Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Gabriel M Couto

Membros
  • Total de itens

    3.104
  • Registrou-se em

  • Última visita

1 Seguidor

Sobre Gabriel M Couto

  • Rank
    To Serve And Protect
  • Data de Nascimento 10-07-1989

Contact Methods

Profile Information

  • Sexo
    Masculino
  • Localização
    Porto Alegre

Últimos Visitantes

8.771 visualizações
  1. Um dos motivos deve ser porque a qualidade do spotify para sync é 320kbps, e no Rdio é 192kbps.
  2. Há muitos anos eu ficava assim como vocês, pessoal. Eu ficava indignado pelo excesso de opinião e parcialidade. Já cheguei até pensar que o Rafael não dava ouvidos as pessoas, e discuti com ele sobre tudo isso. O engraçado é que eu já era moderador, e no fim das contas ele me ouviu... e eu ouvi ele. Se ele fosse autoritário, como uns dizem, eu nem continuaria como moderador. Acontece que ele tem a opinião dele, assim como todos nós. Nem sempre vamos concordar com tudo. Aliás, o MM é um blog/site de opinião, e isso é a alma do site. De fã para fã. Na vida nem sempre vamos concordar com tudo que uma outra pessoa diz. No site é a mesma coisa. De qualquer maneira, dá para ver no conteúdo das notícias o esforço dos editores de colocar tudo em pratos limpos. De vez em quando vejo escapar uma frase exagerada, salientando um fato bobo como se fosse muito... mas no meio de um texto que falou várias verdades. Eu, como leitor, não me incomodo. Concordo com os que sentem falta do IntenseDebate, ele era muito bom para debates. O Facebook torna toda discussão travada, desmotivando o leitor a discutir o post. Mas se a equipe precisou mudar o sistema de comentários por causa da necessidade exagerada de moderação do ID, parece bem compreensível. Inclusive há um post explicando isso no site, se não me falha a memória. Não há como agradar a todos, mas às vezes a gente se cega com nossas pequenas discordâncias, também. Não estou dizendo que é o caso, mas acontece. Não vou opinar muito porque - mesmo sendo um fã - ando meio distante do mundo Apple. Porém, sempre dou um pulo no site e no fórum.
  3. Já aproveito e faço um mini review do Deezer e do Rdio que testei por um tempo. O Deezer e o Rdio possuem contratos com as mesmas gravadoras, se não me engano. Então o repertório deve ser igual. O que pode ser diferente é as restrições entre países. Isso o Deezer ganha de longe. Dos teste que fiz, sempre o que havia em um havia no outro... e quando eu não encontrava algo, no outro também. O Rdio foca bastante na interface e é bem bonito(interface web), mas não me acostumei com ele. A grande vantagem dele é o desconto para pacote em família e popularidade, provavelmente você tem muitos amigos do Facebook lá e poderá saber o que eles estão ouvindo. Ele também tem aplicativo nativo para computador, o que para algumas pessoas é legal. ** Tem alguns detalhes que não curti muito é que o menu Coleção não passa de um playlist em categoria diferente. Na minha idéia uma "Coleção" ou "Biblioteca" deveria reunir tudo que você curtiu ou adicionou em listas, podendo ver um sumário do seu conteúdo. O Deezer tem mais cara de player clássico(interface web), estilo SongBird ou um iTunes antigo. Ele tem plicativos internos(que aumentam a utilidade do serviço) e upload de músicas próprias. Tem as mesmas funções sociais que o Rdio, porém quase ninguém conhece o serviço. A interface em algumas partes deixa a desejar. A minha maior queixa com o serviço é não ter um histórico de músicas tocadas. Eu escolhi o Deezer porque depois que me apeguei aos aplicativos internos, se tornaram um diferencial interessante. É a melhor maneira de encontrar músicas boas que ninguém conhece. Um dos aplicativos (Cubic) é ótimo para playlists instantâneas, você seleciona uma atividade e um ritmo, e descobre muitas músicas boas para escutar enquanto faz aquela atividade. Seja relaxar, fazer festa, rala-e-rola, viajar, etc. A atividade que você quer provavelmente está lá. O Spotify é dos poucos serviços que se destacam por uma gama maior de músicas(além do upload), como o Xbox Music. Esses serviços são os que chegam mais perto da lista de músicas disponível para compra no iTunes, até minha última pesquisa. Eu só não fui de Xbox Music porque não queria ficar preso. E como o Spotify não tem por aqui, não fiz questão de fazer gambiarras com outros serviços disponíveis. Eu só não tenho evangelizado o pessoal que conheço para o Deezer porque estão rolando esses rumores do Spotify saindo em Setembro, e talvez eu migre. Não adianta eu convidar todo mundo e depois ir embora. Tenho que testar primeiro. Mas como o Spotify é um serviço antigo e consolidado, imagino que ele deva ser melhor que os outros.
  4. Dependendo do Mac que você usa, o BootCamp não suporta o Windows 8. Versões antigas do BootCamp simulam uma partição MBR para instalar o Windows. E o Windows 8 funciona apenas em partições GPT. Apenas os Macs com o BootCamp mais recente possuem um modo de instalação próprio para o Windows 8. Imagino que a instalação seja possível desfazendo a partição pelo BootCamp e criando uma partição nova diretamente pelo Utilitário de Disco. Isso deveria desativar a emulação do MBR. Porém não sei se isso é garantido. http://support.apple.com/kb/HT5628?viewlocale=pt_BR&locale=pt_BR
  5. Uma pergunta: o Spotify não exige proxy para conexão e login após a compra? (tenho um VPN, mas não curto gambiarras diárias) Eu estou assinando o Deezer(ao invés do popular Rdio) atualmente porque ele tem uns aplicativos muito bons para descoberta de música. Eu abro o Cubic.fm (app do Deezer), escolho músicas para relaxar, escolho um estilo(normalmente Downtempo)... e ele monta uma rádio show. Vou marcando as músicas que gosto. Infelizmente essa funcionalidade não tem no Rdio. Mas ouvi falar muito bem do repertório do Spotify. Por isso estou interessado.
  6. pode ter arrastado sem querer com o trackpad, eu já fiz poucas vezes. mas percebi na hora que tinha arrastado a pasta errada, ou para a pasta errada.... e um CMD+Z deu conta do recado.
  7. que tal olhar na Lixeira? Sei que é tosco. Mas pode ser isso.
  8. no iPad essas ferramentas não existem porque o sistema não permite. logo, eles tiveram que fazer uma aplicação sem isso... se quisessem fazer presença no iOS. de qualquer maneira, se você for uma pessoa educada digitalmente, não precisa dessas ferramentas adicionais.
  9. Ligue para a Caixa e peça para desativar as ferramentas adicionais de segurança para sua conta. Não sei se ainda é assim, mas há muito tempo isso servia.
  10. Se não funcionar a dica do Alex... baixe o Onyx(google it), que lá tem uma opção para refazer todo o índice do Spotlight. Demora, mas deve funcionar.
  11. A primeira coisa que eu pensei quando vi o Mac Pro foi "é uma lixeira!!!" hehehehe Apesar das comparações é uma máquina extremamente bonita e fodástica. Mostrei pra minha namorada e até ela ficou se babando.
  12. O problema do Google comprar não é ele se popularizar. É o Google passar a escolher o destino de um aplicativo livre. Eu gosto do Google, mas não quero ele controlando tudo. De qualquer maneira, se não fossem eles, o Facebook compraria. E o Facebook é... aquela porcaria que fica jogando propagandas que você não quer ver... na sua cara. Pelo menos o Google vai se tornar o motor de busca padrão do Waze. Isso já ajuda muito, porque o motor deles falho. E ninguém faz buscas como o Google.
  13. A Sony já esclareceu esse mal entendido causado pela entrevista de Jack Tretton, e isso se trata apenas do Online Pass. Não existe ativação para nenhuma publisher. O sistema do PS4 não cobre esse tipo de funcionalidade. http://www.kotaku.com.br/sony-e3-2013-usados-publishers/ Agora os redatores do Kotaku levantaram a possibilidade das publishers implementarem uma ativação própria, dentro do jogo. Mas isso foi só para gerar flames. A nota da press release deixa implícito que não será assim.
  14. Uma das coisas chatas do PC é o som. Nos consoles eu jogo com DD5.1 ou DTS só ligando um cabo(HDMI ou Óptico). Nos PCs tem que ter placa de som dedicada, ou fazer configurações extras... um saco. Mas peraí... esse tópico é sobre PS4!!!!
  15. um PC top dura todo esse tempo tranquilamente. Acontece que ela não vai aproveitar todas as tecnologias que as placas novas dispõe, necessitando desativar recursos atuais dos jogos(rodar no modo DX9)... mas uma placa potente aguenta jogos por anos a fio. Uma GeForce 6800 de 2004 roda Far Cry 3(final do ano passado) no máximo. Até a 8500, que é uma placa fraca da mesma série, também roda(porém se peidando). É mais ou menos como funcionam os videogames. Só que os desenvolvedores fazem um fine-tuning do jogo de maneira a não ser tão notável a redução na qualidade. (normalmente eles removem elementos na versão de videogame) Sem contar que um PC nunca é um desperdício. Você pode fazer qualquer coisa nele. Não apenas jogar. Além da possibilidade de fazer upgrades. Não me leve a mal, eu prefiro consoles. Só estou revendo minha posição anterior sobre o console da Microsoft. No final das contas acho que ele não é tão atrativo em relação ao PS4 devido a depreciação.
×
×
  • Criar Novo...