Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Silver472

Membros
  • Total de itens

    222
  • Registrou-se em

  • Última visita

Sobre Silver472

  • Rank
    Posso me considerar um veterano.

Contact Methods

Profile Information

  • Sexo
    Masculino
  1. Eu tenho um iPhone 4S. Como nunca tive um iPhone de vidro antes (tinha o 3GS), eu nunca me preocupei. Nunca usei capinha em iPhone. Sempre que usava, ela durava uns 2 dias e depois eu tirava. Mas vidro é algo diferente. Eu conheço pessoas que possuem iPhones 4 com vidros totalmente quebrados e o vidro é um pouco caro. Uma película não protege a tela em termos de queda, mas uma capinha sim. Ou seja, eu acabei comprando uma capinha para meu 4S. Como não queria nada muito invasivo, pra que eu pudesse ver a beleza do aparelho, comprei uma bumper. A bumper não protege totalmente, óbvio, mas aquela elevação que ela possui na frente e atrás ajudam um pouco, e ela protege as laterais. Relatos dizem que ela arranha o metal do iPhone. Não é exatamente ela que arranha, é a sujeira que fica acumulada na parte de dentro que acaba arranhando o iPhone. Eu frequentemente retiro a Bumper para limpeza. Antes da Bumper, comprei uma capinha para proteger o iPhone atrás também, no caso de alguma situação mais extrema. Não iria adiantar muita coisa, mas proteção a mais é bom. Então comprei a tal da Invisible Shield. Ela é boa, mas como tem que aplicar com um líquido, a tela fica meio estranha, como se estivesse molhada mesmo. Não sei se foi a pessoa que aplicou que o fez errado. Hoje comparei com outro iPhone com outra película e a tela não era tão estranha. Acho que é o líquido mesmo. A Invisible Shield é cara, e a Bumper também não é barata. Ou seja, se eu juntasse esses 2 gastos, poderia comprar uma capinha melhor que realmente protegeria o iPhone. A tela não ficaria tão protegida assim, mas em meu uso normal, a película não é exatamente necessária. A tela arranharia só um pouco sem a película, não submeto meu iPhone a muito stress em um uso normal. Só comprei por precaução mesmo. Enfim, eu estou com a Bumper e a Invisible Shield e é uma combinação boa. E o iPhone fica até mais bonito com a Bumper. Não é possível usar uma capinha que cubra atrás se você tiver a Invisible Shield na parte de trás, porque corre um sério risco de a película sair. Compensou? Pra mim, sim. Eu nunca gostei de películas e capinhas, mas o iPhone está bem protegido, a tela não irá arranhar com a Invisible Shield e o design dele não ficou escondido. Só compensaria juntar o dinheiro dessas 2 coisas e comprar uma capinha realmente boa se meu uso fosse mais extremo, mas para mim está tudo normal. Usarei a película por mais alguns meses, ela é bem nova. Depois vou tirar e usar somente a Bumper mesmo. Mas acho que usar ou não usar película é algo bem relativo. Se a pessoa quer ter sua tela bem cuidada, sem nenhum arranhão, eu recomendo fortemente a Invisible Shield. Aí a pessoa coloca uma capinha auxiliar só para proteção mesmo. Se você quer ter proteção máxima, deve-se comprar a Survivor da Griffin, alguma capinha nesse sentido ou não usar o iPhone. Só de usar o iPhone, ele já está sujeito a vários riscos. Conheço gente que usa apenas uma película simples de R$20,00 no iPhone, o iPhone dessa pessoa já caiu diversas vezes e a tela não quebrou nem arranhou. Tudo depende da sorte também. Ainda assim, se a pessoa não quiser ter película, eu teria pelo menos uma capinha, porque não me sinto seguro em segurar um pedaço de vidro por aí. Os iPhones 4 e 4S são muito frágeis. Cai umas 2 vezes dependendo da força e da altura e a tela já quebra. Tudo depende da sorte. Concluindo, use película/capinha se tiver vontade, pq já vi iPhone sem nada que ñ quebrou, iPhone com capinha que quebrou, iPhone com película que não quebrou... enfim! É tudo muito baseado na sorte também. Use o que ficar melhor para você. Eu uso película e uma Bumper pq me sinto mais seguro assim. Tem gente que não gosta, então não usa. O fato é, capinhas nem significam muita coisa, pq já vi iPhone sem capinha que não quebrou e iPhone com capinha que quebrou. Películas também não significam muita coisa, mas se a Invisible Shield arranhar, a Zagg te envia uma nova. Ou seja, é uma proteção a mais. A tela não irá arranhar tão facilmente com uma película. E é melhor pagar por uma película do que por uma nova tela, né? Ainda assim, há muitas variáveis envolvidas. Não tem uma afirmação conclusiva para dizer que capinhas e películas realmente protegem o iPhone. Usem o que acharem melhor. Ao mesmo tempo em que esses itens podem ser uma proteção a mais, às vezes eles acabam não fazendo diferença alguma. Poderia ter respondido com uma palavra: "Depende". Mas acabei fazendo um texto... hahahahahahahahaah!!!!!!!! Desculpem-me pela resposta enorme.
  2. Finalmente alguém me entendeu! Tenho um 3GS. Adicionei poucas capas de álbuns desde que comecei a usar o beta do iOS 5. Ou seja, não é a quantidade de capas que aumentou. Tá certo que eu coloquei algumas em alta resolução, mas nem são muitas. Dizem que é o poder de processamento. Que nada! O meu 3GS sempre rodou o Cover Flow sem problemas. Na versão final ficou bem menos lerdo, mas até em alguns iPhones 4 de amigos ele está um pouco mais lerdo do que era antes. Quero ver se é lerdo assim no 4S! Enfim, que a Apple corrija isso logo no iOS 5.0.1 ou 5.1 ou 5.2...
  3. Fábio, eu tenho um MBP de 13" e vi o seu descontentamento. Que bom que trocaram por um novo. E concordo que foi no último momento é que isso nem teria acontecido, mas pelo menos aconteceu. Mas sinceramente, eu DUVIDO que você iria vender seu MBP, mesmo refurbished, e comprar um Dell, HP, Sony ou seja lá o que for. Depois que você utiliza um Mac por um tempo, nunca mais quer voltar para um computador "normal". Eu tenho vários produtos da Apple e fico até receoso em comprar, porque são um pouco mais caros que produtos normais sim. Outro dia um amigo estava me mostrando um notebook da LG com i5, placa de vídeo muito boa e etc por 2000 e pouco. Um Mac bom se compra com uns 3000 e tem um hardware inferior a esse da LG. Mas o da LG você tem que formatar de 2 em 2 anos no máximo, tem que instalar anti-vírus, tem que ficar vendo travar uma série de vezes por dia... Mac trava? Sim. Mas no Windows qualquer coisa que eu fazia travava. No Mac, a última vez que ele travou de travar o sistema inteiro e ter que reiniciar o computador faz um tempinho. E se qualquer programa travar no Mac, só abrir o "gerenciador de tarefas" (command+option+esc) e encerrar o programa que está travando. Sinceramente, o Mac funciona. Eu sempre quis não me preocupar com vírus e usar um computador sem ficar estressado porque ele trava. E no Mac eu consegui ter essa experiência de uso. Comprei um Airport Extreme. Ele custou uns 700 reais, e nem comprei no Brasil. Eu tinha um roteador D-Link que era uma droga. E eu poderia comprar qualquer roteador excelente, com 3 antenas, da Linksys e etc por uns 400 reais, no máximo. Porém, a configuração do AirPort é tão fácil e eu só precisei acessar quando ganhei o roteador, nunca mais entrei no AirPort Utility (só pra ativar a rede de convidado). Esse roteador do nada apagou. Levei na AT, reconheceram o problema e trocaram. Hoje, o roteador funciona perfeitamente e ele será ótimo mesmo daqui a uns 2, 3 anos. Mas, enfim, hoje vou numa AT para ver o que eu faço com um iPod nano que está com a tela trincada. E esse iPod foi trocado assim que o comprei porque a tela estava com problemas. Nenhum produto da Apple é intacto. Porém, a quantidade de problemas que eles podem apresentar é sim inferior à de outras fabricantes, principalmente no produto "computador". Eu comprei meu MBP ano passado, só estou esperando o 10.7.2 pra atualizar pro Lion, e ele tem um processador Core2Duo e roda o sistema mais liso que muito computador da HP, Sony ou Dell com i5. E tenho certeza de que esse computador será "funcional" por uns 3 anos ainda. E eu não vou precisar formatar nesse meio tempo, espero. Todo mundo pode ter problemas com produtos da Apple e eles não são perfeitos, mas eles proporcionam uma experiência de uso bem melhor que a de outras empresas.
  4. Meu aniversário é em maio e eu sempre posto em fóruns se devo comprar o iPhone normal em maio ou esperar pelo novo. Mesmo assim, comprei o 3GS, sabendo que não teria muitas diferenças dele para o 4. Meu problema é velocidade. O 3GS já é bem rápido, perde pouco para o 4. A diferença é notável apenas em aplicativos que exigem mais do processador. Câmera, flash na câmera, microfone que cancela ruídos, filmadora em HD e todas as outras melhorias do iPhone 4 são coisas realmente úteis e importantes, mas não fazem muita diferença para mim. Mesmo assim, talvez teria compensado esperar pelo 4, mas estou extremamente feliz com meu 3GS. Ele suportará o iOS 5 sem problemas. Pelos vídeos que eu vi, ele roda muito bem. No momento atual, não compensa comprar o 3GS. Nem o 4, talvez. O 4 talvez compense um pouco ainda, já que um novo iPhone não foi anunciado por enquanto. Ou seja, se for para comprar um iPhone exatamente agora, compre um 4 ou espere o próximo. Vale muito mais a pena do que comprar um 3GS, mesmo que ele esteja mais barato. Espero ter ajudado!
  5. Quando você liga o computador, o HD é muito desgastado na hora do Boot. Recomenda-se que um Mac seja deixado no sleep por causa disso. Porém, é recomendado desligar após 1 ou 2 semanas sem desligar para que o computador não fique tão prejudicado. Porém, deixe em sleep no uso normal. Mac não precisa ser desligado toda hora. Tem vezes que o meu fica 2, 3 semanas sem desligar ou restartar. E o meu é um MacBook Pro de 13 polegas de 2010 do mais básico. Enfim, deixe em sleep. Essa é a conclusão final.
  6. Espero que a Apple libere o link para streaming ao vivo por HTML5. Na última apresentação não teve, mas nas 2 anteriores à última isso aconteceu. Espero que tenha link pra WWDC. Geralmente é às 14h, mas tem algumas que começam 13h e aí eu nunca sei qual é o horário da WWDC...
  7. Alguém sabe a que horas (no horário de Brasília) ocorrerá a WWDC 2011, por favor? Obrigado.
  8. É altamente recomendável fazer isso. As novas baterias de íon de lítio não viciam. Elas possuem um sistema de ciclos. Quando a bateria atinge alguns ciclos (acho que são 300 no caso do iPhone) a vida dela diminui para 70%. Um ciclo é quando você carrega a bateria do 0% ao 100%. Ou seja, se você carregar 2 vezes do 50% até o 100% será 1 ciclo. Se você carregar 10 vezes do 90% até o 100% também será um ciclo. Se você deixar sempre carregando os ciclos não serão completados. Lembrando que de vez em quando é sempre bom tirar da bateria e usar um pouco, principalmente se você achar que o indicador de bateria está meio estranho. Aí você utiliza o iPhone descarregando toda a bateria e depois carregue até o 100%. É recomendável fazer esse processo 1 vez por mês. Mas enfim, deixe carregando sim, não tem problemas. Apenas lembre de usar seu iPhone fora da carga um pouco. Espero ter ajudado!
  9. Eu já pesquisei muito sobre isso para saber se eu poderia comprar o cabo extensor para iPad para poder usar em um iPhone. Conclusão: O carregador de 10W (é só olhar embaixo), que é o do iPad, pode ser usado para carregar tanto o iPad como o iPhone sem problemas, porque o iPhone só precisa de 5W e "pedirá" apenas 5W do carregador. O carregador do iPhone de 5W serve para carregar apenas o iPhone e os iPods, já que o iPad precisa de 10W e carregar o iPad com o carregador do iPhone pode trazer consequências um pouco graves. Não sei que tipo de consequências são essas, mas poderá trazer alguns problemas na bateria do iPad sem dúvidas. Enfim, utilize sempre o carregador de 10W e você não terá problemas. Com isso, comprei o extensor e o iPhone funciona perfeitamente, assim como o iPad. Espero ter ajudado!
  10. GarageBand para iPod touch e iPhone perderia a graça. O legal dele é ser usado em telas grandes, já que ele tem muitos recursos. Ele só poderia ser usado no iPhone se este tivesse no mínimo umas 4 polegadas. Enfim, acho que pelo menos para os próximos 3 anos, esses 2 produtos (iPhone e iPod touch) não terão o GarageBand. Existem vários apps de instrumentos como o Band, que é bem legal (mas é pago) e para conectar a guitarra existe o AmpliTube, como já foi falado aqui. Espero ter ajudado!
  11. Olá, fórum. Hoje eu estava pensando: será que criar uma conta americana na iTunes Store sem cartão de crédito é ilegal se a pessoa não morar nos EUA? Será que a Apple pode bloquear essas contas quando ela quiser? Mesmo se a pessoa tiver realmente um endereço nos EUA, criar contas sem cartão de crédito é ilegal? Bom, obrigado pela ajuda e desculpem-me se postei no lugar errado, é que pela descrição das categorias achei que essa fosse a que se encaixava melhor na minha pergunta.
  12. Acho que vale. Sincronize suas notas, contatos e outras informações mais importantes com o computador e mande restaurar. Não peça para restaurar do backup. Depois de restaurar, sincronize seu iPhone. Na aba info na última parte (lá embaixo) aparece para sincronizar os dados do computador para o iPhone e tem um aviso de que isso só será feito na próxima sincronização. Você marca as coisas importantes que você sincronizou do iPhone para o computador antes de restaurar e clica em sincronizar. Essas coisas importantes são os contatos, notas e etc que você sincronizou com o computador antes de restaurar. Não tem erro, mas cuidado, porque se você fizer alguma coisa de errado, você perde tudo. Por isso eu recomendo você sincronizar com o computador e salvar os dados em arquivos. Salve os contatos sincronizados que estarão no Address Book, salve as notas que estarão no Mail e etc. Depois, é só passar tudo de novo: músicas, fotos, apps e coisas assim. Então, você terá um iPhone com os mesmos dados mas ele ficará um pouco mais rápido porque não terá restaurado do backup. Espero ter ajudado!
  13. Mas se comprar não pelo site da Apple ou do Me, mas pela loja (como Fnac, por exemplo), não precisará do cartão de crédito? É só instalar e após um ano ele dirá que acabou? E se eu colocar o cartão de crédito ele não ficará filiado à minha Apple ID que eu uso na iTunes Store, né? Muito obrigado pela ajuda até agora e aguardo mais respostas, por favor!
  14. Toda vez (há 2 anos, desde que comprei meu 1º iPhone) eu tinha esse dilema. Comprar ou não comprar? Me falaram que se eu fosse esperar para comprar um iPhone, eu nunca compraria um, porque um novo sempre seria lançado. Eu comprei um 3G em maio de 2009 e o 3GS foi lançado nos EUA em junho de 2009. Confesso que dessa compra eu me arrependi, porque o iPhone 3G começou a ficar muito lerdo. No ano seguinte, comprei o 3GS e estou com ele agora. Não quero comprar o 4 porque os outros recursos pra mim não são muito importantes, o que é mais importante para mim é rapidez e qualidade gráfica. A diferença de velocidade do 3GS para o 4 é mínima, mas há uma enorme diferença de qualidade gráfica. Por isso, eu esperarei o próximo iPhone ser lançado no Brasil para comprar e não comprarei o 4. Acho que vai da necessidade de cada um. Se você nunca teve um iPhone e quer ter um, compre o iPhone 4, será uma ótima aquisição. Como no Brasil só chegará por volta de outubro, melhor você comprar o iPhone 4 logo. Espero ter ajudado!
×
×
  • Criar Novo...