queimadura de 1º grau, sem brincadeira. O cooler tbm é outra coisa que me chamou atenção super silencioso, não faz ruido como os notes PC's.

     

    As vezes penso nem estar usando um computador convencional pela facilidade de uso e conforto. Tudo é muito lindo e convenientemente disposto a causar impacto na utilização do usuário. 

     

    Como ouvir dizer; Once you go Apple, you can't come back! E ainda me perguntaram se eu ia instalar Windows ¬¬'


  4. Aproveitando o tópico da Mitcha. Para quem tem MBA a diferença do Mid 2011 para 2012, no que pude constatar é tão somente as USB 3.0 e em termos gerais os melhores drives flash, procede essa informação?

     

    Estou em vias de comprar um Air usado aqui no forum e gostaria de saber de vcs se vale a pena, pois o uso que devo fazer dele é essencialmente para processador de texto, na elaboração da minha monografia, obviamente também tenho interesse na edição de pequenos videos para o youtube (coisa em média de 3mim) alem de possível edição de imagem, com photoshop. Será que essa maquina me atenderia?

     

    Obrigado pessoal ;)


  5. Mais uma vez vou ter que discordar dos seus argumentos.

    O lucro das empresas brasileiras são altíssimos e quando as fábricas de automóveis estavam falindo nos EUA aqui no Brasil as montadoras estavam batendo recordes de venda e lucro.

    As grandes varejistas registram recordes de vendas a cada ano e o nível de desemprego está baixíssimo se comparado à década passada.

    Muitos profissionais brasileiros estão sendo contratados para ir ao exterior, isso mostra que o nível técnico do brasileiro é maior ou igual ao dos estrangeiros.

    Inclusive muitas empresas brasileiras estão executando serviços no exterior como a Camargo Correa e Odebrecht que imperam na construção civil na Argentina, Chile, Bolívia e outros (levando mão de obra brasileira para fora).

    Não dá pra ficar passando a mão na cabeça dos empresários para eles garantirem o emprego dos funcionários uma vez que os empresários brasileiros estão entre os mais ricos do mundo e o operário brasileiro um dos mais mal-pagos do mundo.

    Este ano os banqueiros pagaram fortunas em bônus para executivos e reduziram a participação dos lucros para os demais funcionários, mesmo lucrando cada vez mais (http://bancariospa.o...para-executivos).

    O salário médio (mensal) do funcionário da Foxconn Brasil é menor do que o preço de 1 iPad ou iPhone mais barato que eles produzem.

    O brasileiro é egoísta, se acha sempre melhor do que o outro, se acha no direito de humilhar, de fazer comentários e piadas preconceituosas, de dar fechadas no trânsito, de rir da desgraça alheia, de criticar a boa vontade dos outros (vide os comentários que vemos nos blogs onde a carta foi publicada) e etc, etc e etc.

    Fugindo do clichê de ficar falando que o governo deveria investir em educação, saúde e segurança, eu acho que a prioridade é investir em civilidade, moral e respeito ao próximo; só depois disso o brasileiro poderá usufruir de educação/saúde/segurança sem que haja desvio de verbas públicas.

    Se vc não achou os argumentos do UK validos, muito provavelmente não analisou os seus, vejo que utiliza noticias de jornais de grande circulação, que são normalmente formadores de opinião de massa. É falacioso pensar que estamos discutindo clichê quando falamos de investimento, massivo, em educação e desenvolvimento social. A dita civilidade que deseja, é a conjugação de tais fatores, não adianta acreditar que a culpa dos preços abusivos é dos empresários se ao menos se sabe calcular uma folha de pagamento, que é apenas a ponta da cadeia produtiva pela qual passa qualquer empresa, os custos agregados como pontuou UK torna a conta ainda mais enfastiante.

    Somos racionais, isto posto, vc há de convir que em uma selva sobrevive quem tem a mais força, logo e um humano e um leão faminto, quem sobreviverá? A lei é a mesma do mercado, quem tem a melhor estratégia? Ou força.


  6. uk lima,

    Agradeço o apoio, to evitando comentar pq percebo que para alguns é guerra, e não é essa minha pretensão.

    Mas vamos la vou tentar seu mais claro possivel, o que ocorre no Brasil é uma inseguração seja, fiscal, financeira, juridica, etc. No ditado popular a empresa mesmo estando certa, esta errada. Por ser assim, o empresariado brasileiro que não vive de caridade impõe uma margem que considera justa para o risco da atividade, e pq essa margem é alta se comparada a outros paises??? Justamente pela inseguraça que o governo oferece.

    É muita insegurança, tanto de:

    • Cambio
    • Transporte (Aereo / Maritimo)
    • Liberação (Imposto - SP concedeu incentivo e agora o STF a pedido do AM tirou)
    • Armazenagem (Greve)
    • Furto de Carga
    • Transporte terrestre
    • Distribuição
    • Margem do comerciante

    Sendo que a toda essa insegurança esta atrelada obrigaçoes trabalhistas, sendo que no Brasil a mao de obra é cara e pouco produtiva, não estou dizendo isso pra ofender ninguem não, pq tenho certeza que me incluo nela, tenho certeza que eu poderia produzir mais, mas culturalmente não faço isso, afinal sou Brasileiro nato, a revista exame retratou bem essa situação.

    Eu acho que a solução para o Brasil seria o país oferecer mais segurança juridica, fiscal e financeira, ao mesmo tempo que investe na distribuição e apartir dai, o cidadão seria o ponto forte fazendo do seu poder de compra o meio adequado para regular a margem das empresas.

    Hoje como esta, se houver boicote é natural que mais e mais empresas começem a fechar, e o que mais me preocupa é o emprego que as empresas oferecem, pensa na pessoa dispensada e sem emprego e renda, que chega em casa e ve seus filhos com fome?? Não tem outra alternativa senão partir para a ilegalidade, ninguem suporta ver a familia com fome, então a manutenção do emprego é primordial.

    O Brasil de hoje deixa o problema acontecer pra entao tentar resolver, qdo acho que o trabalho deveria ser preventivo, investimento principal seria em educacao, saneamento basico, transporte e tecnologia.

    Bom de qualquer forma nao quero me estender mais, e peço desculpas pelos erros, pois estou novamente no meu notebook, e nao tem word e corretor ortografico, tb nao vou me dar ao trabalho de corrigir os erros pois a intençao é debater e nao ter um portugues perfeito.

    Em tempo: Nao sou defensor da Apple ou qualquer outra empresa, sequer um dia dei lucro para esta, só defendo meu entendimento que a maior culpa pelo alto custo no Brasil é primeiramente e em grande parte do Governo, e depois contribuindo tb para o problema estao as empresas e o proprio consumidor.

    Eis um ponto de vista maduro sobre o problema, não adianta culpar a empresa pelo valor injusto, se a injustiça maior ocorre dentro do planalto central. Ou seja, enquanto tivermos uma gestão protecionista frente as mazelas sociais tratando as com caridade e pouco investimento efetivo no desenvolvimento do individuo, quem sempre vai pagar a conta somos nós, ditas classe C ou B.

    O que os governos vem fazendo, soa ate interessante para empresa se instalar, mas isso não garante o seu "custo de produção" menor, logo, a questão fica um pouco mais complicada se analisada do ponto de vista liberal. Embora o foco não seja em politica econômica não da pra negar que fundamentalmente é sobre isso que se trata. Saber escolher os responsáveis pela "nossa politica de taxas maluca" já faria uma boa diferença a longo prazo. Mas, as pessoas insistem e viver no vermelho, se é que me entendem.


  7. Aproveitando o tópico, eu estava com a mesma duvida e mesma situação, já tenho experiência com o itouch 2ª e 4ª g. e tenho o iPad 2, e queria MTo o iPhone porém a velha duvida espera ou compra agora.

    Como sou universitário e latino americano optei por comprar o iPhone 4, sábado agora (Eba)

    Queria saber, qual valor de revenda que consigo no 4 pra comprar o 5 quando lançar, será que ficara mto defasado?


  8. O pior é que nem tem muito o que reclamar. O preço dos MacBooks Pro 15" com tela Retina não tem muita variação significativa para os outros Macs atualizados e disponibilizados no mesmo dia da WWDC'12 aqui no Brasil.

    post-8171-0-14210000-1340701612_thumb.pnpost-8171-0-96125500-1340701625_thumb.pn

    Cotação do primeiro dia da WWDC.

    Tem sim, se todos, digo todos algo em torno de 5 ~ 6 milhões assinarem uma petição e algum órgão de defesa protocolar um pedido de analise junto a OMC (WTO), quero ver se as verdades não aparecem.

    É revoltante, pq todo mundo analisa preço de varejo, mas cara, ela é a fabricante, ela importa direto da fabrica, ou seja? O Preço de importação não deve ser o mesmo que comparado com valores de mercado de outros países, o que quero dizer é que, deve haver paridade, mas não usar o imposto para encobrir os lucros.

    O mesmo deveríamos fazer com as montadoras nacionais de veiculo automotor. Imaginem o efeito cascata dessa iniciativa, tanto as empresas como o governo, pq a imagem deles no cenário internacional ficariam abalada.


  9. Vcs não entenderam, isso é estratégia americana, é fato que Apple ainda não é pra todos, mas para os que podem, nenhum é louco de pagar esse valor absurdo, o que "quem pode" faz? Vai aos EUA e compra lá, quem ganha mais? Os EUA!

    Gente, pensem bem, a quantidade de compra que fazemos lá fora, esse dinheiro todo que "investimos" enquanto nosso governo for bitolado e manter esses altos impostos, é tudo que o governo americano quer, que compremos lá, afinal dá um pulinho em Miame ou NY é fácil, e voltar só com um iProduct não, vc sempre compra mais alguma coisinha.

    Enfim, é pura politica de boa vizinhança, nossos "Brothers" manja?

×
×
  • Criar Novo...