Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Pesquisar na Comunidade

Mostrando resultados para as tags ''4G''.



Mais opções de pesquisa

  • Pesquisar por Tags

    Digite tags separadas por vírgulas
  • Pesquisar por Autor

Tipo de Conteúdo


Fóruns

  • Apple Inc.
    • Apple, Revendas & Assistências
    • Novidades & Rumores
  • Hardware
    • Desktops
    • Laptops
    • Smartphones, Tablets & Gadgets
    • Periféricos, Componentes & Acessórios
    • Hackintosh
  • Software
    • Aplicativos (apps)
    • [Mac] OS X
    • Outros Sistemas & Mac vs. PC
    • Programação & Desenvolvimento para iOS
  • Outros Tópicos
    • Conectividade: Redes & Internet
    • Multimídia
    • Arte, (Web) Design, 3D & Interfaces
    • Jogos
  • MM Bar & Café
    • Off-Topic & Encontros
    • MacMagazine
    • Ofertas/promoções
    • Classificados
    • Usados Apple

Encontrar resultados em...

Encontrar resultados que...


Data de Criação

  • Início

    FIM


Data de Atualização

  • Início

    FIM


Filtrar pelo número de...

Data de Registro

  • Início

    FIM


Grupo


URL do site


ICQ


Skype


Localização


Interesses

Encontrados 42 registros

  1. Recentemente notei que o botão de ativação ou não da rede de dados 3G do meu iPhone 5 tinha mudado, agora fica aparecendo "Ativar 4G", existe alguma lógica para isso?; Ele nem é compatível com o 4G do Brasil. Ps: Comprei o aparelho no Brasil mesmo.
  2. Pessoal, segue notícia para aqueles que compraram o 5s compatível com o 4G nacional e não conseguem usar! Mesmo quem foi para outro país comprar um iPhone 5s (ou 5c) compatível com nossa rede 4G brasileira (Austrália, França, Alemanha, Reino Unido e alguns outros) não está conseguindo habilitar a rede ultrarrápida por aqui. A razão disso, segundo algumas conversas de bastidores que ouvimos por aí, é que as operadoras nacionais precisam dar o suporte da rede especificamente para os novos modelos de iPhone, coisa que ainda não aconteceu. De fato, assim como ocorreu na época de implementação do FaceTime e do iMessage, a operadora precisa fazer alguns ajustes em suas redes para “liberar”o 4G no iPhone 5s e 5c, mesmo que o aparelho já seja compatível com a banda 7. O que é normal, visto que o aparelho não é vendido oficialmente no Brasil. Segundo algumas fontes, isso está sendo já preparado e deverá estar regularizado nos próximos dias. Portanto, se você comprou um aparelho compatível com nosso 4G e não está conseguindo se conectar nesta rede, saiba que esta é a razão.
  3. Pessoal, Estou querendo partir para o 4G, entretanto não estou conseguindo ver a velocidade dos planos oferecidos. Claro, percebi que eles passaram o 3G+ para 1mb de velocidade (antes era 5mb), e o 4G na verdade é que tem os 5mb. Achei um absurdo. Vivo, não sei qual a velocidade que se pode atingir, não achei no site - só vi que os planos 4G são MUITO caros. Tim, ainda não pesquisei. Oi, ainda não pesquisei. Qual vocês tem? Está valendo a pena? Quanto vocês estão pagando? Qual a velocidade no Speedtest?
  4. Olá pessoal! Alguém testou iPad 4 geração com um chip 4G brasileiro? Já que o iPad é mundial, vai que já estava inclusa a frequência do Brasil que já'era usada em algum oputro país. Vai saber...
  5. Boa notícia! http://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/folha-online/dinheiro/2013/02/04/governo-acelera-leilao-que-devera-expandir-internet-4g.htm
  6. Tenho um celular Android, não é muito bom, e já estou cansado dele. Só que ele tem uma vantagem, pois dá pra criar um ponto de acesso wi-fi com ele. Achei um iPod por 400$, e o 3GS pelo que estou olhando está na faixa de 300$ à 400$ (usado, claro). Se fosse com vocês, o que prefeririam? A minha dúvida é ainda maior pelo fato de o iPod ter câmera frontal, apesar de ser uma porcaria, e a tela retina. Mas algo que me deixou frustado foi que a câmera traseira não tem auto focus, e eu realmente estava querendo começar a postar umas fotos com mais qualidade de foco no meu Instagram, haha. Att.
  7. Antes de mais nada, vou lhes dar as opções que tenho. iPad 3, 32GB: 660U$ iPad 3, 16GB: 523U$ iPad mini, 32GB: 587U$ Como devem perceber, a minha grande preocupação é quanto a memória, senão, provavelmente já teria optado pelo iPad 3 16GB e se bobear, até poderia pegar um modelo com 4G. Andei pesquisando muito, e me surgiu a ideia se dar uma olhada no iPad mini também, que já vem atualizado com o novo conector e os EarPods. (O iPad 4 está caríssimo, fora de cogitação) Eu sei que o mini não tem a bendita Retina Display, mas e daí, nem ligo pra isso, desde que dê pra enxergar bem, pra mim ta ótimo. E a qualidade dele, por ser uma tela menor, não é superior a do iPad 2? Considerando que meu uso no iPad seria mais ou menos: 3,0GB de música 1,0GB de fotos Vídeos nem olho, mas quem sabe, um filme de vez em quando. Aplicativos: Facebook, Twitter, Instagram, iMovie, e uns 7 jogos. Os 16GB será que são suficientes? Ou é melhor pegar o mini, com 32GB? Eu antes estava pensando em um iPod touch 5G, mas ví que seria inútil andar com dois aparelhos no bolso (Blackberry + iPod). Por falar em Blackberry, vocês sabem se dá pra criar ponto de acesso com ele? Assim eu poderia compartilhar conexão 3G com o iPad. Enfim, tentei ser o mais específico o possível. Peço para que deem a opinião de vocês e à justifique. Mas se estiverem com preguiça de justificar podem só falar qual escolheria, rs. Obrigado, abraços.
  8. Li num blog que o iOS 6.1. ativou a compatibilidade do iPhone 5 com o a Banda 7 (a mesma utilizada pelas operadoras brasileiras para o suporte 4G LTE). Na Dinamarca, na versão Beta do iOS 6.1., essa versão já permite o suporte 4G LTE pela mesma frequência utilizada pela Anatel. Se for verdade, será uma mão na roda, pois poderemos usar o iPhone 5 com todas as suas potencialidades. Alguém tem mais alguma informação acerca desse dado?
  9. Pronto... finalmente algumas informações mais precisas para acabar com toda especulação que vinhamos desenvolvendo em vários tópicos que esbarravam no assunto iPhone 5 no Brasil e LTE. Direto da FSP: Link Em junho de 2013, quando a seleção de futebol estrear na Copa das Confederações, o Brasil entrará na era da internet móvel 4G. As operadoras de telefonia têm até abril para começar a vender o serviço, que, no início, será para poucos --não pelo preço, mas pela cobertura. Rede 4G é veloz, mas qualidade tende a cair Aparelhos 4G começam a chegar ao Brasil Test Drive: Razr HD pode tirar Motorola da sombra da Apple e da Samsung Em sua estreia, o 4G estará disponível em, no máximo, 50% da área urbana das seis sedes do torneio (Brasília, Belo Horizonte, Fortaleza, Recife, Salvador e Rio), totalizando cerca de 10 mil antenas. Editoria de Arte/Folhapress Quem vinculou a implantação da rede 4G ao torneio de futebol foi o governo, dentro dos preparativos de infraestrutura para o Mundial de 2014. Por isso, São Paulo, que não sedia a Copa das Confederações, não é prioridade agora e pode demorar ainda mais para receber o 4G. Para especialistas do setor ouvidos pela Folha, as 10 mil antenas não são o suficiente, pois, para cobrir a mesma área de uma antena 3G, é preciso três ou quatro antenas 4G --por isso a oferta do novo serviço será tão limitada. Apesar da área restrita, a rede 4G nacional oferecerá os mesmos recursos das disponíveis no exterior: velocidade de transmissão de dados até 15 vezes superior à do 3G. O que significa, por exemplo, poder assistir a partidas de futebol ao vivo pelo celular sem as interrupções e os engasgos típicos do 3G brasileiro. Na semana passada, durante a feira de telecomunicações Futurecom, no Rio, as teles anunciaram o início da construção das redes 4G que, nesta primeira etapa, aproveitarão a estrutura já existente --uma torre com equipamento 3G também terá o 4G. A TIM é a única ainda em fase de negociação, mas anunciou que está prestes a fechar contratos. A Claro e a Oi já fazem testes fechados do serviço, em redes experimentais em Campos do Jordão (SP), Paraty (RJ), Búzios (RJ) e Brasília, no caso da Claro, e no bairro do Leblon, no caso da Oi. Somados, os investimentos das quatro operadoras devem chegar a R$ 4 bilhões nessa primeira fase de implantação do 4G, sem contar os R$ 2,9 bilhões já gastos com as licenças do serviço, leiloadas em junho passado. Editoria de Arte/Folhapress QUANTO VAI CUSTAR? As operadoras começam agora a fechar o modelo de negócio e desejam lançar os planos 4G no Carnaval. A Folha apurou que está em estudo a viabilidade de planos 4G pelo preço do 3G com quantidade de dados definida (em torno de 20 Gbytes). O presidente da TIM Fiber, Rogerio Takayanagi, disse que o custo unitário da transmissão em 4G já é praticamente o mesmo do 3G. "Mas ainda estamos estudando os modelos", disse. Na Europa, o 4G custa mais em planos com velocidades de 50 Mbps e 100 Mbps, mas, em muitos casos, há restrição de dados.
  10. Ae galera, estava no site do TechTudo e ví isso aqui: http://g1.globo.com/sp/vale-do-paraiba-regiao/noticia/2012/09/campos-do-jordao-da-largada-no-uso-da-tecnologia-de-internet-4g.html E aí, nada de iPhone 5, né?! Ou estou errado?
  11. Pessoal, estou querendo comprar o novo iphone 5 assim que lançar, mas o meu medo é de quando chegar aqui no brasil não pegar o 3g. Minha duvida é, alguém sabe da informação se trazer um iphone 5 importado irá pegar com a tecnologia 3g ou 3g max, que são as únicas disponíveis no brasil no momento?
  12. Porque o iPhone 5 “ainda” não funcionará 4G no Brasil macmais.com.br por Sérgio Miranda (@saam). September 14th, 2012 Desde o anúncio do iPhone 5 no dia 12 de setembro, não se fala em outra coisa: se eu comprar um no exterior, vai funcionar o 4G aqui? E pelo que pudemos perceber, a resposta não é tão clara como nos anos passados. Mas depois de alguma pesquisa, já podemos vislumbrar um cenário mais ou menos promissor. A tecnologia 4G (ou LTE, como preferem chamar hoje em dia, da sigla Long Term Evolution) foi fatiada em diversas bandas (de 1 até 40, variando de 700 a 2700 MHz. Cada operadora vai escolhendo uma determinada banda para atuar. Por exemplo, nos Estados Unidos estão disponíveis as bandas 1, 2 e 4 e no Canadá, existem operadoras atuando na banda 4 e 7. Na Europa, Alemanha usa a banda 7, 3 e 20 e Suécia na banda 7 e 3. No Brasil, a banda 7 será comercializada por Oi, Vivo, TIM e Claro e a 38 será vendida pela Sky e Sunrise. Segundo a própria Apple, o iPhone 5 até o momento será compatível com países que utilizam a banda 1, 3, 4, 5, 13, 17 e 25 do LTE, que poderão ser usadas nos EUA, Canadá, alguns países da Europa e também asiáticos. Isso quer dizer que o Brasil (e a Suíça, Áustria e Noruega), por enquanto, estão fora do 4G. Mas a Apple já prometeu para o dia 28 de setembro, iPhones 5 para Suíça, Áustria e Noruega, que também usam a banda 7, e as operadoras destes países também afirmam que o smartphone será compatível com o LTE local. Outro ponto a se considerar é o fato do iPhone 5 usar o nano-SIM (4FF), menor e mais fino que o micro-SIM (3FF) usado atualmente pelos modelos 4 e 4S. E não pense que dá para cortar, como fizemos do SIM original (2FF) para o micro-SIM. No Brasil, por enquanto, nenhuma operadora se manifestou sobre datas de lançamento para o iPhone 5 por aqui. A Apple afirmou que até dezembro de 2012 cerca de 100 países já terão o novo iPhone. A Vivo já avisou que terá os nano-SIM no dia 15 de setembro, mas as outras três grandes operadoras no país (TIM, Oi e Claro) não se manifestaram. Então, para quem quiser ter o iPhone 5 e já está pensando em usar o 4G por aqui no futuro, o ideal é esperar até o dia 28 de setembro e adquirir um nos três países europeus que usam apenas a banda 7 (Suíça, Áustria e Noruega). É bom lembrar que apenas três cidades estão em fase de testes para o 4G, Campos de Jordão (SP), Búzios e Parati (RJ) e apenas para a operadora Claro e que o LTE só chegará comercialmente por aqui em meados de 2013 e que em 2014, o plano é que apenas as cidades sede da copa já tenham o 4G funcionando plenamente. Para quem não liga para o 4G, no dia 21 de setembro apenas o Canadá e países europeus que vendam desbloqueados terão iPhones 5 que funcionarão no Brasil, mas com velocidade 3G. A partir do dia 28 de setembro, operadoras americanas pequenas, como a Cricket, venderão os aparelhos pré-pagos, sem contrato (não há informação se as três grandes, AT&T, Verizon e Sprint, além da própria Apple, venderão os aparelhos sem contrato ou desbloqueados já no dia 28 de setembro).
  13. Olá pessoal. Alguém já instalou o iOS 6 Beta no Novo iPad WiFi + Celular (4G) comprado no Brasil? Eu queria saber qual é a versão correta para instalação, no iOS Developer Center existem 3 versões diferentes, WiFi, WiFi + Celular ATT e WiFi + Celular Verizon. Procurei no Google mas não achei nada, estou com medo de atualizar o iPad com a versão errada e perder o "4G" (3G).
  14. Gente toda vez que tenho sincronizar meu iPod 4G aparece essa mensagem: "o iPod não pode ser sincronizado porquê o início da sessão de sincronização falhou." O que pode ser? Alguém tem ideia? Pensei que fosse algo relacionado ao espaço, mas não é. Minhas música mais vídeo não passam de 2GB. E tenho 2,5GB livres... Já reiniciei, etc. Já tem um tempo com esse erro, não aguento ficar sem minhas músicas! Valeu!
  15. Boa noite! Como vou adquirir um iPad 3ª geração no inicio de maio em NYC, estou um pouco preocupado com o que tenho lido nos sites especializados e em fóruns do mundo a fora ( incluindo o da própria Apple) quanto à inúmeras reclamações de clientes do new iPad quanto ao péssimo e instável sinal Wi-fi . Pergunto aos amigos: 1. Quem aqui do fórum de fato está passando por esse problema? 2. Li num fórum espanhol que só a versão Wi fi está vindo com esse problema. Os 4G+Wifi estao isentos deste problema. Verdade? 3. Claro que nao sao todas as unidades vendidas, mas..... vai que eu seja sorteado! Kkkkkkkkkkk Aproveitando: - qual a versão do novo iPad Wifi +4G eu devo comprar para usar aqui no Brasil , AT&T& ou Verizon ?????? Aguardo resposta, George Amado iPad 2 Wifi 3G de 32Gg ( me despedindo ) iPhone 4 16Gg MacBook Air de 11'
  16. sALLve galera, Estou com uma duvida tremenda, finalmente estou motivado a comprar o New iPad devido a sua nova tela retina, e como todos sabem tal modelo agora da suporte a rede 4G/LTE (que é inexistente no Brasil) e para piorar a situação ainda há uma incompatibilidade de redes 4G [banda 700MHz (Verizon) e 2.100MHz (AT&T)] dos USA para a nossa futura rede 4G [banda de 2.500MHz] o que deixa o gadgat praticamente imprestável quanto ao 4G suportado pelo dispositivo em terras tupiniquis, só restando a nós brasileiros a opção ao nosso famigerado 3G que tanto amamos, Cof...Cof...Cof... A minha duvida é a seguinte, mesmo sabendo que não haverá suporte a rede 4G aqui no Brasil valeria a pena comprar tal modelo e engolir a nossa rede 3G quando chegar ou é melhor ficar com o modelo Wi-Fi mesmo ??? ALLbraços pessoal Att. Leandro Leal
  17. Daí galera, estou com uma dúvida sobre a tela do novo iPod touch. Eu comprei um branco 4g faz umas duas semanas e agora percebi que no topo, no lado esquerdo, quando aperto a parte branca (não a tela), ele dá uma leve afundada. Como primeira pergunta, gostaria de saber se o vidro afundar um pouco é normal, e o meu até da um 'cliquesinho' quando aperta, não sei se o vidro desse iPod é tão forte. Outra coisa, é que quando clica na tela com força, aparecem aquelas manchas cinzas, eu sei que isso é normal, mas no meu, quando eu clico sem muita força (um pouco de força), as manchas já aparecem, porém isso só ocorre no topo esquerdo da tela. A impressão que eu tenho é que de que o topo esquerdo do iPod está fraco. Esse modelo é bem novo, o branco, sendo assim, gostaria de saber se outros de vocês notaram isso em seus iPods, ou acham eles bem fortes? Se não for normal, e vocês tiverem conhecimento sobre algum caso parecido, gostaria de saber se vocês acham que a Apple troca iPods com esse defeito? Outra coisa, meu iPod tem uma gravação a laser na parte de trás, quando trocado, o outro iPod vem com a marcação também?
×
×
  • Criar Novo...