Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
lingbauer

Uma dúvida meio tosca,mas é uma dúvida,Estou revendendo meu Macbook Air

Posts Recomendados

Tipo,ele está com 2 anos de garantia

Mas pra provar a veracidade disso,preciso mostrar o número de série em fotos

Teria algum problema eu fazer isso???

Alguém pegar número de série e ligar pra Apple acusando algo que n existe

ou algo do tipo

sei la...

Bom Valeu, não sei se aqui é o lugar certo pra fazer isso,mas fica minha dúvida!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Mesmo ele estando registrado no Apple Care pelo meu endereço e ID Apple???

OBS: N CONSEGUI EDITAR !!!!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O máximo que pode ocorrer ( se você publicar o seu serial ) é alguem registrar o Macbook na Apple e você perder a visulização do Find my Mac e visualização do Apple Care ( se houver registro deste ). Mas neste caso é somente você registrar ele novamente com a sua Apple ID.

Enfim: não há nenhum problema.

Outra: não existe este "de bloquear suporte" pela Apple usando serial. A Apple não faz e não fará uso do serial para bloquear o suporte do aparelho pelo Apple Care ( se existir ). Então, relax e publica.....

Editado por dan_erick

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Não mostre nunca o número de Série, mas mostre a nota fiscal e omite dela o número de série. Tira a foto da caixa, omitindo, também, o número de série.

Abração!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

De fato a dúvida é tosca. Mas a paranóia tua é maior. Vc precisa ter jogo de cintura de vendedor, ou seja, não cair em conto do vigário. Negociar computador tem que ser pessoalmente ou por um site de internet que te proteja.

Tudo tem a ver com os direitos de ambos os lados. Se vender online, coloque no anúncio todos os detalhes. Se alguém depois quiser te acusar de algo, use o anúncio como prova de tudo que você prometeu em relação ao produto, e vice e versa. Se alguém está duvidando de algo que você dá como fato, não venda pra esta pessoa. Simples assim.

Acho muito improvável que alguém ligue pra Apple querendo dar um truque desse jeito. Teriam que ter seus dados, seu ID, o cartão que vc usou pra comprar. Não é tão simples assim...

De qualquer forma, vc não precisa mostrar seu SN pra ninguém. Eles tem que confiar na sua palavra. Se vc fosse um tratante, eles teriam que te processar ou coisa assim.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O SN é a identidade do computador. É como o manual do proprietário do carro, só entrego quando vendo. Ele faz parte do produto vendido. Truques, bloqueios, concordo que seja difícil, mas SN, falando do ponto de vista jurídico, não se deve passar, jamais, até porque depois de vendido o computador, o comprador pode levar numa AT. Se tiver algum problema, ele te contata, vocês fazem um acordo. Como acredito que ele não tenha problemas, não vejo o porquê disso tudo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O SN é a identidade do computador. É como o manual do proprietário do carro, só entrego quando vendo. Ele faz parte do produto vendido. Truques, bloqueios, concordo que seja difícil, mas SN, falando do ponto de vista jurídico, não se deve passar, jamais, até porque depois de vendido o computador, o comprador pode levar numa AT. Se tiver algum problema, ele te contata, vocês fazem um acordo. Como acredito que ele não tenha problemas, não vejo o porquê disso tudo.

É, e você deve ter experiência júridica pra falar. Eu tb acho estupidez ficar dando SN, mas não entendi a paranóia generalizada. As pessoas no Brasil tem o hábito de fornecer CPF e RG pra todo lado, inclusive em curriculum, e nunca ouço ninguém falar de roubo de identidade. O que estou mesmo é curioso agora, seria sobre o que poderiam fazer com o SN dele tirando aquela possibilidade de ligar pra Apple e falar que o computador foi roubado e tal. O que poderiam fazer contra ele? Dá pra invadir um computador num ataque hacker com SN por exemplo?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

É, e você deve ter experiência júridica pra falar. Eu tb acho estupidez ficar dando SN, mas não entendi a paranóia generalizada. As pessoas no Brasil tem o hábito de fornecer CPF e RG pra todo lado, inclusive em curriculum, e nunca ouço ninguém falar de roubo de identidade. O que estou mesmo é curioso agora, seria sobre o que poderiam fazer com o SN dele tirando aquela possibilidade de ligar pra Apple e falar que o computador foi roubado e tal. O que poderiam fazer contra ele? Dá pra invadir um computador num ataque hacker com SN por exemplo?

Se dá para invadir não sei, ou bloquear o computador, mas tendo o Serial Number, dá para se passar por outra pessoa, conseguir dados pessoais como CPF, RG, Endereço, até mesmo informações íntimas, como número de filhos. Sei disso pois meu pai foi vítima de um crime virtual há duas semanas, fizeram compras de R$20.000,00 em celulares para presídios, a sorte que consegui recuperar a senha e ativar o seguro, abrir um chamado no PayPal e depois entrei em contato com os Bancos.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Se dá para invadir não sei, ou bloquear o computador, mas tendo o Serial Number, dá para se passar por outra pessoa, conseguir dados pessoais como CPF, RG, Endereço, até mesmo informações íntimas, como número de filhos. Sei disso pois meu pai foi vítima de um crime virtual há duas semanas, fizeram compras de R$20.000,00 em celulares para presídios, a sorte que consegui recuperar a senha e ativar o seguro, abrir um chamado no PayPal e depois entrei em contato com os Bancos.

Credo... como assim? Como que pelo SN descobriram essas coisas? Entraram no computador da Apple e conseguiram essas infos ou o cara passa um mingué no atendente que deu esses dados a fim de confirmar coisas?

E como foi este golpe do teu pai? Se tem crime rolando fácil assim, quero saber o que se tem que fazer.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Credo... como assim? Como que pelo SN descobriram essas coisas? Entraram no computador da Apple e conseguiram essas infos ou o cara passa um mingué no atendente que deu esses dados a fim de confirmar coisas?

E como foi este golpe do teu pai? Se tem crime rolando fácil assim, quero saber o que se tem que fazer.

Esqueci de dizer, não foi pelo SN e sim pelo Chassis do carro. O Computador dele não é Apple, é HP. O golpe foi da seguinte maneira: pelos dados pessoais, acessaram o e-mail dele hospedado num famoso provedor. Ele agora vai adquirir um iMac para uso dele, porque enfim acreditou em mim quanto aos protocolos de segurança. O email dele passou a ser redirecionado para uma conta do hotmail. Daí foi um deus nos acuda, porque ele usa o e-mail para fins profissionais, então havia troca de dados pessoais, sorte que não mexeram no CNPJ, porque senão seria o fim. Com a posse do CPF, RG, foram ligando para os bancos, PayPal, pedindo para alterar o email master. Dali acessaram a conta e foi o deus nos acuda. Tudo isso em 20 minutos ou menos. A sorte é que o meu pai queria fazer uma compra no PayPal e a senha não entrava.

Se acontecer contigo ou com qualquer pessoa: cancelar todos os cartões de crédito, todos, sem exceção, cadastrados ou não no PayPal. Depois entrar em contato com o PayPal, por telefone, abrindo um chamado de cancelamento das compras. Registrar ocorrência policial e apresentar na agência bancária. Não confiar em ninguém mais, pois localizei até um número de celular que fez uma recarga de R$50,00, pela Vivo. Era de um presídio cujo celular era da área 071.

Foram comprados 10 Samsung Galaxy.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Esqueci de dizer, não foi pelo SN e sim pelo Chassis do carro. O Computador dele não é Apple, é HP. O golpe foi da seguinte maneira: pelos dados pessoais, acessaram o e-mail dele hospedado num famoso provedor. Ele agora vai adquirir um iMac para uso dele, porque enfim acreditou em mim quanto aos protocolos de segurança. O email dele passou a ser redirecionado para uma conta do hotmail. Daí foi um deus nos acuda, porque ele usa o e-mail para fins profissionais, então havia troca de dados pessoais, sorte que não mexeram no CNPJ, porque senão seria o fim. Com a posse do CPF, RG, foram ligando para os bancos, PayPal, pedindo para alterar o email master. Dali acessaram a conta e foi o deus nos acuda. Tudo isso em 20 minutos ou menos. A sorte é que o meu pai queria fazer uma compra no PayPal e a senha não entrava.

Se acontecer contigo ou com qualquer pessoa: cancelar todos os cartões de crédito, todos, sem exceção, cadastrados ou não no PayPal. Depois entrar em contato com o PayPal, por telefone, abrindo um chamado de cancelamento das compras. Registrar ocorrência policial e apresentar na agência bancária. Não confiar em ninguém mais, pois localizei até um número de celular que fez uma recarga de R$50,00, pela Vivo. Era de um presídio cujo celular era da área 071.

Foram comprados 10 Samsung Galaxy.

Hm... no que se trata ao email advindo de provedor comercial, até entendo. Tem mesmo uma forma de fazer isto acontecer visto que quando vc telefona nos UOL da vida, eles pedem só endereço e cpf/rg. Só acho estranho que eles conseguiram que o provedor desse a senha ao invés de mandar um link pra ele recriar a senha e ao mesmo tempo mandar um aviso no email falando que a senha foi alterada. Neste caso, seu pai teria que ver o email falando que a senha foi alterada. Até onde sai, um provedor não poderia falar a sua senha visto que no próprio sistema deles a senha está criptografada.

Mas olha, sem julgamentos, seu pai deveria ter sido mais prudente em relação ao cartão de crédito: por mais rico que alguém seja, um cartão que aceita cobranças de 20.000 sem restrições é encrenca. Todo mundo tem que estabelecer com a operadora do cartão um limite de transação, por mais que o cartão seja ilimitado. Faturar 20.000 em questão de horas, sem antes averiguar com o proprietário por celular/telefone residencial, soa irresponsabilidade da empresa. Passou mais que 300 no meu cartão, já recebo aviso no celular. Mais que 500 está proibido sem antes eu ligar na operadora falando que pode deixar um aviso de autorização de faturamento. Cartão tem que usar com pé atrás. Que tempo em que vivemos... eu hein.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Hm... no que se trata ao email advindo de provedor comercial, até entendo. Tem mesmo uma forma de fazer isto acontecer visto que quando vc telefona nos UOL da vida, eles pedem só endereço e cpf/rg. Só acho estranho que eles conseguiram que o provedor desse a senha ao invés de mandar um link pra ele recriar a senha e ao mesmo tempo mandar um aviso no email falando que a senha foi alterada. Neste caso, seu pai teria que ver o email falando que a senha foi alterada. Até onde sai, um provedor não poderia falar a sua senha visto que no próprio sistema deles a senha está criptografada.

Mas olha, sem julgamentos, seu pai deveria ter sido mais prudente em relação ao cartão de crédito: por mais rico que alguém seja, um cartão que aceita cobranças de 20.000 sem restrições é encrenca. Todo mundo tem que estabelecer com a operadora do cartão um limite de transação, por mais que o cartão seja ilimitado. Faturar 20.000 em questão de horas, sem antes averiguar com o proprietário por celular/telefone residencial, soa irresponsabilidade da empresa. Passou mais que 300 no meu cartão, já recebo aviso no celular. Mais que 500 está proibido sem antes eu ligar na operadora falando que pode deixar um aviso de autorização de faturamento. Cartão tem que usar com pé atrás. Que tempo em que vivemos... eu hein.

A parte do provedor foi o seguinte: o link de redefinição da senha foi enviado para um e-mail deles. O famoso e-mail alternativo. E com certeza, deveria ser mais prudente sim, mas fazer o que. Ele coleciona cartões eu acho, não habilitou o uso das mensagens de texto. Se tem algum culpado, além do golpista, foi ele também. Ele foi vítima e culpado ao mesmo tempo. Mas sorte que conseguimos resolver tudo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

A parte do provedor foi o seguinte: o link de redefinição da senha foi enviado para um e-mail deles. O famoso e-mail alternativo. E com certeza, deveria ser mais prudente sim, mas fazer o que. Ele coleciona cartões eu acho, não habilitou o uso das mensagens de texto. Se tem algum culpado, além do golpista, foi ele também. Ele foi vítima e culpado ao mesmo tempo. Mas sorte que conseguimos resolver tudo.

Mas como eles conseguiram cadastrar um email alternativo sem ter acesso ao email principal? Ligaram lá e disseram: oi, por favor vincule o email xx@xxx.com à conta tal?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Mas como eles conseguiram cadastrar um email alternativo sem ter acesso ao email principal? Ligaram lá e disseram: oi, por favor vincule o email xx@xxx.com à conta tal?

Eu acredito (não tenho certeza) que pelo roubo de dados armazenados no Notebook do meu Pai. Ele usa a Wi-Fi em qualquer lugar, não importa se é WEP, WPA, também não usa anti-vírus pago, só os gratuitos e tampouco os atualiza. Foi uma bela duma lição para ele aprender que quem não toma cuidado acaba sendo prejudicado, pode vir a ter prejuízos sérios. Dados como CPF, RG... ele tem tudo digitalizado numa pasta dentro da Pasta documentos com o título: documentos pessoais, até o passaporte eles informaram para o provedor. Foi uma troca bem elaborada e com direito a por em risco a segurança de toda a saúde financeira da Família. Ah, dentro dessa pasta ainda tem o Chassis do carro e uma das perguntas de segurança é: qual o número do chassis do meu carro e a outra, qual o nome do meu filho mais novo (que não sou eu hehehehe).

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu acredito (não tenho certeza) que pelo roubo de dados armazenados no Notebook do meu Pai. Ele usa a Wi-Fi em qualquer lugar, não importa se é WEP, WPA, também não usa anti-vírus pago, só os gratuitos e tampouco os atualiza. Foi uma bela duma lição para ele aprender que quem não toma cuidado acaba sendo prejudicado, pode vir a ter prejuízos sérios. Dados como CPF, RG... ele tem tudo digitalizado numa pasta dentro da Pasta documentos com o título: documentos pessoais, até o passaporte eles informaram para o provedor. Foi uma troca bem elaborada e com direito a por em risco a segurança de toda a saúde financeira da Família. Ah, dentro dessa pasta ainda tem o Chassis do carro e uma das perguntas de segurança é: qual o número do chassis do meu carro e a outra, qual o nome do meu filho mais novo (que não sou eu hehehehe).

Olha, parece história de novela! Pelo jeito, o tempo que dedicaram a roubar teu pai não foi coisa de amador, não. Mas lendo tudo o que vc contou, só posso concluir que não foi apenas o número de chassis, ou SN, que possibiliou essa palhaçada. Soa mais um ataque nessas redes wi-fi sem proteção.

E se o provedor possibilitou aquele evento que elocubrei, sugiro que vcs os processem imediatamente. Deveriam oferecer soluções mais seguras para as pessoas.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olha, parece história de novela! Pelo jeito, o tempo que dedicaram a roubar teu pai não foi coisa de amador, não. Mas lendo tudo o que vc contou, só posso concluir que não foi apenas o número de chassis, ou SN, que possibiliou essa palhaçada. Soa mais um ataque nessas redes wi-fi sem proteção.

E se o provedor possibilitou aquele evento que elocubrei, sugiro que vcs os processem imediatamente. Deveriam oferecer soluções mais seguras para as pessoas.

Quanto ao processo, já distribuí a inicial semana passada. Estou processando na justiça comum, nem sequer foi para o Juizado Especial. Eu tenho 99% certeza de que foi de profissional. Segundo o provedor, o ataque veio de uma região próxima à represa de guarapiranga, em Sampa. Eu concordo quanto ao aspecto das redes sem proteção. Eu tomo um cuidado danado com meus dados aqui na minha casa, mas os bares e restaurantes usam WEP, quase sempre. Alguns usam WPA-2, justiça seja feita, mas a grande maioria usa WEP ou não também deixam a rede livre.

Eu providenciei a troca do e-mail profissional dele para o mesmo host que eu uso (Google Labs), antes eu usava o UOL, agora, de janeiro para cá, passei a hospedar o meu domínio no Google mesmo, até porque sai 5.00USD por conta, sai um pouco mais caro, mas vale a pena.

Eu mencionei os dados, porque encontrei essa pasta no Notebook, eu nem sabia da existência dela. A primeira vez que mexi no notebook dele foi no dia do crime virtual. Eu acionei o setor de investigação da PF, via ocorrência policial, mas é como procurar uma agulha num palheiro. Até agora não tenho novidade nenhuma, e a PF tem um perito aqui na minha cidade, formado em Eng. da Computação. Os demais são de outras áreas. Assim fica difícil.

Mas obrigado pelas dicas, eu nunca fui vítima de crime virtual, sempre fui muito precavido com tudo. Agora é trocar tudo por Apple, não pela fama de ser imune a vírus, mas para padronizar tudo aqui em casa mesmo.

Abração!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Agora é trocar tudo por Apple, não pela fama de ser imune a vírus, mas para padronizar tudo aqui em casa mesmo.

Abração!

É. Mas toma cuidado porque macs não tem vírus constantemente, mas não estão imunes à invasões de hackers.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder este tópico…

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Limpar editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


  • Quem Está Navegando   0 membros estão online

    Nenhum usuário registrado visualizando esta página.



  • Estatísticas do Fórum

    • Total de Tópicos
      48.831
    • Total de Posts
      417.622
×
×
  • Criar Novo...