Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

loginocupado

Membros
  • Total de itens

    149
  • Registrou-se em

  • Última visita

Posts postados por loginocupado


  1. Nossa que enteressante mas não gostei da placa de video dele, será que funciona com as placas mais novas da NVidea como a serie 700 que é compativel com os hackintosh da Intel ? E a placa mãe estranho ele terminar de instalar o Mac OS X e funcionar tudo né ?

    O site do Tonymacx86 mantém lista de compatibilidade de todo o hardware com Hackintosh atualizado mensalmente. Vale a pena dar uma olhada primeiro.

    A maior parte das peças indicadas por eles são plenamente compatíveis, algumas até sem necessidade de drivers (kexts).

    Isso não impede de tentar com outro hardware mas terá mais trabalho, algumas vezes até troca de alguma peça (especialmente wifi).


  2. Enfrentei esse problema por meses em minha Asrock Z87e ITX usando uma GTX760. Sempre é relacionado com gráficos.

    Primeiro tente usar darkwake=0 nas flags de inicialização. Use também "Graphics Mode"="sua resolução de vídeo"

    Se não funcionar ainda, além do que vc já colocou, use "device-properties" correspondente à sua placa de vídeo.

    –-----------

    Se não souber como, Google é seu melhor amigo :)


  3. Sempre surgem dúvidas na hora de comprar um Mac. Eu sou suspeita, mas amo todos os modelos e fica mesmo difícil escolher qual o melhor.

    Você tem que se perguntar para o quê vai usar, quais suas necessidades... o que você não abre mão.

    Mas escute o pessoal: MacMini agora não. Havia um boato de upgrade agora em Fevereiro e não houve. Espera-se que em breve terão atualização para os Haswell e o novo chip gráfico que é muito superior ao que está nele agora.

    Você tem que se perguntar: vou jogar nele? Vou usar o Windows junto com ele? Quanto preciso de HDD? Quanto de memória eu acho que preciso para ficar confortável? Uso apenas para redes sociais e coisas mais simples como editores de texto? Com qual tela eu me sinto confortável (11, 13, 15 polegadas ou maior)... tudo são questões que você deve se preocupar para não investir dinheiro e se arrepender depois.

    Meu conselho: sempre adquira uma máquina com a melhor configuração que puder comprar porque uma máquina Apple não fica obsoleta tão rapidamente quanto um PC. Ela é feita para durar e geralmente se fica por um maior período de tempo com ela.

    E quem usa, se apaixona.


  4. Na minha opinião, disparado o DELL ULTRASHARP U2713HM.

    Se procura qualidade, se procura um monitor praticamente igual ao Thunderbolt Display da Apple, é essa a escolha.

    Procurei muito, li muita coisa até me decidir por ele. Valeu a pena a espera de quase 1 mês para chegar, mas tem 3 anos de garantia, o preço de R$ 2.000,00 não é barato ( mas na verdade é menos da metade de um monitor da Apple). 

    Aqui: http://www.dell.com/pt/empresas/p/dell-u2713hm/pd

    Se quiser as caixas de som, aqui tem elas (mais R$ 168,00) - são USB e não necessitam de fonte externa. Mas, para colocá-las tive de usar fita dupla face e encaixá-las embaixo do monitor, já que os encaixes dela não correspondem àqueles que existem no monitor:

    http://accessories.euro.dell.com/sna/productdetail.aspx?c=pt&l=pt&s=pad&cs=RC1078554&sku=520-11497&baynote_bnrank=0&baynote_irrank=3&~ck=dellSearch

    -------------------------------------------

    Se quiser saber mais e ver como o hardware do Ultrasharp Dell U2713HM é praticamente o mesmo do Thunderbolt Display, aqui

    você terá um comparativo:

    http://computer-monitors.findthebest.com/compare/4-879/Apple-Thunderbolt-Display-vs-Dell-UltraSharp-U2713H

     

    O que posso dizer é que o monitor é magnífico, saiu bem mais barato e valeu cada centavo. Para usar no MacMini ou qualquer Mac usa-se a saída DisplayPort para ter máxima resolução. Talvez necessite de um cabo adaptador DisplayPort x Mini DisplayPort.


  5. Final da história: conversando com a Apple USA encontrou-se um meio-termo, MAS o atendimento local nacional (0800) só criou polêmica e não soube informar quase nada sobre como proceder.

    De fato, IPHONE NÃO TEM GARANTIA NO BRASIL, salvo se o modelo comprado tiver especificações exatamente iguais `as vendidas aqui. Cuidado ao comprarem!!!

    O meu Retina vou comprar Apple Care, mas rezando que não vá ter mais um problema. Afirmaram que eu poderia comprar sem susto, mas depois disso tenho minhas ressalvas.

    Agora, de fato, tenho que dar minha mão à palmatória: a Apple tem o melhor pós venda de todas as empresas, apesar de tudo. Já tive problemas sérios com Dell e Samsung e dessas empresas eu fujo.

    Levei adiante essas questões:

    1. Se a Apple apregoa dar garantia internacional, por que lojas e vendedores não informam sobre o que ou o que não cobre essa garantia? Mesmo bem informados, poderemos cometer erros nesse sentido.

    2. Nas caixas não traz nenhuma observação mais clara sobre o assunto.

    3. Comprando no exterior, por que vendedores não perguntariam nossa procedência e alertariam sobre esses problemas?  Uma simples tabela de país/produto seria o suficiente.


  6. Sabemos que esse assunto já foi discutido aqui dezenas de vezes, mas vou fazê-lo de novo.

    Adquiri um Macbook Retina com um vendedor local que trouxe dos USA, sem nota fiscal. Até aí, tudo bem já que sabemos que a garantia Apple é internacional pelo código do equipamento. Não me preocupei, certa que mais tarde haveria de comprar um Apple Care e teria garantia extendida.

     

    Agora, tendo um problema com um iPhone adquirido no exterior, onde a Apple (0800) está criando "n" empecilhos para consertar, inclusive querendo fazer chat conosco e com o técnico que constatou o problema. Sim, isso pode parecer bizarro, apenas porque o técnico tirou um parafuso lateral para ver o que estaria acontecendo e, vendo, mandou que entrasse em contato com o 0800 (problema no display - apresentando uma dilatação). 

     

    Perguntamos sobre fazer Apple Care em meu Macbook e, pasmem... NÃO ADIANTARIA FAZER Apple Care porque, por ser adquirido no exterior, não teria esse suporte. Disseram isso no suporte avançado no 0800.

    Perguntas:

    1. Adiantaria comprar aparelhos Apple de vendedores que trazem lá de fora?

    2. Que garantia internacional é essa que não funcionaria no Brasil?

    3. Se for, desisto de comprar produtos Apple porque isso tudo é um absurdo.

    4. Enviei email para Tim Cook.


  7. Trabalho com imagem, portanto preciso de perfeição em cor e baixa pixelização. E não estamos dispostos a comprar um Thunderbolt.

    Depois de baixar e instalar o 10.8.3 o monitor externo (um LG IPS236V) apresentou um estouro de gama e uma pixelização horrível. Por mais tentamos calibrar, as cores ficaram borradas e irreais, com um estouro do vermelho absurdo.

    Depois de andar de um lado a outro, encontramos um patch que resolveu nosso problema e gostaríamos de postar para todos: 

     

     

    http://ireckon.net/2013/03/force-rgb-mode-in-mac-os-x-to-fix-the-picture-quality-of-an-external-monitor

     

    Não só as cores ficaram corrigidas (naturais) como a pixelização perfeita.

    Hei, Apple???

     

     


  8. A título de comparação de preços, pode-se fazer um paralelo.

    O Dell XPS 8500 com Processador Intel® Core™ i7-3770, Memória 12GB, Dual Channel DDR3, 1600MHz (2x2Gb + 2x4Gb)Disco Rígido 2TB, SATA 3Gb/s (7200 RPM), Placa de vídeo NVIDIA® GeForce® GT 640 de 1GB DDR5, 128-bits custa cerca de US$ 879,00 (http://www.ebay.com/...=item1e73b2ace4) nos EUA . O vídeo Ultrasharp 23" da Dell custa certa de US$ 219,00 (http://www.ebay.com/...=item1c2c6c64b7). Somados, chega-se ao valor de US$ 1.098, o que dá R$ 2.196,00 (considerando a cotação de 2,02). No Brasil, a Dell cobra R$ 4.298,00 por essa configuração (http://www.dell.com/...pt&s=dhs&~ck=mn). R$ 3.599,00 pela máquina mais R$ 699,00 pelo monitor. Ou seja, esse PC está 1,96 vez mais caro no brasil do que nos EUA. Já o modelo de entrada no novo iMac custa US$ 1.299 nos EUA, o que equivale a R$ 2.623,98 no Brasil (considerando a cotação de 2,02). Aqui, será vendido a R$ 6.199,00. Isso significa que pagaremos 2,36 vezes mais que os americanos. Assim, temos o seguinte: a Dell cobra 1,96 vezes o valor de lá e a Apple 2,36 vezes, o que significa dizer que a apple cobra 20,40% a mais em relação a Dell. A Dell monta no Brasil, o iMac não é montado aqui. Talvez por aí se justifique parte ou a integralidade desses 20,40% a mais cobrado pela apple. Não sei dizer qual o impacto pode ter no preço final o fato de uma máquina ser montada aqui ou no exterior.

    Vejo que ressuscitaram meu post...

    Uma das políticas que me incomoda é essa, citada pelo EdTrajano...

    Conheço muito bem a obsolescência programada e a Apple, mesmo se tratando de empresa de tecnologia de ponta, tinha por perfil máquinas de longa durabilidade tanto pelo fabrico de peças como por equipamentos que se mantinham atualizados por muito mais tempo que a concorrência, já que usava componentes fabricados especialmente para ela.

    Hoje vejo a placa de vídeo GT 650M do Macbook Retina ou a Radeon 6770M em notebooks da HP, Lenovo, Dell dentre outros...

    Quando você compra uma Ferrari você paga o preço porque sabe que, debaixo do capô, nada é igual ao que seja considerado popular. A Apple esqueceu-se disso... ah, sim claro... tem "Sir" Jony Ive como seu designer o que justifica seus preços altamente inflados.

    Senhores, por favor...


  9. Tenho um iMac com 16GB de RAM. Se abrir o iTunes (para ouvir uma música durante o trabalho), tendo o Flash e o Photoshop abertos, mais essa ou aquela atividade, o consumo de memória chega a 11/12GB. Poucas pessoas acreditam, mas é verdade. Ultimamente o iMac está lento, mas foi depois da atualização para o 10.8.2.

    Meus jogos favoritos costumam ser pesados, com bons gráficos.

    O iMac foi o único (tive em dois anos um MacMini, um Macbook Pro 13, um Hackintosh Samsung RF511) que suportou o ritmo de minha vida com nenhum sofrimento porque as outras máquinas sofriam (superaquecimento, barulho - o MacMini parecia uma chaleira chiando enquanto eu convertia um vídeo para .mp4), hardware "fraco" apresentando lentidão ou travamentos em alguns momentos. Aliás, detesto máquina lenta, quente e que não aguente meu ritmo...

    De todos, o melhor, abaixo do iMac foi o Hackintosh mas esse era um I7 - 8 threads.

    Agora, fato: a maioria usa computador para redigir um texto, Youtube e Facebook. Para redes sociais um tablet ou um notebook i3 está de bom tamanho. A maior parte da população não usa os recursos do computador ao extremo e muitos se espantam com o nosso modo de trabalhar neles.

    Se observarem melhor, a maioria dos fabricantes no Brasil estão oferecendo notebooks com i3 ou i5 e deixando os i7 para o exterior... coisa que nos empurra ou a buscar máquinas lá fora ou ao Hackintosh mesmo.


  10. Gente... vale a pena reclamar!

    Na época, até eu achei que não valia a pena. Enviei email para o Tim Cook reclamando dos problemas do MacMini que tinha adquirido (compramos o Mini com placa de vídeo externa) - barulho absurdo (80db) em conversão simples de vídeo. Recebi resposta e depois de muito bate-boca e provado o problema... me ofereceram um ridículo cupom de $100 para futuros Macs...

    HOJE lançam o Mini com apenas a HD4000 e no site da Apple apregoam que é excelente para conversão de vídeos...

    Às vezes não ganhamos no primeiro momento, como consumidor... mas logo em seguida TODOS são beneficiados, inclusive nós...


  11. Outra coisa que esqueci de citar: não é uma questão de desvalorizar o iPad 3 mas é a desvalorização na venda porque, obviamente, esse vai ser o iPad "Deletado" e quando quiser vender a outro, será bem mais complicado. Muitos, no fórum da Apple chegaram a falar de "investimento", o que de certa forma é. Produtos Apple são caros, valorizados e conseguem inesperados valores na venda. Isso é fato.

    Espero, é claro, que esteja errada e desconsiderem o iPad 3 como o "problemático" sumido. Espero em meu nome e de todos que o compraram com o mesmo espírito.


  12. Aqui em casa vendemos nossas máquinas para comprar o iPad 3. Compramos. Mas o que me intrigou foi uma empresa de tecnologia, com fama de máquinas estáveis, de longa durabilidade, em menos de 7 meses sumir com um produto e substituir por outro. Fui atrás para tentar entender.

    Fui para o fórum oficial da Apple e quase fui linchada lá por falar como nós falamos aqui. Creio que os Evangelistas de lá e a Moderação façam de tudo para colocar panos quentes ou que o Brasil seria um micromundo que não vale a pena a Apple se preocupar... mas li muita coisa interessante.

    Primeiro, além do conector e alguns se queixarem de que o iPad 3 esquentaria, a questão são números. Dinheiro. Apesar de todo o estardalhaço e o sucesso, 14 milhões de unidades vendidas não agradou os acionistas que tinham como certo muito mais. O iPad 3 vendeu menos que o esperado e a concorrência (Nexus, Kindle Fire, Surface e Samsung) estão bastante agressivas e ganhando terreno. Apple precisa manter seu posto e manter os acionistas: o jeito foi lançar outra coisa que valesse a pena continuarem a investir a todo o custo: sumir com o new iPad que vendeu pouco, lançar o Mini e o iPad 4 visando o consumidor de Natal.

    Resultado, apesar de toda a manobra a Apple não agradou, especialmente com o " sumiço" do iPad 3. As ações despencaram um dia depois do lançamento do Mini. Mal sinal, não é mesmo?

    Bom, sinceramente espero que a Apple consiga continuar a ocupar o topo nos trazendo coisas maravilhosas, mas todos sabemos que nada é para sempre se tratando do mundo dos negócios. Quanto ao consumidor? Eu particularmente serei muito mais cautelosa em adquirir produtos Apple em seus "lançamentos"...


  13. Fique tranquilo, já vendi muita coisa pelo ML e, salvo essa demora enorme, a gente sempre recebe corretamente.

    O que pode acontecer é que o comprador deixe para a última hora avisar ao ML que já recebeu o produto, fazendo com que receba apenas no final do prazo de 21 dias. Lembre sempre que ele já depositou o dinheiro no ato da compra, mesmo que tenha parcelado.

    Ao final do prazo, sem nenhum reclame contra o vendedor, o ML deposita na sua conta bancária.

×
×
  • Criar Novo...