Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Heitor

Membros
  • Total de itens

    3.888
  • Registrou-se em

  • Dias Ganhos

    43

Tudo que Heitor postou

  1. Pode ser um problema de hardware nesse aparelho. Um antigo iPhone 6 do meu pai quase não encontrava redes 2.4GHz (só muito perto das fontes dos sinais), só encontrava a de 5GHz da minha casa. O problema era realmente no aparelho (não no software) e, após ajeitar, voltou tudo a funcionar normalmente na época.
  2. É assim mesmo, não tem resolução pra isso. As opções nas notificações do WhatsApp para o Watch são muito limitadas.
  3. Como o Fred falou, é assim desde que o Apple Pay chegou por aqui e o Cash apareceu. Sempre vai parar na tela que pede o SSN. Já tem até outro tópico sobre isso.
  4. Se o seu defeito apareceu "do nada", é porque o aparelho está propício a isso. Entre em contato com o suporte da Apple e somente lá poderão te ajudar a trocar o aparelho. Uma autorizada Apple também pode resolver.
  5. As duas formas de "mexer" nas notificações do WhatsApp são: 1) A primeira, como OGaiusBaltar falou acima, direto no app; 2) A segunda, ir em Ajustes (no aplicativo do iOS) > Geral > Notificações > Mostrar Pré-Visualização e ajustar como você prefere que fique. Se nenhuma das duas acima funcionar, é porque não tem como mexer mesmo, é com o WhatsApp.
  6. Já tentou fazer a carga desse aparelho com outro cabo/adaptador? Na única vez que tive esse tipo de experiência, o problema estava aí.
  7. Mas não precisa de e-mail ou senha do Apple ID visto que o iPod nano 6th Gen. não tem uma loja de aplicativos, só dá pra usar os que já vem nele. Você só precisa pedir pra ela mandar redefinir todos os ajustes do iPod e configurar como novo depois. Creio que consiga apagar pelos ajustes do iPod ou fazendo uma restauração ao conectá-lo no iTunes.
  8. É bem por aí. Só não tenho certeza quanto ao problema já ser no iOS 12.2. Porque se for, daqui uns dias quanto a Apple bloquear o downgrade pro 12.1.4, aí acabou a festa geral. Quanto ao watchOS, quem comprar um Apple Watch hoje, pode ser que já venha com o 5 (não precisa ser no 4), só que precisa ser qualquer versão antes do 5.2 pra dar certo.
  9. Não é defeito, mas parece uma indecisão por parte da Apple. Hahaha Até antes do iOS 12.1, só precisava apertar o botão do iPhone (sem segurar, iPhone X aqui) que já ligava. Depois voltou ao normal, precisando apertar e segurar. Não sei qual o certo ou errado, mas a Apple ajeitou no iOS e deixou assim no watchOS. No fim das contas, é usar normal e esperar pra ver se isso muda nas próximas atualizações.
  10. Já tentou segurar na parte de baixo da tela pra ver se a aba da central de controle aparece? É assim que acontece quando se quer acessar a central de controle dentro de um aplicativo. Se não deu certo, testa um hard reset ou redefine o Apple Watch pra ele ficar na versão 5.2 estável, não na beta.
  11. Já tentou fazer uma restauração dos aparelhos? Redefinir os ajustes de rede? Já tentou utilizar apps ou o navegador pra ver se a velocidade do Wi-Fi está satisfatória?
  12. Pra quem já tinha habilitado o ECG, consegue continuar usando sem problemas. Pra quem tentou ativar pela primeira vez no watchOS 5.2 a Apple, muito provavelmente, está usando um serviço de localização para não permitir essa ativação. Então, infelizmente, não há nada a ser feito até que o ECG seja liberado no Brasil. Mesmo fazendo downgrade do iOS, o watchOS (que não possui downgrade) vai continuar na versão 5.2. Quando você tentar abrir o app, o iOS vai dizer que precisa estar na última versão (12.2) para funcionar com a versão atual do Watch (5.2.). Não tem o que fazer.
  13. https://www.apple.com/support/iphone-x-display-module-replacement-program/ O programa cobre unidades afetadas do iPhone X por 3 anos após a data de compra original do mesmo. Não tem dizendo se a Apple pode parar o recall mas dá pra saber por quanto tempo você está coberto. "The program covers affected iPhone X devices for 3 years after the first retail sale of the unit."
  14. "Aguentar pra pegar um 7" não é muita vantagem, já que seu 6S não tá mais ajudando muito. Até porque, quanto mais tempo passar, mais desatualizado o 7 vai ficar e você não vai ganhar nenhuma vantagem por ter esperado, a não ser que o orçamento, hoje, não caiba a troca. Com relação a bateria, meu pai trocou um 6 pelo 7 há duas semanas e, até o momento, não se queixou de nada. Está gostando do desempenho do aparelho e a bateria está satisfatória. Com uso leve-moderado, chega ao final do dia com carga e sem passar sufoco. Quem usa mais moderado, creio que possa dar 1 dia de autonomia. Uma dica minha: se sua prioridade é câmera e bateria, então você se encaixa perfeitamente num modelo Plus. O 7 Plus te atenderia muitíssimo bem. A ergonomia é o ponto negativo, claro, mas dá pra se acostumar rapidamente com o modelo maior.
  15. Nos ajustes do iPod tem o número de série e o modelo do aparelho. Quando for vê-lo, joga o número de série no site da Apple pra ver se exibe as informações, ou dá uma olhada no Google se o modelo que está descrito é realmente de um iPod nano 6th Gen. Nunca vi falsificação de iPod nano nesses últimos anos, ainda mais depois que essa onda de MP3/MP4 acabou. Mas mexendo no aparelho dá pra saber se é original pelas animações e fluidez do sistema.
  16. Entra em contato com o suporte da App Store no 0800 da Apple e confirma com seu cartão se o pagamento foi processado. Pode ter havido algum erro na transação e a mesma ser estornada posteriormente.
  17. Mas essa decisão quem tem que tomar é você, pesando as novidades dos AirPods 2. Pra mim, não compensa. Nem cogito trocar ou comprar o case wireless. Com relação ao case, não penso em comprar porque carrego meus AirPods no máximo 2-3 vezes ao mês, não passa mais de 2h na tomada, então ser wireless ou não, não faz diferença alguma. Sobre as novidades em si, não veio com novas cores (compraria um preto ou space gray), não veio com melhoria de som, não tem superfície sensível para aumentar o volume sem precisar mexer no iPhone ou Apple Watch. Enfim, não tem nada que me faça pensar em trocar.
  18. O iPad Air 1 continua recebendo atualizações, mas deve parar no iOS 12. Como você só pretende usar até novembro, não vai ter nenhum problema com isso. Acho que, para o seu uso, vai dar conta do recado. Não é nenhum aparelho rápido quanto já foi no lançamento, mas dá pra fazer tarefas básicas sem dor de cabeça. Pra mim, a peça chave para dizer se vale a pena é o valor que você vai pagar. Para que, quando for revender, não perca muito.
  19. Já levou numa assistência para diagnosticar se o problema é hardware? Porque é o que parece. Só tem 3 coisas a fazer numa situação dessas para resolver (se for software): redefinir ajustes de rede, restaurar o aparelho ou trocar o chip. Nenhuma dessas resolvendo, só numa assistência técnica.
  20. Ao encostar o dedo no botão (sem apertar), ouvia um click. Às vezes, dependendo da posição que apertava o botão (mais para um lado, ou mais pro centro), o som do click era mais alto, como se tivesse "forçando" um pouco mais para chegar a realmente apertar.
  21. Ao que parece, sim. Pelo menos no que tenho lido em fóruns. E, segundo Guilherme Rambo (que sempre procura novas funções/códigos no iOS) confirmou também:
  22. Ê, palhaçada! Quer dizer que o risco é só de quem coloca seus pertences na bandeja, mas os funcionários podem manipular como quiserem sem qualquer ônus caso danifiquem algo (mesmo que não intencional)? Fico p* só de me imaginar na situação.
  23. Desde o iOS 12.0 até o 12.1.4, não senti absolutamente nenhuma diferença na autonomia da bateria. Nem mesmo em comparação ao iOS 11. Não tenho esperança que melhore no 12.2 (que instalei hoje), só torço para não piorar.
  24. Rapaz, já passei do 6S faz um bom tempo. Mas tenho quase certeza (já que foi o último com um botão home físico) que tinha uma ligeira folga, sim. E se colocasse o dedo em cima do botão home e mexesse para os lados, o botão dava uma leve mexida, bem pouco perceptível. Inclusive, se desse uma forçadinha para apertar (sem realmente chegar a pressionar o botão), dava pra sentir um "click". Mas nunca me deu qualquer problema.
  25. Por esse preço (R$990), eu não compraria. Pagaria no máximo R$750. Ainda mais sabendo da quantidade de problemas que estão surgindo em quem tem o aparelho há alguns meses. Eu não me arrependo da compra. Mas, se fosse hoje, preferia comprar a 2ª geração pra ver se o produto tem uma longevidade maior.
×
×
  • Criar Novo...