Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
Deucher

Review do New iPad (Retina) depois de 20 dias de uso

Posts Recomendados

Bom dia, amigos da MacMagazine.

Fiz um review semana passada sobre a experiência de uso do novo iPad comparando-o com o iPad 2 neste tópico, e após mais uma semana de uso intenso, algumas opiniões mudaram um pouco.

Comprei o novo iPad, mesmo já possuindo o iPad 2 (Sou desenvolvedor de aplicativos, e eu preciso dos dois).

Ambos são 16GB, WIFI + 3G.

Fiz o que qualquer um faria no meu lugar. Testar os dois lado a lado e ver as reais diferenças de uso.

A primeira coisa que reparei (e que me ganhou) é a tela retina. Quem tem o iPhone 4/4s sabe bem como é. Pega um iPad 2 e um iPhone 4 lado a lado e veja a diferença. É basicamente essa a sensação de segurar o novo iPad. Realmente a tela é linda, nem ligo se ela tem menos pixels por polegada que o iPhone 4. Eu ainda não consegui ver um píxel nessa tela, embora seja possível, e as cores estão mais vivas. Algumas bobagens melhoraram muito de definição, como a barra de endereços do safari - está mais pretinha enquanto no iPad 2 é meio cinza.

Agora o uso prático: Tela retina ficou linda no safari, ibooks, app store, etc. Somente naquilo que tem texto para renderizar. As fotos também ficaram boas, mas não teve diferenças gritantes comparadas ao iPad 2. Para esse teste ser completo, eu deveria colocar umas fotos em altíssima definição nos dois, mas as fotos batidas no iPhone 4 ficaram praticamente a mesma coisa nos dois.

Jogos ficaram praticamente IGUAIS nos dois. Testei vários títulos, Angry Birds, Cut The Rope, Infinity Blade II, entre outros, e não ví diferença gritante. E alguns até perderam definição no iPad 3.

Sabe o que fez diferença? Aplicativos de iPhone que não são universais (aqueles com o botão 1X/2X). Ficaram mais bonitos no iPad 3, menos pixelizados.

A câmera dele é ótima. Imagina a câmera do iPhone 4s (com o auto foco) mas com 5 mega pixels. O resultado foram fotos muito boas, mesmo as noturnas, sem flash. Bati fotos do mesmo lugar com o iPad 2 e ficaram horríveis. Eu não conto a câmera como vantagem, pois eu não gosto de bater fotos com uma tábua e tenho câmeras melhores pra esse objetivo. Mas essa câmera se tornou extremamente eficiente como scanner, graças ao auto-foco e as ferramentas de edição de imagem do app Fotos ou essas ferramentas de terceiros como o photoshop app.

Mas cara, a vantagem acaba aí!

Espetei o chip 3G do iPad2 nele pra testar. A conexão medida foi igual pela rede da Oi. Funciona perfeitamente, mas o prometido personal hotspot apresentado na keynote não apareceu. Só vai funcionar em rede 4G mesmo, e não teremos essa funcionalidade no Brasil.

Testei o dictation que vem no teclado. Até que meu inglês é razoável, morei na Austrália por um tempo. Ele reconheceu 95% do que eu disse. Se Inglês fosse minha língua oficial, esse recurso seria extremamente interessante. Eu poderia ditar textos e textos no pages ou nas notas em questão de minutos. Mas para o Brasil não existe (ainda) esse recurso, e sabe lá Tim Cook se vai existir.

Alguns aplicativos que funcionam como uma brisa no iPad 2, deram pau no iPad 3, mas aí é trabalho dos desenvolvedores atualizarem seus apps (eu inclusive). Ainda tem muito app faltando atualização.

Agora vem a parte triste. O Hardware.

Esses 50 gramas a mais no peso acabaram comigo. Eu uso muito (mas muito mesmo) o iPad em pé. A graça do iPad é a mobilidade, e eu uso muito em vários lugares. Usei por uma hora e comecei a sentir fadiga nos meus pulsos. Isso até acontece no iPad 2, mas depois de pelo menos 2 horas de uso. E eu sempre tiro a smart cover quando uso em pé.

Ele está mais gordinho. Parece pouca coisa, mas pra quem gosta de tocar o gadget, sentir o tato, mudou muito. Sempre gostei do acabamento dos produtos da apple, até o controle remoto da apple tv eu gosto de segurar.

A bateria é ótima. Mesma experiência do iPad 2. Mas, navegando no safari, ele começou a esquentar. Nunca passei por isso no iPad 2. O 2 sempre ficou geladinho, só esquenta mesmo com jogos power. Depois de esquentar, a bateria começou a drenar. Desliguei na hora e deixei esfriar, pois além de drenar a bateria, aquecimento detona a vida útil dela. Ele esquenta mais na sua mão esquerda, quando estiver segurando em portrait, com o botão home em baixo. Nos meus testes, os dois demoram o mesmo tempo pra carregar 100% na tomada, com seus carregadores de 10W.

Espaço físico:

Os 16 GB pra mim atende. Não coloco músicas nele, e não o deixo superlotado de apps. Vídeos eu assisto e apago. Eu instalo muita coisa, mas deixo no iPad o que eu realmente uso. Pra isso tenho um Mac de 250 GB. Coloco o que preciso no iPad quando quero e excluo os desnecessários. Tirando os apps da própria Apple que triplicaram de tamanho, não senti diferença crucial nos aplicativos de terceiros.

O último teste de fogo foi apresentar os dois iPads a um casal de amigos que nunca tinham visto um iPad na frente. A reação foi previsível, não viram diferença nenhuma. Ficaram encantados com os dois, e quando perguntaram os preços, expliquei as diferenças, e eles se convenceram sozinhos que o iPad 2 é mais custo-benefício.

Minha conclusão, considerando o uso no Brasil:

- iPad 1 foi revolucionário.

- Enquanto não existia iPad 3, o iPad 2 era nota 10, evolucionário, pois evoluiu da primeira geração em todos os aspectos (mais fino, mais rápido, mais leve, câmera frontal, câmera traseira, giroscópio).

Com a chegada da terceira geração, ele caiu de 10 pra 8, dois pontos a menos, por não ser retina e câmera inferior.

- New iPad é nota 7! 10 menos 1 ponto de cada retrocesso comparado com a geração anterior, (peso, espessura e temperatura). Ele retrocedeu mais do que evoluiu, e nem estou contando os apps que ainda não funcionam, pois isso deverá ser corrigido com o tempo. A impressão que dá é que a Apple lançou esse produto com pressa.

Estou dando mais valor do que nunca ao meu querido iPad 2. Um ano depois da compra, ele está perfeito, bateria perfeita, peso perfeito, velocidade perfeita.

Minha dica é:

- Se você não tem nenhum, vá direto pro iPad 3;

- Se você não tem nenhum e a grana ta curta, iPad 2 é ótimo, continua moderno e faz tudo que o 3 faz. É o melhor custo-benefício;

- Se você tem o iPad 1, vá direto pro 3. O único ponto negativo do 3 comparado com o 1 é a temperatura.

- Se você tem o iPad 2, não compre o 3 ainda, a menos que tenha grana sobrando ou precise muito dele como é o meu caso. Mesmo tendo os dois, continuo usando o iPad 2 o tempo todo, e o new ipad está ocioso a maior parte do tempo.

Um abraço.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá. Bacana o seu review comparando os New Ipad com o Ipad 2. Eu bem que nao tive tempo e saco para escrever um também.

Tenho o New Ipad 64GB LTE e um Ipad2 64GB 3G e concordo em grande parte com o que você falou. A tela de Retina realmente é sensacional.

Comentando um pouco... sobre jogos, os poucos que testei realmente ate o momento não notei muita diferença..o que muda é a velocidade de carregamento do jogos. Testei o Fifa12 e realmente no new ipad a resolução das telas de menu estão com uma definição pior do que no Ipad 2. Minha conclusão sobre aplicativos e jogos é que ainda nao estão atualizados e explorando 100% do novo ipad e com o tempo serão atualizados para explorar todo o seu potencial.

Com relação ao 4G/3G: O modelo que tenho é o da AT&T e pelo que andei lendo, somente o modelo da Verizon vem com a função de Hotspot, mas nao tenho certeza se este modelo funciona no brasil... Se não me engano isto será viável com uma atualização do IOS.

Existe sim uma diferença de 3G nos 2 modelos. Utilizo um chip pré pago da Claro onde a taxa de conexão no Ipad 2 chega no máx a 350k e colocando no New Ipad consigo taxa de 5mb. Portanto ele utiliza a conexão HSPA+, isso claro se a sua operadora disponibilizar tal serviço.

Espero ter ajudado.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Minha dica é:

- Se você não tem nenhum, vá direto pro iPad 3;

- Se você não tem nenhum e a grana ta curta, iPad 2 é ótimo, continua moderno e faz tudo que o 3 faz. É o melhor custo-benefício;

- Se você tem o iPad 1, vá direto pro 3. O único ponto negativo do 3 comparado com o 1 é a temperatura.

- Se você tem o iPad 2, não compre o 3 ainda, a menos que tenha grana sobrando ou precise muito dele como é o meu caso. Mesmo tendo os dois, continuo usando o iPad 2 o tempo todo, e o new ipad está ocioso a maior parte do tempo.

Um abraço.

Isso é exatamente o que eu acho.

Valeu pelo review, cara. É bacana ler um review honesto como esse.

Abraços.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pulei do iPad 1 para o new iPad. Sem dúvidas, notei grande diferença para melhor (o que, baseado no seu review, não seria impactante se tivesse o iPad 2).

Colocar o iPad 1 e o new iPad é até estranho, principalmente pela espessura, peso etc.

Concordo com vc quanto à utilidade da câmera do new iPad para escanear. Utilizando os aplicativos corretos, fica perfeito para a função.

No quesito bateria, tbm acho que, mesmo em comparação com o iPad 1, o new iPad esquenta bem mais, mas nada que seja exagerado (tipo, ter que jogar o gadget como se fosse uma batata quente na mão, rsrs).

Para carregar, tbm não vi diferenças. Não é demorado, como foi divulgado uma vez nos sites. ;)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Acho que tem alguns pontos a se falar:

1) como desenvolvedor, vc deve saber que para se ter uma tela retina com essa resolução ABSURDA, precisa de um hardware absurdo também. Nenhuma TV no mercado, notebook, tem essa resolução. E, obviamente, a Apple nao faz milagre, então o hardware esquenta mais mesmo. Acho estranho vc falar em "regressão" num aparelho com essa potência de processamento e de qualidade visual.

2) 1Gb RAM. Você nem comentou sobre isso mas acho uma grande coisa. O iPad 1 tinha 256 RAM e isso é um gargalho grande pra ele. Abrir abas no iPad 1 é mto chato pq sempre vai ter reload. No 2 dobrou-se a RAM, mas ainda achava meio limitante. Agora com 1 esta perfeito.

Acredito que o novo iPad aos poucos vai mostrar sua superioridade importanto ao 2, principalmente com aplicativos que realmente usem seu poder (o que ainda os desenvolvedores estão devendo).

Bom dia, amigos da MacMagazine.

Fiz um review semana passada sobre a experiência de uso do novo iPad comparando-o com o iPad 2 neste tópico, e após mais uma semana de uso intenso, algumas opiniões mudaram um pouco.

Comprei o novo iPad, mesmo já possuindo o iPad 2 (Sou desenvolvedor de aplicativos, e eu preciso dos dois).

Ambos são 16GB, WIFI + 3G.

Fiz o que qualquer um faria no meu lugar. Testar os dois lado a lado e ver as reais diferenças de uso.

A primeira coisa que reparei (e que me ganhou) é a tela retina. Quem tem o iPhone 4/4s sabe bem como é. Pega um iPad 2 e um iPhone 4 lado a lado e veja a diferença. É basicamente essa a sensação de segurar o novo iPad. Realmente a tela é linda, nem ligo se ela tem menos pixels por polegada que o iPhone 4. Eu ainda não consegui ver um píxel nessa tela, embora seja possível, e as cores estão mais vivas. Algumas bobagens melhoraram muito de definição, como a barra de endereços do safari - está mais pretinha enquanto no iPad 2 é meio cinza.

Agora o uso prático: Tela retina ficou linda no safari, ibooks, app store, etc. Somente naquilo que tem texto para renderizar. As fotos também ficaram boas, mas não teve diferenças gritantes comparadas ao iPad 2. Para esse teste ser completo, eu deveria colocar umas fotos em altíssima definição nos dois, mas as fotos batidas no iPhone 4 ficaram praticamente a mesma coisa nos dois.

Jogos ficaram praticamente IGUAIS nos dois. Testei vários títulos, Angry Birds, Cut The Rope, Infinity Blade II, entre outros, e não ví diferença gritante. E alguns até perderam definição no iPad 3.

Sabe o que fez diferença? Aplicativos de iPhone que não são universais (aqueles com o botão 1X/2X). Ficaram mais bonitos no iPad 3, menos pixelizados.

A câmera dele é ótima. Imagina a câmera do iPhone 4s (com o auto foco) mas com 5 mega pixels. O resultado foram fotos muito boas, mesmo as noturnas, sem flash. Bati fotos do mesmo lugar com o iPad 2 e ficaram horríveis. Eu não conto a câmera como vantagem, pois eu não gosto de bater fotos com uma tábua e tenho câmeras melhores pra esse objetivo. Mas essa câmera se tornou extremamente eficiente como scanner, graças ao auto-foco e as ferramentas de edição de imagem do app Fotos ou essas ferramentas de terceiros como o photoshop app.

Mas cara, a vantagem acaba aí!

Espetei o chip 3G do iPad2 nele pra testar. A conexão medida foi igual pela rede da Oi. Funciona perfeitamente, mas o prometido personal hotspot apresentado na keynote não apareceu. Só vai funcionar em rede 4G mesmo, e não teremos essa funcionalidade no Brasil.

Testei o dictation que vem no teclado. Até que meu inglês é razoável, morei na Austrália por um tempo. Ele reconheceu 95% do que eu disse. Se Inglês fosse minha língua oficial, esse recurso seria extremamente interessante. Eu poderia ditar textos e textos no pages ou nas notas em questão de minutos. Mas para o Brasil não existe (ainda) esse recurso, e sabe lá Tim Cook se vai existir.

Alguns aplicativos que funcionam como uma brisa no iPad 2, deram pau no iPad 3, mas aí é trabalho dos desenvolvedores atualizarem seus apps (eu inclusive). Ainda tem muito app faltando atualização.

Agora vem a parte triste. O Hardware.

Esses 50 gramas a mais no peso acabaram comigo. Eu uso muito (mas muito mesmo) o iPad em pé. A graça do iPad é a mobilidade, e eu uso muito em vários lugares. Usei por uma hora e comecei a sentir fadiga nos meus pulsos. Isso até acontece no iPad 2, mas depois de pelo menos 2 horas de uso. E eu sempre tiro a smart cover quando uso em pé.

Ele está mais gordinho. Parece pouca coisa, mas pra quem gosta de tocar o gadget, sentir o tato, mudou muito. Sempre gostei do acabamento dos produtos da apple, até o controle remoto da apple tv eu gosto de segurar.

A bateria é ótima. Mesma experiência do iPad 2. Mas, navegando no safari, ele começou a esquentar. Nunca passei por isso no iPad 2. O 2 sempre ficou geladinho, só esquenta mesmo com jogos power. Depois de esquentar, a bateria começou a drenar. Desliguei na hora e deixei esfriar, pois além de drenar a bateria, aquecimento detona a vida útil dela. Ele esquenta mais na sua mão esquerda, quando estiver segurando em portrait, com o botão home em baixo. Nos meus testes, os dois demoram o mesmo tempo pra carregar 100% na tomada, com seus carregadores de 10W.

Espaço físico:

Os 16 GB pra mim atende. Não coloco músicas nele, e não o deixo superlotado de apps. Vídeos eu assisto e apago. Eu instalo muita coisa, mas deixo no iPad o que eu realmente uso. Pra isso tenho um Mac de 250 GB. Coloco o que preciso no iPad quando quero e excluo os desnecessários. Tirando os apps da própria Apple que triplicaram de tamanho, não senti diferença crucial nos aplicativos de terceiros.

O último teste de fogo foi apresentar os dois iPads a um casal de amigos que nunca tinham visto um iPad na frente. A reação foi previsível, não viram diferença nenhuma. Ficaram encantados com os dois, e quando perguntaram os preços, expliquei as diferenças, e eles se convenceram sozinhos que o iPad 2 é mais custo-benefício.

Minha conclusão, considerando o uso no Brasil:

- iPad 1 foi revolucionário.

- Enquanto não existia iPad 3, o iPad 2 era nota 10, evolucionário, pois evoluiu da primeira geração em todos os aspectos (mais fino, mais rápido, mais leve, câmera frontal, câmera traseira, giroscópio).

Com a chegada da terceira geração, ele caiu de 10 pra 8, dois pontos a menos, por não ser retina e câmera inferior.

- New iPad é nota 7! 10 menos 1 ponto de cada retrocesso comparado com a geração anterior, (peso, espessura e temperatura). Ele retrocedeu mais do que evoluiu, e nem estou contando os apps que ainda não funcionam, pois isso deverá ser corrigido com o tempo. A impressão que dá é que a Apple lançou esse produto com pressa.

Estou dando mais valor do que nunca ao meu querido iPad 2. Um ano depois da compra, ele está perfeito, bateria perfeita, peso perfeito, velocidade perfeita.

Minha dica é:

- Se você não tem nenhum, vá direto pro iPad 3;

- Se você não tem nenhum e a grana ta curta, iPad 2 é ótimo, continua moderno e faz tudo que o 3 faz. É o melhor custo-benefício;

- Se você tem o iPad 1, vá direto pro 3. O único ponto negativo do 3 comparado com o 1 é a temperatura.

- Se você tem o iPad 2, não compre o 3 ainda, a menos que tenha grana sobrando ou precise muito dele como é o meu caso. Mesmo tendo os dois, continuo usando o iPad 2 o tempo todo, e o new ipad está ocioso a maior parte do tempo.

Um abraço.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

1) como desenvolvedor, vc deve saber que para se ter uma tela retina com essa resolução ABSURDA, precisa de um hardware absurdo também. Nenhuma TV no mercado, notebook, tem essa resolução. E, obviamente, a Apple nao faz milagre, então o hardware esquenta mais mesmo. Acho estranho vc falar em "regressão" num aparelho com essa potência de processamento e de qualidade visual.

De forma alguma estou desmerecendo o upgrade do hardware. Ele continua sendo evolucionário comparado com as gerações anteriores. Só acho que alguns pontos não deveriam piorar, como a espessura. O iPhone 4 trouxe a tela retina e ainda assim veio mais fino que o 3G e sem problemas de superaquecimento.

A impressão que tenho é que Jobs estivesse vivo e ativo na Apple, ele iria pegar no pé da equipe sobre esses pontos, que são bobos pra maioria das pessoas, mas para o nível de detalhismo dele são importantes. Ele foi chato o suficiente pra impedir o uso de cooler nos primeiros macintoshs e exigia que os computadores não aquecessem...

2) 1Gb RAM. Você nem comentou sobre isso mas acho uma grande coisa. O iPad 1 tinha 256 RAM e isso é um gargalho grande pra ele. Abrir abas no iPad 1 é mto chato pq sempre vai ter reload. No 2 dobrou-se a RAM, mas ainda achava meio limitante. Agora com 1 esta perfeito.

Do ponto de vista técnico, concordo. Mas nem a própria Apple comenta o upgrade. É que na prática, isso deixou de ser importante. Só se sabe desse upgrade porque alguém abriu o iPad. :D

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

A resolução do iPhone 4 é muito inferior da resolução do Retina do iPad. Apesar de ambas serem Retina. A questão técnica nem é mto simples. Muitos nem acreditavam em Retina no iPad tão cedo, pois nao se sabia como ia colocar processamento dentro da carcaça do iPad.

Enfim, mais uma vez, nao existe milagre pra tanta bateria e hardware ficarem naquela espessura. Acho q com muito trabalho eles vao conseguir voltar a espessura do 2.

E essa ilusao do "se o Jobs tivesse..." ...bom, houve o antennagate com o Jobs, e o novo iPad ja esta em desenvolvimento desde que o SJ estava vivo. Entao acho meio furada isso

De forma alguma estou desmerecendo o upgrade do hardware. Ele continua sendo evolucionário comparado com as gerações anteriores. Só acho que alguns pontos não deveriam piorar, como a espessura. O iPhone 4 trouxe a tela retina e ainda assim veio mais fino que o 3G e sem problemas de superaquecimento.

A impressão que tenho é que Jobs estivesse vivo e ativo na Apple, ele iria pegar no pé da equipe sobre esses pontos, que são bobos pra maioria das pessoas, mas para o nível de detalhismo dele são importantes. Ele foi chato o suficiente pra impedir o uso de cooler nos primeiros macintoshs e exigia que os computadores não aquecessem...

Do ponto de vista técnico, concordo. Mas nem a própria Apple comenta o upgrade. É que na prática, isso deixou de ser importante. Só se sabe desse upgrade porque alguém abriu o iPad. :D

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O review tá bem interessante. Venho questionando a melhor opção ultimamente pois tenho um Ipad 1 e sofro com o Safari. Já estou conseguindo encontrar o Ipad 2 16GB por R$1150,00 e estou considerando comprar um ao invés de encarar um New Ipad (que deve chegar por 1650 modelo de entrada).

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O review tá bem interessante. Venho questionando a melhor opção ultimamente pois tenho um Ipad 1 e sofro com o Safari. Já estou conseguindo encontrar o Ipad 2 16GB por R$1150,00 e estou considerando comprar um ao invés de encarar um New Ipad (que deve chegar por 1650 modelo de entrada).

Vinicius, estou com essa duvida, as abas do ipad continuam recarregando? Eu tinha o 2 e acontecia isso, imagina no 1, espero que no 3 isso tenha melhorado.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Poxa, ótimo review. Concordo em número e grau.

Sem dúvida alguma, o novo iPad é revolucionário. A tela é absurda, tem mais pixels que uma TV de 72".

Um ponto interessante do seu review Deucher: o aumento de peso/espessura como retrocesso. Concordo com você. Apesar de o hardware ser dufuturo, vejo estes aumentos como um ponto negativo, mas não tão negativo quanto você vê. O fato de acharmos ruim esses aumentos pode se dever ao fato de que, desde os primórdios dos eletrônicos(e das máquinas!), cada nova geração de um determinado produto é menor, mais fina, mais leve que a anterior. Aí chega a Apple e engorda o novo iPad. Causa um choque, de fato.

Editado por Matheus F

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Rafael, as abas do safari continuam recarregando como os outros. Não vi melhorias no safari dele.

Mateus, esse "retrocesso" pra mim diz respeito apenas aos macmaniacos como eu que procuram pelo em ovo. A maioria das pessoas nem vai ligar pra isso... :)

Ontem o meu iPad3 travou duas vezes... Fiquei embasbacado...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder este tópico…

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Limpar editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


  • Quem Está Navegando   0 membros estão online

    Nenhum usuário registrado visualizando esta página.



  • Conteúdo Similar

    • Por Minhoca Kurzweil
      Olá pessoal,
      Estou com um iPad 3 que estava com problema no Touch, comprei uma tela nova, e na hora de trocar, acabou danificando o local onde conecta o flat. Conforme a imagem abaixo. Acabou soltando alguns dos "ferrinhos", e depois disso o touch funciona em partes específicas, quase nada.
      Gostaria de saber, se as assistências conseguem arrumar somente isso, sem ter que trocar tudo, ou sem ter q mandar o ipad pra vender as peças.. rsrs
      Agradeço a ajuda.
       

    • Por Ewertton
      Bem, estou com meu iPad 3ª geração há um bom tempo com defeito no display, (Fica piscando, preto e branco, roxo, várias listras...) enfim, quando o defeito começou a ficar notável já estava fora de garantia, e ví que não era viável o conserto, isso já antes de toda essa crise, agora então...
       
       Estou indo em fevereiro pra NY, e estou pensando em levar esse iPad comigo e efetuar a Troca/conserto por lá. Mas a questão é: Quanto custa em média essa troca pro iPad, alguém tem noção ou já fez?
    • Por Deucher
      Vamos especular sobre o provável iPad mini? Os rumores e mockups estão muito fortes.
      Eu começo:
      Cores: Branco e Preto (juro que acredito em opções coloridas no futuro, como os novos iPods Touch)
      Material: Alumínio
      Tela: 7,85 polegadas, retina, 2048x1536 = 326 PPI (não consigo imaginar a Apple lançando alguma coisa que não seja retina hoje em dia)
      Capacidade: 16, 32 e 64 GB
      Memória: 1024 MB DDR2
      Processador: Apple A5X (acho que devem manter o mesmo do new iPad)
      Peso: Aproximadamente 500 Gramas (23% de redução em relação ao new iPad, belo marketing).
      Bateria: 10 Horas (a mesma lithium-ion polymer battery de sempre)
      Câmera frontal: 1,3 Megapixel, a mesma do iPhone 5
      Câmera traseira: 5 Megapixel, semelhante a do iPad 3
      Eu ficaria muito contente com essas configurações... hehe
    • Por engCHS
      Pessoal do fórum, minhas saudações!
      Tenho um tablet rodando Android e, apesar de bem satisfeito com o "todo", vou vendê-lo para comprar um iPad. Me arrependo de não ter comprado antes o iPad, já que custavam o mesmo preço, e tem certos aplicativos exclusivos, alguns dos quais uso no iPod Touch 4, que seriam uma "mão na roda" nas minhas atividades, sobretudo na universidade.
      Minha dúvida, no que peço vossa ajuda, é a seguinte: vale a pena comprar o iPad 3 (ou novo iPad, ou como queiram)? Pergunto isso porque, desde o lançamento dele, muitas críticas têm surgido em relação à confiabilidade do produto. Já vi usuários reclamando:
      da tela (dead pixels, vazamento de luz, amarelidão, etc.): pessoas chegaram a solicitar a substituição do produto 4, 5 vezes!
      da recepção do wifi: sendo fraca ou menos intensa que quando comparada com o iPad 2, e isso me preocupa. Dizem que isso só ocorre nos modelos apenas Wifi e que seria passível de solução após um update;
      de aquecimento demasiado: dizem as más línguas (rsrs) que incomoda no uso prolongado e de aplicativos pesados, embora testes tenham mostrado (?) que as queixas eram exageradas. Isto me soa bastante preocupativo, porque acho o aquecimento pode danificar, a longo prazo, os componentes da adjacência da área de maior calor, e sobretudo diminuir a vida útil da bateria mais rapidamente;
      da bateria: dizem que dura menos que as 10 horas prometidas pela maçã.

      Assim, ainda cogito comprar o iPad 2, que apesar de não ter a fantástica retina com a qual estou acostumado no iTouch, sei que é de excelente qualidade também, pois se já gosto da tela do meu tablet (um Asus Transformer), do iPad 2 sei que gostarei, pois tem mais "ppi" (ainda que pequena a diferença). Além disso, já vi a tela no iPad de um amigo e gostei bastante. A priori, a Retina fica como um capricho, algo desnecessário. Mas, por apresentar o mesmo desempenho do novo iPad, ele é mais fino e mais leve e já está, digamos maduro, em termo de produção.
      Não faço questão do 3G ou mesmo do LTE (cellular, 4G), já que meu smartphone funciona muito bem como hotspot. A diferença de preço entre os modelos de iPad 2 e iPad 3 também não considero, já que são praticamente os mesmos e não pretendo comprar a vista.
      Outro ponto que levantam é que esses problemas com o novo iPad acabariam após uma revisão A, B, whatever... Alguém sabe se isso é verdade, se existem essas revisões e como eu faço para identificar quando da compra? Queria saber de relatos de pessoas aqui do fórum que compraram o novo iPad, em especial recentemente, para saber se esses problemas persistem.
      Peço, antes de tudo, desculpas pelo post imenso e cheio de perguntas. Mas, ficaria extremamente agradecido e ajudado, muito mesmo, se pudessem colaborar.
      Abraços!
    • Por Strobel
      Olá pessoal.
      Meu nome é Ricardo Strobel.
      Esse é meu primeiro post e tópico aqui.
      Infelizmente é pra mostrar problemas em iGadgets.
      Bom, vamos la:
      Em março desse ano(mais especificamente no dia 26), comprei um novo iPad em uma FNAC na Itália, modelo 64gb + Cellular.
      Até começo do mês passado(julho) ele estava perfeito, utilizando-o da melhor maneira possível dentro da minha área que é Webdesign. Sempre cuidei muito bem de tudo que comprei.
      Foi aí que percebi um dead pixel na tela retina do meu iPad, e por menor que ele seja, não consigo parar de olhá-lo cada vez que ligo ele, sou capaz de enxergar esse dead pixel com até 50cm de distância.
      Levei na única autorizada da minha cidade, falei que realmente me atrapalhava, que na minha profissão cada pixel é sagrado, e que a "boa saúde" do display precisa ser de 100%.
      Eles negaram a troca alegando ter apenas 1 dead pixel e que precisam ter 5, sendo todos na mesma região.
      Liguei para o 0800 da Apple, conversei mais de 2h no telefone com 2 atendentes diferentes, explicando o problema, respondendo perguntas e nada foi solucionado, me disseram que nada poderia ser feito. Curto e grosso.
      Para minha felicidade(talvez), surgiu outro problema.. Um vazamento de luz que percebi enquanto utilizava o gadget de noite no quarto escuro.
      Não voltei lá ainda pois estou no meio de um trabalho que preciso utilizar o gadget a todo momento, mas com a má experiencia da primeira vez ja estou com receio da troca ser negada novamente.
      O que vocês sugerem? Pessoal mais experiente em trocas.. Podem me dar uma opinião?
      Aqui vai o link de duas fotos, uma de cada problema:
      http://www.ricardostrobel.com.br/dead.jpg
      http://www.ricardostrobel.com.br/bleed.jpg
      OBS: Incrível como é dificil de fotografar um dead pixel nesse display, apesar de ser facílimo de enxergá-lo.
      Obrigado desde já.
    • Por Gustavo Jaccottet
      Prezados,
      A Smart Case cumpre o que promete, mas pela impressão que tive no ato da instalação, ela é feita sob medida apenas para o New iPad. Quem quiser instalar num iPad 2 conseguirá, mas não terá a mesma proteção e o iGadget pode balançar dentro do Case. Senti uma perda de qualidade em relação ao que era apresentado pela Smart Cover, mas é uma evolução. Antes eu recorria a uma Smart Case genérica iLuv. Agora estou satisfeito com a Smart Case, no aguardo do lançamento de uma de couro.
      Abs.
    • Por Cardoso Silva Cesar
      Bom dia!
      Tenho há cerca de 2 semanas um New Ipad 32 GB Wifi, comprado no Ponto frio, veio tudo certinho, é meu primeiro IOS gadget (tinha antes um Ipod Nano 3º generation), estou aprendendo a mexer e no geral bem satisfeito, só tenho uma duvida, e epsuqisando ahei muitas variáveis, e talvez possa ser algo simples, é o seguinte, em meu Ipad, vídeos, musicas, etc, sai o som normalmente nos falantes internos do aparelho, porém, todos os jogos e outros programas (o livro da Alice, etc), só sai o som pela entrada de fone de ouvido...porque será que isso acontece? Não me lembro com 100% de certeza se foi assim desde a primeira vez, porque realmente prefiro usar o aparelho com fones e ocasionalmente com cabo p2-RCa numas caixas Edifier que tenho lá, mas as vezes quero mostrar rapidamente algum jogo para alguns amigos, familia, e fica charo por ficar sem som, ou só uma pessoa ter que usar os fones...parece que li algo de naquele botão lateral de vol do fone de ouvido ter alguma função de silenciar os apps, procede, ou pode ser algum problema de hardware?
    • Por Lucas L.
      Pessoal, gostaria de saber se a Smart Cover de iPad 2 serve no de 3ª geração, sei que em questão de tamanho serve, porém vi algumas coisas em blog's americanos falando sobre a incompatibilidade delas por causa da inversão do imã, ainda não tenho o New iPad, tô pra comprar, por isso gostaria da saber.
      Já agradeço.
    • Por amaralMC
      Ei galera. Problemas sérios com o iBooks:
      1°) Pra testar algum livro didático no novo iPad, eu tentei baixar aquele "Life on Earth" pela minha conta brasileira. O livro começa a baixar, mas não termina nunca. Quando a barra de progresso chega até o final, ela volta para o início e começa a baixar de novo, ou sei lá o que. Eu sei que a barra volta a encher, e fica nesse processo infinitamente.
      2º) Na impossibilidade de excluir o livro que ainda estava baixando, eu resolvi baixá-lo de novo, desta vez pela minha conta americana. Para minha surpresa, o iBooks baixou a segunda cópia do livro, enquanto a primeira estava naquele ciclo infinito de download. Achei que fosse substituir a cópia defeituosa, mas não.
      3°) Apaguei a segunda cópia e então tentei sincronizar com o iTunes, para que ou o livro sumisse, ou que ele "desbugasse" de alguma forma. Não rolou.
      4°) Mais uma tentativa falha de solução: apagar o app do iBooks e instalá-lo de novo. Fiquei surpreso quando ele restaurou todos os livros que eu tinha, inclusive aquela cópia que nunca concluía o download.
      O pior de tudo é que com esse livro baixando, a bateria do meu iPad não fica mais em standby, mesmo com o dispositivo travado. Eu não tenho como baixar qualquer aplicativo sequer, porque o livro fica baixando infinitamente. Não tem como apagar nem mover o livro pra alguma coleção em que ele suma da minha vista.
      A única coisa que da pra fazer é pausar e deixar ele lá na minha estante, pausada pelo resto da vida. Mas isso é uma baita gambiarra, e eu queria solucionar esse problema :/
      Alguém aqui já teve esse problema ou algum similar com o iBooks?
      Existe alguma solução pra isso?
      Se eu contatar a Apple, tem como eles cancelarem o download server-side?
      E no pior dos casos, formatar o iPad vai resolver o problema?
      Muito muito muito grato pra quem me ajudar. Faz três dias que eu tenho o iPad, e eu já tive que carregá-lo 3 vezes, porque ele não para de baixar nunca :s
    • Por Del Rei
      Então, lançaram o novo iPad.
      Perceberam que os preços são menores do que o iPad 2, quando foi lançado?
      Abraços.
  • Estatísticas do Fórum

    • Total de Tópicos
      48.200
    • Total de Posts
      413.354
×
×
  • Criar Novo...