Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Dalton Fernandes

Membros
  • Total de itens

    9
  • Registrou-se em

  • Última visita

Sobre Dalton Fernandes

  • Rank
    Estou chegando agora...
  • Data de Nascimento 17-10-1984

Contact Methods

Profile Information

  • Sexo
    Masculino
  • Localização
    Caxias do Sul, Rio Grande do Sul
  1. Mais um aqui. Modelo retina, 13 de 2017 E eu ainda estou com o problema no teclado
  2. Existem roteadores que oferecem uma rede n "meio capenga", como o powerbox da GVT, e algumas vezes, a performance de sua rede pode estar sendo comprometida por algumas paredes ou por interferência. A verdade é que redes wifi são pura magia negra que muitas vezes não funcionam bem em certos locais sem explicação plausível. Aplicativos como o Beamer fazem conversão em tempo real então sem dúvida alguma fica mais lento. pois além do tempo da conversão, há o tempo da transferência e do buffer. Em vídeos em h264 com áudio aac ou ac3 deve ser relativamente rápido e com baixo processamento, mas qualquer coisa diferente disso vai exigir muito em tempo e processamento.
  3. Handbrake sempre faz conversão hard dos vídeos, sendo que na maioria da vezes isso não é necessário (geralmente é necessário apenas em videos mais antigos) e acaba diminuindo a qualidade do vídeo (sem falar na demora). Dê uma olhada nos posts anteriores que existem soluções mais interessantes. Quando eu falei em rolar liso, estava me referindo a performance de hardware e software, ou seja, reproduzir um filme em 1080p inteiro sem engasgos, travadas ou quedas de framerate. Isso era possível até alguns meses atrás, mas as ultimas atualizações deixaram a Apple TV bem mais lenta tornando isso mais complicado. Você está falando sobre a taxa de transferência entre Mac e Apple TV. Nesse quesito, sempre funcionou perfeitamente aqui, mesmo em filmes mais pesados em 1080p, e lembrando que eu uso tanto o Mac quanto a Apple TV conectados via wifi com um Airport Extreme de 2009 que desde a compra está ligado 24/7. Se você está precisando pausar pra gerar buffer, acredito que seu roteador wifi funcione em modo g, o que limita bastante a velocidade. Se isso realmente está comprometendo sua experiência de uso, recomendo comprar um novo roteador que tenha suporte à rede n, que é suportada pelos Macs e pela Apple TV.
  4. Essa gambiarra do Plex funcionou muito mal pra mim, adicionando apenas uma pequena parte da minha biblioteca, portanto nunca mais tentei usar. Se você procura uma solução completa, a versão paga do Smart Converter parece suprir a demanda, incluindo a questão de legendas e e metadados, mas sinceramente nunca me interessei em adquirir, pois os aplicativos que uso suprem bem a demanda. O MP4tools faz tudo, menos a questão dos metadados, portanto é uma boa pedida. De qualquer maneira, apenas queria te alertar sobre a questão da conversão do áudio na versão grátis do Smart Converter, pois isso não fica claro pra quem está usando e a maioria nem desconfia que o áudio foi "piorado". A um ano atrás funcionava liso pra mim, mas com as atualizações de software foi ficando cada vez mais lento a ponto de a um mês atrás, a Apple TV literalmente travar duas vezes durante a exibição de um filme em 1080p. Teve atualização a umas duas ou três semanas atrás, mas não testei nenhum video longo em 1080p depois disso. Pra evitar esses problemas acabo preferindo sempre 720p.
  5. Nesse caso ele usa o Smart Converter, que apesar de ser bem simples de usar, converte o áudio 5.1 pra stereo. O que é simplesmente ridículo e estraga a experiência de qualquer um que tenha um setup de áudio bacana. A menos que você use a versão paga, que não tem essa limitação, e é claro, configure o aplicativo pra não fazer mais isso.
  6. A melhor solução é sem dúvidas essa. Aplicativos como o Beamer fazem conversão do vídeo em tempo real, que acaba usando um bom poder de processamento e consequentemente aquecendo demais o macbook, portanto usar o Beamer com a tampa do Mac fechada é uma péssima idéia. O ideal é converter o vídeo e adicionar no iTunes. O iTunes permite AirPlay de conteúdo da biblioteca diretamente dele, sem falar que é possível acessar todo esse conteúdo através do Aplicativo "Computadores" da Apple TV. Converter também é muito simples. A Apple TV aceita nativamente os formatos padrão que rodam no Quicktime, como o MP4, mas para filmes o formato necessário é o M4V, principalmente devido ao suporte a legendas, muito útil para brasileiros. Em termos de áudio, a Apple TV trabalha bem com o AAC e o AC3 (Ela infelizmente não suporta DTS). Como 99% dos releases de filmes que saem hoje em dia tem video em H264 (geralmente um MKV), converter um video para a Apple TV leva apenas uns 2 ou 3 minutos, pois é necessário apenas "pegar" o conteúdo do vídeo original e encapsular em um container M4V. A maioria dos áudios dublados estão em AC3, mas ainda é comum encontrar o áudio original em DTS, portanto adicionem mais 1 ou dois minutinhos caso seja necessário converter o áudio. Existem dois aplicativos interessantes para a conversão. O primeiro é o MP4tools, que é o aplicativo que eu mais uso. Ele é um pouco mais complexo (se é que dá pra chamar assim), mas é muito mais completo. Nele, após adicionar um video, temos de selecionar as faixas que queremos (geralmente deixo apenas o áudio original e as legendas, sem falar do vídeo, é claro), dizer o formato do video (em 99% dos casos o vídeo original está em H264, portanto deixamos em Pass Thru, que é o padrão), do áudio que, quando é AAC ou AC3 nós deixamos em Pass Thru, mas quando temos um DTS o Pass Thru fica marcado em vermelho, mostrando que temos de escolher outra opção, ou nosso vídeo não funcionará na Apple TV, podemos adicionar uma legenda SRT através do Add Track e em Subtitles, devemos marcar a opção Mux (soft), isso porque assim a legenda será inserida como texto que pode ser ativada e desativada, assim como ter cor e tamanho alterados nas opções da Apple TV, na opção Burn, a legenda é "queimada" no video e acaba fazendo parte dele, o que é uma péssima idéia. Pra finalizar, basta escolher Apple TV (3 and later) na opção device e clicar com Convert. Outra opção bem mais simples para conversão é o Subler, com ele, basta arrastar o arquivo que você quer converter pro ícone do programa; arrastar a legenda e salvar. Ele vai criar uma versão pronta pra uso com a Apple TV. O problema do Subler, é que atualmente ele não está fazendo conversão de áudio, o que é um problema sério. Antes, ele usava o Perian pra fazer essa conversão, mas como o Perian foi descontinuado e não funciona mais desde o Mavericks, ele tem apenas convertido o video. O Subler também serve para encontrar informação sobre o filme ou série que vocês estão convertendo, o que é interessante já que o iTunes classifica toda a mídia através dessas tags. Sem elas, os filmes de vocês vão sempre parar em "Vídeos Caseiros" em vez de ir para "Filmes". Pelo conjunto da obra, eu acabo usando os dois. Uso o MP4tools para converter o vídeo, e com o video já convertido, uso o Subler para adicionar a legenda e as tags de mídia. Todo processo geralmente não dura mais do que cinco minutos. Sei que com esse wall of text pode parecer complicado, mas na realidade não é. Baixem e vejam por si mesmos.
  7. Atenção nesse detalhe. O meu também não está aparecendo a opção, mas nesse momento ele está configurado como bridge; apenas distribuindo o IP do outro aparelho que está como router. Dê uma olhada na sua guia "Rede". No mais; esse novo aplicativo do Airport é uma m&rd@
  8. Nunca tentei; mas aparentemente basta instalar o Lion na partição antiga (pode até recriá-la) e manter a do Windows Intacta. Acredito que o Windows continuará funcional.
×
×
  • Criar Novo...