Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

davidcmc

Membros
  • Total de itens

    72
  • Registrou-se em

  • Última visita

Tudo que davidcmc postou

  1. Foram descontinuados lá fora. No Brasil, a Apple insiste em vender o modelo 10W.
  2. Acredito que não existe chassi eGPU oficialmente no mercado brasileiro. Importar um negócio nesse valor não me deixa confortável. A menos que existisse garantia no Brasil... Mas, não há.
  3. Algum lugar no Brasil que vende chassi eGPU?
  4. Seu cartão é Nubank? Acredito que a AppStore US está recusando cartões com base no próprio banco emissor, independente do ZIP Code. Tinha um Itaucard internacional que estava associado a uma Apple ID US, funcionava normalmente. Cancelei este Itaucard na época em que peguei um Nubank. Mesmo sendo internacional e mesmo colocando os 5 primeiros dígitos do meu CEP da fatura correspondente ao ZIP Code dos EUA, a AppStore US recusou todas as vezes. Basicamente, o esquema dos 5 dígitos do CEP virarem ZIP não funciona com determinados bancos emissores de cartões.
  5. Acho que o varejo brasileiro ainda não tem essas cases eGPU disponíveis. Aguardarei estes produtos serem vendidos por aqui, inclusive pela garantia. 300 dólares (fora o frete) não sairiam por menos de 1.000 reais. Pagar este valor e ficar sem garantia não vai dar.
  6. Normal aqui. Uso Office em inglês. Provavelmente é algum bug simples relacionado à interface da versão traduzida.
  7. Não confundir as portas Mini DisplayPort (MDP) e USB-C com a interface Thunderbolt. As interfaces Thunderbolt 1 e 2 usavam a porta MDP, e este sempre foi um grande motivo para a falta de popularização delas. A porta MDP nunca chegou ao nível de popularidade das portas HDMI e USB. Agora, como a interface Thunderbolt 3 se adequou à porta USB-C, a tendência de popularização acaba sendo meio inevitável. A porta USB-C tem características que lhe permitem compatibilidade com diversas interfaces, como HDMI 2.0, DisplayPort 1.2, USB, Ethernet, PCI-Express 3.0, além do próprio Thunderbolt 3 (compreendido como interface). É evidente que a porta USB-C está substituindo a tradicional USB-A. Os computadores, em um futuro próximo, terão apenas portas USB-C, que servirão para praticamente tudo. Computadores com suporte à interface Thunderbolt 3 serão bem mais comuns basicamente porque a porta de comunicação será popular.
  8. Monaco, tem ideia dos preços e da data de disponibilidade dos novos MBPs? Sent from my D5833 using Tapatalk
  9. Pretendo comprar um MBP 13" com TouchBar, mas isso vai depender dos preços que os vendedores daqui do fórum cobrarão.
  10. Qual seu MacBook? Por acaso seria MBP Retina de 2015? Se sim, esse provavelmente é o motivo. No início do ano, comprei um MX Anywhere 2 justamente para usar por Bluetooth com meu MBP 13" Retina 2015. Movimento do ponteiro bastante intermitente e scrolling mesma coisa. Soluções: conectar a uma rede wifi de 5 GHz; usar o mouse com o Unifying receiver da Logitech; desativar wifi (). A causa do problema é uma falha no design do hardware desse MBP. De alguma maneira, o chip Bluetooth e o chip wifi interferem quando ambos estão em operação (sendo que o wifi está conectado numa rede de 2,4 GHz). Ambas as redes operam no mesmo espectro de 2,4 GHz. Em tese, era para eles funcionarem simultaneamente de forma pacífica, mas algum problema de design nos chips desse MBP não permite isso. Testei o mesmo MX Anywhere 2 no Bluetooth de um MBA 2015 da minha irmã, conectado a uma rede wifi de 2,4 GHz. Funcionou perfeiamente. Quando coloco no meu, o movimento fica cheio de intermitência. Só soluciona o problema quando conecto meu MBP numa rede wifi de 5 GHz ou desativo o Bluetooth e uso o Unifying receiver. Eu vinha usando com o Unifying receiver (e o software Logitech Options) há um tempo, mas decidi voltar a usar mouse com fio. Comprei um Daedalus Prime G302 da Logitech. Mouse muito bom, gostei bastante dele. Além disso, o movimento do ponteiro ficou sem qualquer lag perceptível. O MX Anywhere 2, tanto com Bluetooth (com rede wifi 5 GHz) quanto com o Unifying receiver, causava lag no movimento (lembrando que aqui lag ≠ intermitência) no macOS. Testei o MX Anywhere 2 com Unifying receiver num PC com Windows 7 e não teve lag algum no movimento (tampouco intermitência), o que me leva à conclusão de que o lag pode ser alguma característica do macOS. De qualquer forma, o G302, mouse com fio, não apresenta lag no macOS, e obviamente nenhuma intermitência (por não sofrer interferência de rede sem fio).
  11. davidcmc

    Perfis de Energia

    Creio que o gerenciamento seja independente. No máximo, há as configurações de energia do Preferências de Sistema. O OS X gerencia muito bem a energia consumida sem a necessidade desses perfis personalizados. Para o usuário ficam apenas os hábitos de conservação de energia, como brilho da tela e do teclado, além dos tipos de aplicativos que está usando.
  12. Acho que compensa mais comprar uma case Thunderbolt 2 (ou 3, se já existir) e usar o SSD externo. Dá para usar como drive de boot. Outra solução é um case USB 3.0 com suporte a UASP (USB Attached SCSI Protocol), que custa mais barato do que as cases Thunderbolt. É importante que a case tenha suporte a UASP, pois este protocolo traz melhorias significativas para interfaces USB 3.0 usadas com HD ou SSD externos, principalmente quando são usados como drive de boot. Outra coisa é que o UASP dá suporte a TRIM pela interface USB 3.0. Evidentemente, as taxas de leitura e escrita do Thunderbolt 2 (e o 3 mais ainda) são superiores às do USB 3.0. A questão é o quanto isso seria importante para você. Pelo que pesquisei há algum tempo, as latências de acesso são bem parecidas tanto no USB 3.0 com UASP quanto no Thunderbolt 2.
  13. O pessoal que faz eGPU com Thunderbolt 2 PCI-E costuma usar esse case: https://www.akitio.com/expansion/thunder2-pcie-box. O protocolo PCI-E versão 3.0, em 1-lane (1x), tem largura de banda máxima de 984.6 MBytes/s. Em 16-lane (16x), a banda sobe para 15.754 GBytes/s. A interface Thunderbolt 2, por sua vez, tem uma largura de banda de 20 Gbits/s. 20 Gbits/s = 2,5 GBytes/s. Veja a diferença de 2,5 GBytes/s (Thunderbolt 2) para os 15,7 GBytes/s do PCI-E em 16x (ou seja, no slot da própria placa-mãe). Perceba que, se você usar qualquer tipo de adaptador que reduza a largura de banda do protocolo PCI-E para velocidade 1x, estará usando menos da metade da largura de banda do Thunderbolt 2. Em outras palavras, é inviável usar uma GPU em PCI-E rodando com 1-lane (1x). Com 984 MBytes/s de largura de banda você não vai rodar nenhum Battlefield 1 ou qualquer jogo pesado de forma satisfatória. Minha sugestão novamente: ou espera o Thunderbolt 3 nos MBP 2016 ou parte para uma case Thunderbolt 2 com PCI-E 16x. A case que postei acima possui um slot PCI-E 16x (mas obviamente a largura de banda ficará limitada aos 20 Gb/s, ou 2,5 GB/s, do Thunderbolt 2.
  14. Esse adaptador da gambiarra que você pretende fazer usa padrão PCI-E 1x, que na minha opinião perderá tanta performance que não valerá a pena. Minha sugestão: espera o lançamento dos MBP 2016. Eles virão com Thunderbolt 3.0, padrão que, segundo a Intel, já virá com suporte nativo para eGPU. Fabricantes como Powercolor e MSI já anunciaram seus produtos direcionados às eGPUs. Sairá um pouco mais caro, mas você terá um produto bem acabado e com suporte ao Thunderbolt 3, que tem o dobro de banda em relação ao Thunderbolt 2. Nesses casos, é muito provável que a Apple não dará suporte oficial a eGPUs. A saída será fazer modificação no macOS ou rodar o Boot Camp.
  15. O Office a que o gufao se refere é o Office 2016. Perceba que Office 365 não é um único produto, mas sim um serviço de assinatura anual que disponibiliza softwares da Microsoft de forma sempre atualizada (Word 2016, Excel 2016, PowerPoint 2016, Outlook etc.), além de 1 TB no OneDrive e minutos de ligação no Skype. Em outras palavras: hoje o Office 365 fornece o Word 2016 para Mac (além do PowerPoint, Excel etc.). Em 2018 ele fornecerá o Word 2019 para Mac (caso a Microsoft lance nova versão até lá). A diferença básica entre pagar pelo Office 365 e pela suíte standalone Office 2016 é que esta se trata de uma compra única, enquanto aquela se refere a um serviço anual. É possível comprar 1 ano de Office 365 por valores entre 40 e 60 reais, com as promoções que os varejistas fazem (fique de olho no www.zoom.com.br e nos fóruns de promoções Adrenaline e hardMOB). Por que muita gente prefere o Office 365? 1 TB de OneDrive basicamente ao preço de ~50 reais por ano (a título de comparação: 1 TB no DropBox custa 119,88 DÓLARES. Agora faça a conversão para o Real...); vários minutos de ligação no Skype; se for comparar com o preço da versão standalone Office 2016 Home & Student (que gira em torno dos 400 reais), com o 365 você terá softwares da suíte Office sempre atualizadas, pagando cerca de 250 reais por 5 anos de serviço. Ex.: você paga hoje 400 reais pela versão standalone do Office 2016 e em 2018 a Microsoft lança o Office 2019 para Mac. Você terá pago 400 reais para usar menos de 3 anos da versão mais recente do Office. Com o 365, por 250 reais você terá as versões 2016 da suíte Office e, em 2018, terá as versões 2019, com uma assinatura até 2021. Entendeu essa parte? As atualizações a que me refiro não são as correções de bugs, mas sim as versões "grandes" de lançamento, que recebem nomenclatura dos anos (2010, 2013, 2016 etc.); a versão 365 tem Outlook, Access e Publisher. Se quiser esses softwares na versão standalone, terá que comprar o Office Professional 2016, que custa apenas 1699 reais. Viu que o 365 é muito mais vantajoso, né? Procure as promoções do Office 365 aqui no Brasil. Quando encontrar nesses preços entre 40 e 60 reais, compra logo umas 5 unidades, como muita gente faz.
  16. Sobre o AppleCare de lá, liga para a Apple daqui do Brasil. Eu acho que a cobertura é global, mas recomendo que você tire essa dúvida com eles.
  17. Logitech MX Anywhere 2 (Bluetooth 4.0) Comprei o meu nessa loja: http://www.kabum.com.br/produto/71412/mouse-sem-fio-logitech-mx-anywhere2-bluetooth-e-usb-recarregavel/?tag=mx anywhere 2 Só um detalhe importante: alguns Macs têm problemas com gerenciamento de sinal sem fio na faixa 2,4 GHz. Essa é a faixa usada pelo Bluetooth e pela maioria das redes wifi. Alguns Macs, quando estão conectados a uma rede wifi em 2,4 GHz, sofrem interferência no sinal do dispositivo Bluetooth. A consequência pode ser um movimento intermitente (não suave) do mouse ou problemas no som (tipo caixas de som com Bluetooth). Meu MBP Retina 2015 tem esse problema de interferência. O MBAir da minha irmã não tem. A solução para o meu caso foi conectar meu MBP numa rede wifi de 5 GHz. Assim, não há interferência entre o wifi (5 GHz) e o Bluetooth do mouse (2,4 GHz). No mais, aqui no fórum tem gente vendendo o Magic Mouse 2 por um preço bem abaixo do oficial. Dê uma olhada no tópico do WILLIAMSHELDON, lá na seção Classificados.
  18. Nunca comprei AppleCare por esses lugares. Recentemente, comprei na iPlace (por um valor bem abaixo do oficial, por sinal). Verifiquei que o part number é exatamente o vendido pela própria Apple antes de fazer a compra. Chegou e já ativei com o código que vem na caixinha. Para essas dúvidas, creio que a melhor solução seja ligar para o suporte da Apple. Falo isso porque se você entrar na Apple Store dos EUA, perceberá que o part number do AppleCare para o MBP Retina 13" lá é o MD014LL/A, enquanto o mesmo produto vendido na Apple Store do Brasil tem o part number MD015BR/A. Porém, eu chuto que isso não fará diferença. O que importa é que seja o AppleCare apropriado para determinado Mac, independentemente do part number. Por exemplo: meu MBP Retina 13" 2015 veio de fora, mas ativei um AppleCare cujo part number é o vendido aqui no Brasil.
  19. Entre no site http://www.apple.com/br/support/products/mac.html, lá embaixo clique em "Comprar" no MacBook (sem ser Pro ou Air), coloque na sacola e verá que o modelo do AppleCare apropriado é o MD015BR/A.
  20. De qualquer forma, acredito que os cabos foram projetados para aguentar a tensão quando enrolados nas orelhas do carregador. No seu caso, provavelmente a assistência vai alegar mau uso.
  21. Aquilo escuro ao redor do conector MagSafe é sujeira ou perda da camada de alumínio? Se for perda da camada de alumínio, como isso aconteceu tão rápido? Uso um MBP 2015 desde julho/2015 e tá tudo impecável até o momento. Uma observação que faço é quanto ao armazenamento do carregador. Não gosto de usar aquelas duas orelhas do bloco do carregador, pois percebo que enrolar o cabo ali significa uma tensão maior, pelo pequeno espaço para enrolar. Sempre enrolo o cabo usando a palma da minha mão, e mesmo assim ainda deixo uma folga. Na prática, o cabo fica solto, mas sempre num formato circular. Guardo o carregador num compartimento da minha bolsa de notebook dedicado exclusivamente para ele (nenhum outro objeto nesse compartimento, apenas o carregador).
×
×
  • Criar Novo...