Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Adalberto Taylor

Membros
  • Total de itens

    2.046
  • Registrou-se em

  • Última visita

Tudo que Adalberto Taylor postou

  1. Não creio nisso @Vítor Cardoso, funcionou, mas qual a lógica disso? Cara, valeu mais uma vez. Muitíssimo obrigado!
  2. Sério isso? Vou tentar aqui. Se não der conta, te chamo lá. Valeu!
  3. Galera, pela primeira vez, desde que migrei de vez para o iPhone, enfrento um problema que não estou sendo capaz de resolver. Estava usando o iOS 11 Public Beta, mas como o consumo de bateria estava exagerado, como em qualquer beta, resolvi restaurar para o iOS 10.3.3. Fiz todo o processo recomendado pela Apple. Remover o perfil do Public Beta, baixar a versão 10.3.3 e restaurar pelo iTunes. O problema é que o bicho volta sempre à tela de recuperação, tentei restaurar pelo DFU, tentei deixar o iTunes baixar a versão que considerasse adequada, mas nada adiantou... Alguém mais que passou por isso poderia me dar uma luz de como resolver esse problema? Já tentei aqueles softwares, porém todos exigem um pagamento de cerca de $50,00 para realizar o procedimento, coisa que não pretendo pagar sem ter certeza absoluta de que vai funcionar. O iPhone em questão é um 6S.
  4. Aqui está funcionando normalmente. Geralmente meu iPhone vive no modo silencioso, porém esse final de semana mesmo ele não estava e o som funcionou normalmente. Isso que estou rodando o beta do iOS 11...
  5. Não consegui te enviar por email, mas pode usar o link abaixo. https://conta.nubank.com.br/referral.html?id=V84OsCHjVCQAAAFcp-1FxQ&msg=a33ed.
  6. Estou usando a última versão desde o lançamento. Não notei nenhum consumo excessivo de bateria ou temperaturas muito elevadas. Aqui só deu uma judiada quando terminou de atualizar, por algum motivo o Spotlight teve que indexar tudo de novo, mas depois de indexar já voltou tudo ao normal.
  7. Não é algo que a Apple precise corrigir e sim a Logitech. Tenho diversos dispositivos Bluetooth, Apple Magic Keyboard, Apple Magic Mouse, Teclado Logitech K480, JBL Flip, todos funcionam perfeitamente com meu Mac, apenas os mouses da Logitech que fazem graça.
  8. Tenho um MX Master, e já tive 3x MX Anywhere 2. Ambos apresentam problemas de conexão Bluetooth com o Mac. Utilizando o adaptador USB (Unifying Switch) funciona perfeitamente. Se tiver portas USB disponíveis para dispor, é um excelente mouse, porém se tem apenas 2 portas, como eu, e precisa conectar dispositivos externos, vai se decepcionar. A própria Logitech já assumiu, em contato comigo, que este é um problema conhecido da linha de mouses compatíveis com o Unifying Switch. Dispositivos não compatíveis com essa tecnologia funcionam perfeitamente com Macs.
  9. Essa eu não sabia. Estava apostando em alguma zica de layout mesmo.
  10. Cara, danos no teclado não fariam o layout aparecer daquela forma no software. Tenta entrar no modo de recuperação do Mac e veja se ele se comporta da mesma forma.
  11. Faz assim, clica no + ali e adiciona o layout "English -> USA". Depois remove todos os outros layouts que estão ali.
  12. Abre o Terminal, cola o comando e pressiona Enter / Return, aí cola o resultado aqui. Ou printa a tela.
  13. Tem como postar a saída do comando abaixo? defaults read ~/Library/Preferences/com.apple.HIToolbox.plist Ps. Não tem nada a ver com líquido no teclado, já que o software está exibindo um layout de teclado totalmente desconhecido.
  14. O problema é que essas fabricantes colocam "Compatível com Mac" mas ignoram as restrições de produto que têm. Teria que colocar algo informando que somente Macs 2014 ou mais recentes são compatíveis.
  15. Tente restaurar o Chrome para o padrão. https://support.google.com/chrome/answer/3296214?hl=pt-BR Tente excluir todos os plugins instalados. rm /Library/Internet\ Plug-Ins/* rm ~/Library/Internet\ Plug-Ins/
  16. Você tem 7 dias para se arrepender da compra. Imagino que esse período já tenha se passado, mas...
  17. É um risco viu. Acho que o mais certo seria se encontrasse uma indicação de algum que tenha funcionado nativamente pra alguém. Ou então trocar o monitor. rsrsrs
  18. Não entendo por que esses fabricantes insistem em monitores acima de 1080p sem DisplayPort... Não é coisa de leigo não, os conectores são compartilhados. Thunberbolt 1 e 2 compartilha o conector da DisplayPort, e Thunderbolt 3 compartilha o USB-C. Isso torna o bagulho bastante confuso, a única forma de diferenciar um conector Thunderbolt de um DisplayPort é pelo símbolo próximo do conector, seja ele fêmea ou macho, Thunderbolt tem que ter o raio. Claro que quando falamos de produtos chineses ainda temos o problema da falsificação, quem garante que o falsário vai seguir essa convenção?
  19. Seu monitor só tem HDMI? Só vá de HDMI se seu monitor não tiver DisplayPort. Esse adaptador que postou também é DisplayPort, e não Thunderbolt.
  20. @BernardoBez, se teu monitor tem DisplayPort, esse cabo que postou o link deve funcionar sim. Salvo engano é o que eu recomendei algumas vezes nesse mesmo tópico. Monitor é DisplayPort, HDMI é pra TV. Alguns fabricantes insistem em monitor só com HDMI, quando falamos de um 1080p, tudo bem, vai funcionar. Mas quando falamos de resoluções maiores, DisplayPort é o ideal. O problema com os adaptadores é que eles sempre vão ficar limitados à conexão de menor banda, no caso o HDMI. Então não adianta usar uma saída de banda mais larga pra adaptar pra uma saída de menor banda. Outro problema é que a Thunderbolt e a DisplayPort compartilham o mesmo conector, então fica difícil identificar se está usando DisplayPort ou Thunderbolt. Um Thunderbolt x HDMI 1.4 seria suficiente para o seu caso, porém com a invasão de produtos Chineses, e de qualidade duvidosa, é difícil ter certeza. Você pode ver que o link postado acima diz ser Thunderbolt, mas o símbolo no conector é do DisplayPort, conexões Thunderbolt tem um raio como símbolo, pode ver isso ao lado da conexão do seu mini. Sobre SwitchResX, somente use se não tiver outra alternativa.
  21. Com certeza, a diferença entre os HW é muito pequena, apenas comentei a situação. O Razer Core tem, ou pelo menos tinha, um bloqueio no firmware dele, para trabalhar apenas com hardware da Razer. Tanto é que existem vídeos dele rodando em macs mais recentes. Essa questão de drivers no macOS é algo muito complexo. Parte da responsabilidade dos drivers ficam por conta da Apple, aí ela acaba meio que validando apenas aqueles que ela vende, o que acaba dificultando modificações desse tipo. É meio que o jeitão da Apple fazer as coisas, por ter controle do hardware e software, ela acaba ativando diversos recursos baseados no identificador de máquina. Apenas para tocar no assunto dos patches, eles geralmente são usados para "enganar" o macOS e fazer ele pensar que é uma placa reconhecida. Isso pode fazer com que a placa rode com drivers não otimizados.
  22. Esse setup ia ficar muito bacana com os novos Macbooks que possuem Thunderbolt 3. No seu caso você, apesar de ter uma case TB3, está usando o barramento da TB2. De qualquer forma acho suficiente. Sobre a Apple "impedir" o uso. Acho que é mais uma questão de falta de drivers do que um empecilho por parte da Apple. Vi um vídeo esses dias que o cara conseguiu colocar uma 1060 pra rodar, com um case igual ao seu, sem necessitar de patches e afins, porém ele mesmo constatou que os drivers disponibilizados pela Nvidia ainda eram beta, e não tinham a mesma performance do Windows no macOS. Se olhar pelo lado da disponibilidade de jogos para macOS e Windows, ainda vale a pena usar bootcamp pra jogar e o macOS para o restante.
  23. Não é a coisa mais comum de se ver, mas pode acontecer sim, apesar de ser algo mais próximo à um mal contato que pode acontecer por quebra de algum dos contatos internos e afins. Pelo que está descrevendo, você testou com 2 dispositivos diferentes, correto? Se não, tente testar. Teste com outro dispositivo, outro cabo e tal. Também pode testar esses dispositivos que já testou no seu Mac, em outro Mac.
  24. Eu nem perco tempo procurando essas pessoas por fora do ML. Pode notar que, quase sempre, o português é horrível até mesmo para os padrões brasileiros, quase sempre entrega que se trata de Google Tradutor. Infelizmente tem gente que faz carreira tentando dar a volta nos outros. Esse caso seu me lembra muito daqueles nigerianos que diziam morar em NY e queriam comprar o produto e enviar diretamente para os sobrinhos deles na Nigeria. O mais triste disso tudo é que eles cometem tantos erros grotescos e tem gente que ainda cai. Vamos analisar os erros no seu caso. • Pede para entrar em contato para negociar por fora, mas depois te enviam um email "do ML" informando que a compra foi concluída. • Endereço de email de domínio diferente do ML. São apenas 2 erros, mas já vi casos mais absurdos. Certa vez o tal nigeriano tentou comprar um XPS meu. • Disse que era nigeriano e não falava português muito bem. • Para comprovar identidade, me mandou uma CNH brasileira onde dizia que o cara era nascido em Franca - SP • Depois me enviou um email, falso, de um banco onde dizia que o dinheiro estava disponível em minha conta do Bradesco (Minha conta era da Caixa) e seria liberado depois da entrega ser concluída. Como disse, são erros grotescos, mas muita gente cai. Na inocência, na ignorância? Não posso afirmar, mas é muito simples de se identificar esse tipo de fraude. Mas os caras trabalham com margem de sucesso baixa, quando acertam uma, é de onde tiram o lucro.
×
×
  • Criar Novo...