Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

lucasamorim

Membros
  • Total de itens

    42
  • Registrou-se em

  • Última visita

1 Seguidor

Sobre lucasamorim

  • Rank
    Já conheço o ambiente.
  • Data de Nascimento 17-08-1998

Profile Information

  • Sexo
    Masculino
  • Localização
    Maceio/AL

Últimos Visitantes

402 visualizações
  1. lucasamorim

    VIVO 4G+

    Duas coisas: 1. O tal do 4G+ felizmente não é só marketing. Esse foi o nome que a Vivo e outras operadoras deram para a agregação de bandas LTE. Agregando bandas, consegue-se mais espectro e possivelmente maiores velocidades. Quem quiser saber um pouco mais sobre Carrier Aggregation: http://www.3gpp.org/technologies/keywords-acronyms/101-carrier-aggregation-explained 2. O iPhone não mostra se está fazendo CA ou não, o mostrador continuará mostrando 4G/LTE, diferentemente de alguns aparelhos Android que indicam 4G+ quando o CA está habilitado. Para verificar se um iPhone está fazendo agregação de bandas, deve-se usar o Field Test:
  2. lucasamorim

    Atualizar meu Hackintosh Yosemite para El Capitan

    Vai ser difícil funcionar de primeira. Se o sistema chegar a ligar após a atualização, muito provavelmente você estará com as kexts desatualizadas, e precisará trocar a versão. Acontece também do sistema simplesmente não dar mais boot, travar no logo da Apple, mas ai podem ser vários problemas, kexts incompatíveis, arquivos importantes para boot que foram removidos durante o Update, etc... Nesses casos eu tentaria o safe mode ou single User pra arrumar, mas nunca precisei porque até hoje fiz somente uma atualização pela App Store, e ela deu parcialmente certo (tive que rodar o Multibeast novamente depois de atualizar).
  3. lucasamorim

    Conexão: Como Por Senha?

    Se está segura, vá em frente. Eu digo para olhar o manual porque têm pessoas que preferem ter certeza absoluta antes de fazer qualquer coisa. Mas o processo é padrão como você disse. Vá em frente. Faça o reset com o clipe e reconfigurar acessando o 192.168.0.1. A chance de ser assim é muito grande em D-LINK. Só uma coisa, consegue me passar o modelo desse roteador?
  4. lucasamorim

    Conexão: Como Por Senha?

    Normalmente a D-Link fornece os manuais de seus produtos em seu site, então não teria que se preocupar. Mas você pode conferir antes de fazer qualquer modificação, só por garantia. O processo pode ser feito de qualquer computador, desde que esteja conectado ao roteador. Pode ser até por wireless.
  5. lucasamorim

    Conexão: Como Por Senha?

    Oi Sandra, se você não sabe a senha de acesso ao setup do roteador, você deve fazer o reset deste para que a senha volte a ser a padrão de fábrica (não estou falando aqui da senha Wireless, e sim da senha de acesso à configuração). Para restaurar o roteador aos padrões de fábrica, normalmente pressiona-se um botão, com um clipe ou outro material pontiagudo, que se localiza na parte traseira do aparelho, normalmente o pressionamento deve ser de 10 segundos. Depois da restauração e inicialização do aparelho, tente acessar o setup (que você chamou de site do fabricante) pelo IP padrão, normalmente a D-Link coloca 192.168.0.1. Em caso de dúvidas, estas informações constam no manual do aparelho. Munida da senha padrão (às vezes nem senha tem, é so deixar em branco, em caso de dúvidas, o manual também tem essas informações), entre no setup e configure a rede wireless conforme quiser, senha e nome. Prefira criptografia WPA2. Depois de configurar o nome da rede e senha, salve e altere a senha do setup, não precisa ser e nem é recomendado que seja a mesma da rede. Esse passo é importante, pois se você deixar a senha padrão, qualquer pessoa que conectou na rede, seja por cabo ou wireless, terá fácil acesso ao setup e consequentemente poderá alterar todas as configurações. Espero ter ajudado e se tiver dúvidas, pode perguntar.
  6. lucasamorim

    Problemas com lentidão e distância

    Se você pode passar um cabo entre o roteador e o Mac, escolha essa opção. Pode não ser a mais bonita ou mais fácil de realizar, mas vai ser de longe a solução mais estável.
  7. lucasamorim

    Dica de um bom navegador, leve e semelhante ao Safari

    Tem uma extensão para Chrome chamada "Read Mode" ou algo assim, basicamente disponibiliza um modo de leitura no Chrome. Agora, esse negócio de memória é relativo. Quanto o seu PC tem? Pergunto porque tenho aqui um notebook com 4GB e não apresenta problema nenhum de consumo exagerado. Claro que capacidades pequenas, como 2GB, são insuficientes para usar o Chrome, aliás, 2GB não dá para nada, não deveria nem ser considerada uma opção hoje em dia.
  8. lucasamorim

    Qual é o melhor notebook pra se fazer um Hackintosh?

    Acer/Gateway é de longe a melhor marca para fazer um hackintosh. Tenho um Gateway aqui e foi muito fácil fazer, principalmente com os vários tutoriais disponíveis no tonymacx86. Sent from my LG-D802 using Tapatalk
  9. lucasamorim

    Troca de Roteador

    Se você costuma baixar muito torrent ou na sua casa a internet é usada por várias pessoas ao mesmo tempo, sim, esse Asus seria uma ótima opção. Mas nem sempre será o melhor custo-beneficio. Um Archer C7 ou C8 fará um ótimo trabalho com um custo menor. Se a rede for pouco exigida, você pode inclusive pegar um Archer C2. O Asus que você citou é top de linha, tem que ter muito tráfego para acontecer gargalo ou travamentos. Lembrando que todos os roteadores que eu citei já são melhores que o Time Capsule de 2011.
  10. lucasamorim

    HD SSD Virgem | Sistema El Capitan

    @CARDINA, Não sabia que não dava para editar o post anterior, de qualquer forma, aqui está o link da imagem: https://drive.google.com/open?id=0Bx3Nxhv_oTrTVXVnMlYxWWN5aVk
  11. lucasamorim

    HD SSD Virgem | Sistema El Capitan

    Eu não percebi que meu laptop estava fora do carregador e a bateria acabou antes de terminar o upload... Bom, mais 3 horas de upload, começando agora. Então lá para umas 20 horas eu disponibilizou o link. Essa NET Virtua é uma droga mesmo, 120Mega para download e só 6 para upload, é complicado.
  12. lucasamorim

    HD SSD Virgem | Sistema El Capitan

    Fala @CARDINA, Criar uma máquina virtual com o Mac OS é algo bem chato de fazer. É bem provável que nem funcione ou fique instável. Imagens de instalação é o que não falta, visto que existe o Niresh ou o Yosemite Zone, ambas versões pirateadas do disco original de instalação dos respectivos sistemas (Mavericks e Yosemite). Essas distribuições pirateadas são extremamente úteis para quem quer instalar o OS X num PC, mas não tem um Mac disponível para usar o Unibeast ou ferramente similar. Além de terem o OS X (obviamente), elas já contém patches para certos tipos de PC, sendo possível instalar o OS X em uma processador AMD, ou até mesmo instala-lo em MBR, algo que a Apple nunca usou. -- Passada toda essa explicação das distribuições não oficiais do OS X, eu descobri um método de instalação bem fácil e que muito provavelmente dará certo para você. Este método consiste em criar uma imagem RAW de uma mídia de instalação criada pelo OS X. Uma imagem RAW não fará nenhuma alteração em relação ao disco, em outras palavras, tudo que está no disco é clonado para um arquivo. Sabendo disso, fiz o seguinte: - Baixei o OS X no meu laptop (é um hackintosh, mas serve para o que vamos fazer) - Usei o comando createinstallmedia do Terminal para copiar os arquivos de instalação do El Capitan para uma mídia. - Reiniciei o laptop de volta para o Windows - Usei o programa Win32 Disk Imager para criar a cópia RAW da mídia criada pelo OS X. Então basicamente o que você tem que fazer é: - Baixar o programa Win32 Disk Imager (https://sourceforge.net/projects/win32diskimager/) - Baixar a imagem do OS X (estou fazendo o upload, por volta de 17h15 deverá terminar) - Obter um pen-drive de 8 GB ou mais como anteriormente e conecta-lo ao PC. - No Win32 Disk Imager (não esqueça de rodar como Administrador, só funciona assim), clique na pastinha azul e selecione a imagem do OS X que você baixou. - Em Device, selecione a letra do pen-drive. - Clique em Write e aguarde. - Assim que terminar, desconecte o pen-drive do Windows e coloque no Mac. - Tente iniciar o Mac com aquele procedimento do Option. Lembrando que o Windows mostrará o pen-drive vazio. Isso é normal, uma vez que o Windows reconhecerá somente a partição EFI do pen-drive (que está em FAT32), a partição com os arquivos de instalação está em HFS, e o Windows por padrão não lê esse sistema de arquivos.
  13. lucasamorim

    HD SSD Virgem | Sistema El Capitan

    Você abriu o Disk Utility (Utilitário de Disco) para formatar o SSD novo? Se ele copiou os arquivos pode não ser esse problema, mas é sempre bom tentar. Formate com o sistema de arquivos Mac os expandido (registro cronológico) e tente novamente. -- Além disso, essa recuperação online pode apresentar alguns problemas durante a restauração do sistema mesmo, o melhor seria tentar instalar o sistema através de um pendrive com o OS X. Se você tiver um Mac funcional de fácil acesso, baixe o El Capitan pela App Store e use essa ferramenta (http://diskmakerx.com/) para criar um pendrive bootável com o OS X. Depois disso, só conectar o pendrive, ligar o Mac, rapidamente pressionar e segurar a tecla Option, selecionar o pendrive na lista e prosseguir com a instalação. Com um PC também dá para fazer, embora não com a mesma facilidade (afinal não são métodos oficiais): 1) Baixe o DMG do El Capitan: https://drive.google.com/open?id=0Bx3Nxhv_oTrTZ2hvZVZhTl9OMkE (torrent) 2) Obtenha um pendrive de uns 8GB ou mais e conecte no PC. 3) Abra um prompt de comando como administrador e digite os seguintes comandos: diskpart list disk select disk x (substitua x pelo número do pendrive) clean convert gpt create partition primary A cada comando digitando, é necessário apertar ENTER. 4) Baixe o programa Transmac em http://www.acutesystems.com/scrtm.htm (é pago, mas tem 15 dias de testes que vão servir para nosso propósito) 5) Abra o TransMac. No painel da esquerda tem uma lista com os discos conectados ao computador, clique com o botão direito e selecione a opção "Restore With Disk Image". 6) Na Janela que abrir, selecione o DMG que foi baixado anteriormente pelo torrent, clique no botão "Abrir" (ou "Open" dependendo do idioma) e aguarde enquanto o TransMac transfere a imagem para o pendrive. 7) Assim que terminar, remova o pendrive do PC e coloque-o no mac. 8) Ligue o Mac e imediatamente pressione e segure a tecla Option, na tela de boot, selecione o pendrive e prossiga com a instalação. -- Ficou grande, mas acho que está com um bom nível de detalhe. Espero que consiga instalar o sistema no seu mac, boa sorte.
  14. lucasamorim

    HD SSD Virgem | Sistema El Capitan

    Bom dia @CARDINA, Se você está precisando de uma imagem do El Capitan, tem um torresmo para isso aqui: http://www.mac-torrent-download.net/application/utility/mac-os-x-el-capitan-10-11-1-15b42-installesd/ Esse eu já sei que funciona, dois cliques no DMG para abrir. Não que seja diferente do que está na App Store, se você tem acesso a um Mac, nem faz sentido baixar esse torrent. -- Dando uma pesquisada a respeito do seu erro, vários lugares falavam que a causa dele poderia ser o horário incorreto no computador. Para ajustar, você precisa entrar no terminal (está na barra superior). No terminal, digite "date" sem as aspas para conferir a data. Se estiver errada digite "date MMDDHHMMAAAA" (substitua pelos valores corretos, na ordem: mês, dia, hora, minuto, ano). Depois disso, digite "date" novamente para ver se o horário foi alterado. Se foi, tente prosseguir com a instalação.
  15. lucasamorim

    iMac 2009 ainda vale a pena?

    Pessoalmente, eu nunca pegaria um Mac tão antigo assim. Core2Duo já é um processador bem ultrapassado. Além disso, a versão do Core2Duo que tem nesses iMacs é a mobile, ou seja, menos performance. Além de tudo isto, existe o fato de que uma máquina Core2Duo gasta bem mais que uma máquina com processador Core iX. E a diferença é grande: um iMac 2015 21,5 polegadas consome 58W, já um iMac 2008 20 polegadas consome nada menos que 200W. Fazendo alguns cálculos aqui para minha cidade, desconsiderando impostos e taxas (o suficiente para comparação): o iMac 2008 gastará R$28,80 por mês, ligado 8 horas por dia, todos os dias. Já o iMac 2015 gastará R$ 8,40 nas mesma condições de uso. É uma diferença considerável.
×