Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Flávio Campos

Membros
  • Total de itens

    38
  • Registrou-se em

  • Última visita

Sobre Flávio Campos

  • Rank
    Já conheço o ambiente.

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. Redefini ajustes e conteúdo e depois restaurei o backup. Aparentemente voltou ao normal. Mas estava completamente bizarro. Caindo um nivel de bateria pelo menos de minuto em minuto e o mais estranho é que mesmo com ele no carregador, a bateria ainda caia. Falei do iOS 11 e não do WatchOS4 porque senti essa diferença quando tinha baixado só o novo iOS. O WatchOS instalei só mais tarde. De algum jeito a conexão do iPhone com ele que devia estar sugando a bateria. Se tiverem esse problema também, recomendo redefinir.
  2. Mais alguém aí está sentindo que a bateria do AppleWatch está indo para o saco desde que atualizou o iOS 11? Minha bateria sempre costumou durar o dia todo sem sacrifício. Agora não está durando nem metade do dia, além de estar demorando um século para carregar. Acredito que possa ser alguma coisa na relação de Bluetooth do iPhone com o Watch. Quando comecei a reparar nisso, apenas o iPhone estava atualizado. Abraços
  3. Há muitos anos, como não havia uma iTunes Store brasileira, tenho uma Apple Id americana usando créditos de gift card. Recentemente resolvi mudar a conta para o Brasil já que meus créditos estavam acabando muito rápido com o Apple Music. Já tinha pesquisado muito sobre o assunto é sabia que uma das consequências era que não apareceriam mais meu histórico no meus itens comprados. No entanto, tudo que havia baixado poderia baixar de novo sem custo desde que houvesse disponibilidade na loja brasileira. Para minha surpresa, ao testar o download de uma compra anterior, ele não aparece somente o botão obter. Aparece o preço do app para comprar de novo. O que eu faço? Realmente procedia essa informação que não pagaria de novo por algo já baixado? Há muitos anos, como não havia uma iTunes Store brasileira, tenho uma Apple Id americana usando créditos de gift card. Recentemente resolvi mudar a conta para o Brasil já que meus créditos estavam acabando muito rápido com o Apple Music. Já tinha pesquisado muito sobre o assunto é sabia que uma das consequências era que não apareceriam mais meu histórico no meus itens comprados. No entanto, tudo que havia baixado poderia baixar de novo sem custo desde que houvesse disponibilidade na loja brasileira. Para minha surpresa, ao testar o download de uma compra anterior, ele não aparece somente o botão obter. Aparece o preço do app para comprar de novo. O que eu faço? Realmente procedia essa informação que não pagaria de novo por algo já baixado?
  4. Olá pessoal Estou tentando acessar minhas fotos no iCloud.com há alguns dias e não estou conseguindo. Pelo meu iPhone vejo que a biblioteca já foi atualizada há pouco, mas pelo iCloud.com aparece a seguinte mensagem: Bem-vindo(a) ao Fotos O app Fotos funciona de forma eficiente com a Biblioteca de Fotos do iCloud para manter todas as suas fotos e vídeos armazenados no iCloud e atualizados em todos os seus dispositivos iOS. Preparando sua biblioteca... Esse processo pode levar alguns minutos.Pode levar algum tempo para preparar uma biblioteca grande. Este processo continuará mesmo se você sair do iCloud.com. é bom destacar que não era a primeira vez que usava o iCloud.com para ver as fotos. Já usava há alguns meses e não tive um volume grande de imagens nova desde a última vez que entrei. Alguém está tendo o mesmo problema? Alguma ideia como resolver?
  5. Olá pessoal A Apple acabou de liberar um beta do OS para desenvolvedores que finalmente traz o novo Photos. Desde o anúncio tenho algumas dúvidas sobre como irá substituir o iPhoto em suas funções mais úteis para mim. Os desenvolvedores daqui já tiveram oportunidade de testar? Será que conseguem me responder as seguintes dúvidas: - Na migração do iPhoto ele leva a foto, mantendo a versão não editada? - Uma coisa que gostava muito do iPhoto é que podia editar as fotos, mas manter os arquivos originais. Isso está presente no Photos e integrando todas as plataformas. Mas minha dúvida é se quando migrar, o que será transportado do iPhoto para o Photos é só a versão final ou poderia voltar a versão original sempre que quiser. - Na migração do iPhoto ele mantém os metadados que alteramos? Data, hora e localização editados vão para o Photos? - O recurso de editar a data das fotos era fundamental para mim, uma vez que muitas vezes recemos fotos com esses dados bem bagunçados - É possível editar data, hora e e localização no novo fotos para Mac? Acho que é isso por enquanto. Já sabemos que o recurso Faces morreu (parece até que na migração ele vai transformar essa informação em tags). Abraços
  6. Eu tenho que me conectar ao Mac para fazer isso? Não faz muito sentido. Deveria ser wire-free já que estamso falando de núvens.
  7. Olá Finalmente todos temos acesso ao iCloud Photo Library. A questão é que a solução promete otimizar a capacidade do seu iPhone e iPad ao armazenar as fotos com qualidade só nas nuvens. Ativei o serviço, subi tudo, marquei para manter no iPhone só as fotos otimizadas e continuo e as imagens continuam ocupando o mesmo espaço que antes. Alguém sabe como posso fazer para que o espaço no meu iphone seja otimizado ao mesmo tempo que tenho as fotos em qualidade só no iCloud? Imagino que quando pegar um iPhone novo as fotos já viram assim, mas como que faço com as que tirei no aparelho? Elas não saem do telefone?
  8. Olá pessoal iOS acabou de ser lançado e tenho uma dúvida/decepção. Quando foi anunciado na WWDC, prometia armazenar todas suas fotos no iCloud. Logo me empolguei pensando que finalmente poderia liberar muito do espaço que ocupo com fotos tanto no Mac, iPhone e iPad. Poderia ter tudo nas núvens, sem consumir espaço dos devices e ao mesmo tempo com uma biblioteca muito maior e integrada. A questão é que até o momento não consegui fazer nada disso. Como jogo minhas fotos para o iCloud e líbero espaço nos devices. Será que entendi tudo errado? Se não para usar assim, não faz tanto sentido ter 200, 500GB ou 1T.
  9. Olá pessoal Estou com um problema e queria ver se vocês conseguem me ajudar. Tenho um iPhone adquirido fora do país, bloqueado e se não me engano ele já veio com iOS 6.1.3-6.1.5. Já vi que recentemente ganhamos um montei de opções de jailbreak http://macmagazine.com.br/2013/12/30/mais-jailbreak-nova-solucao-untethered-para-ios-6-1-3-6-1-5-whited00r-e-update-da-evasi0n/ Preciso fazer o jailbreak para conseguir usá-lo já que veio com bloqueio de operadora. Ao tentar os metodos novos eu nem consigo começar. Aparece a mensagem que o aparelho precisa ser ativado antes. Tem algum método de fazer sem ativação da operadora?
  10. Comprei um iPhone 5 bloqueado nos EUA e pretendia fazer jailbreak como já tinha feito várias vezes. Mas pelo que parece, o aparelho já veio com o bendito iOS 6.1.4 que até então está sem desbloqueio. Alguma dica de como posso proceder? Dá para fazer downgrade para o 6.0 mesmo o aparelho sem ser ativado por falta e SIM válido? Alguma luz, amigos?
  11. Olá pessoal Tenho um iPhone bloqueado em uma operadora mexicana. Ele quebrou e troquei em uma viagem aos EUA. Obviamente ele foi trocado por um iPhone bloqueado. A questão é: Que tipo de bloqueio vem neste aparelho trocado? É um bloqueio que só libera a a operadora original, ou um bloqueio geral que me daria brecha para desbloquear em uma ativação em operadora Brasileira? Alguém tem ideia?
  12. Pessoal, Estou com um desafio interessante que achei ser bem mais simples. Já tentei de tudo e agora peço ajuda para os universitários. Como podem ver no título do tópico, eu quero restaurar um iPhone que achei. E antes de começarem a falar que eu tenho que devolver etc, já digo que tentei e não consegui. Tipo uma coisa é você devolver dinheiro que achou em uma carteira. Outra é você tentar devolver dinheiro solto, sem identificação que achou no chão. Esse foi o caso. Achado não é roubado. Quem não sabe usar Find My Iphone que é relaxado (e provavelmente estava completamente bebado). Como ainda vai ter gente me julgando, vou esccrever abaixo a história em vermelho e vocês vão entender que não sou bandido. Se você está preocupado com o desafio, e não em me julgar, pode ir diretro para a parte azul do texto. O iPHONE ACHADO Na verdade foi minha namorada que achou. Ela está nos Estados Unidos e neste último sábado foi a um bar na California e achou o benidito iPhone 5 branco. Não! Não era nenhum protótipo. Era um iPhone 5 normal. A cena sendo passada em um bar já nos leva a pensar que um bebado perdeu. Se vocês vissem o iPhone teria mais certeza ainda disso. Ele está completamente esmigalhado. Um bebado deve ter deixado o iPhone cair no chão. E se der mole outros bebados não perceberam e pisotearam ele. E claro que o iPhone estava com bloqueio de código. O que eu sempre achei um grande erro em usar. Se alguma emergência acontecer com você na rua as pessoas não teriam acesso aos seus contatos e poderiam saber quem você é e até avisar conhecidos. Se você perder ou for roubado, basta procurar um computador e travar pelo Find My iPhone (o ladrão não tera tempo de bisbilhotar seus dados enquanto foge. Dá tempo de usar o Find My iPhone antes). E o que aconteceu foi isso. Ela estava com um celular sem conseguir descobrir de quem é. Mas não tem problema: Vamos deixar o aparelho ligado que assim a pessoa vai conseguir entrar em contato e até nos localizar. Óbvio que um usuário de iPhone 5 tem a mínima perspicácia para recuperá-lo se quem achou tem boa fé. ERRADO. A pessoa provavelmente estava realmente bem bebada, deve ter acordado muito tarde e só se deu conta que estava sem celular umas 16 horas depois. O que ela fez? Ligou e mandou mensagem. UMA ÚNICA VEZ. Só que nestes momentos minha namorada não estava perto do aparelho e não pode atender. E como a pessoa ligou de um telefone que já tinha na agenda, não aparecia o número para retornar, só o nome. Cara se você perde o telefone, vê que ele estava ligado e só tenta ligar uma vez? Que falta de jogo de cintura da pessoa. A mensagem que a dona mandou fala até de recomensa (que não era a questão), mas a mula não mandou um contato para retorno. A pessoa nem deve ter ouvido falar em Find My iPhone. Sinceramente, sempre dei esporro para meus amigos que nem ignorantes são e desprezavam ou eram céticos quanto ao recurso. iPhone deveria ser proibido de comercialização para pessoas que não tem a menor noção do que estão adquirindo. Mais algumas horas depois, recebe uma mensagem da TelCel (operado mexicana. Mais um motivo para não conseguir devolver. Dos EUA não conseguiria nem achar uma loja para dar o telefone e eles identificarem pelo chip) falando que o plano foi encerrado. Ou seja, quase não tentou recuperar o iPhone e desligou qualquer conexão que o aparelho tinha e podeia facilitar achá-lo. Essa é a história. Ainda acham que sou ruim? Se não acham, tentem me ajudar com o problema abaixo. O DESAFIO Como falei a cima, achei esse iPhone 5 que está bloqueado por código, tem chip de uma operadora mexicana, está quebrado, e desconfio que possa ter tido bloqueio de IMEI. Vamos aos problemas: iPhone com bloqueio por código - Ah vai ser molezinha. Basta restaurar o aparelho colocando em modo DFU. Também, achei, mas toda a vez que fazia o procedimento (tendo certeza que estava fazendo certinho), chegava um momento em que a restauração encerrava e dizia que precisava desbloquear o aparelho. Será que quando notificaram para a operadora que o aparelho sumiu, será que bloquearam o IMEI e com isso o iTunes identifica e não deixa desbloquear? Tem algum sentido minha especulação? Conseguem pensarm em outra saída ou o porque de não estar conseguindo restaurar. Será que terei que tentar todas as combinações de senha? Esse é o primeiro problema. Talvez o iPhone tenha bloqueio de operadora - Pelo que pesquisei, a Apple no México vende aparelho desbloqueado, mas acho que as operadoras não (não conseguir ter acesso a essa informação de modo claro). O lindo seria se o iPhone fosse desbloqueado, mas pode ser que não seja, e aí? É só fazer o jaillbreak normal? Tem anos que não faço isso. Ainda desbloqueia operadora (mesmo mexicana)? Acho que isso não vai ser um grande problema (desde que consiga desbloquear o código antes). Bloqueio de IMEI - Suspeito que a pessoa notificou a operadora o desaparecimento do aparelho. O que fazer neste caso? Existe algum jeito de mudar o IMEI (vi que era possível em versão mais antigas do iPhone). Tela quebrada - Aí a parada também parece simples mas acho que pode ser perigoso. A intenção é levar para a Apple e trocar. Mas será que eles pedem para desbloquear o aparelho e conferem IMEI. Será que posso ser preso por consertar o iPhone perdido e quebrado de um bebado rs? Se eles nem olharem nada disso, não preciso me preocupar em desbloquear o código. Basta levar o telefone, pagar o conserto e eles me dariam um iPhone novo sem senha, se o quebrado for desbloqueado, ótimo, se não for eles me dão um bloqueado e depois faço jaillbreak. O que acham? Tem risco? Acho que eles não trocariam só a tela porque está tão destruída que é mais fácil trocar o aparelho. Também não estou cogitando que o proprietário tenha o serial vinculado a Apple ID. Me surpreenderia se um usuário tão inesperiente tivesse. Então gente? Aceitam o desafio? Quero reforçar que essa ajuda é para um iPhone achado e que não foi possível devolver. Podem me mandar mensagem particular para não ficar aí um tutorial de desbloqueio para ladrões. Abs e valeu a ajuda.
  13. Consegui, amigos. Valeu a ajuda. Baixei direto pelo site como o Marcelo sugeriu. A sugestão do Leandro faz muito sentido, mas fiquei com medo de mexer em algo do disco. Valeu mesmo
  14. Sim. É um iMac. O que você quer dizer com permissão de disco? Pode me explicar melhor? Valeu a ajuda
  15. Olá amigos Estou tendo um problema há um tempo e não estou conseguindo resolver e nem entende a lógica. Será que um de vocês consegue me dar uma luz? É o seguinte... Parece que meu Mac está preso no 10.8.2 e não quer atualizar de jeito nenhum. Não sei ao certo porque na hora não dei muita importância, mas acho que a primeira vez que fui atualizar para sair dessa versão, houve algum problema na hora de reiniciar e não consegui instalar a atualização. Mas tudo bem. Achei que era só entrar de novo na Mac app Store, clicar para atualizar e pronto. Que nada. A Mac App Store fica o tempo todo com uma atualização pendente, autorizo, automaticamente reinicia o Mac, mas nada é instalado. Vocês tem alguma ideia de o qu seja e como resolver? Será que tem algum jeito de limpar essa atualização que está no gatilho, só esperando a reinicialização e aí baixar de novo do zero? Me ajudem, please!!!!
×
×
  • Criar Novo...