Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
Entre para seguir isso  
Gustavo Jaccottet

[Futuro] Até onde vai a capacidade de criação da Apple?

Posts Recomendados

Prezados,

Estou com uma pulga atrás da orelha. Sei que os recentes lançamentos agradaram a alguns e decepcionaram a muitos, eu estou no grupo dos que se agradou.

Seria a iTV o produto a mudar tudo, de novo? A linha Retina Display logo vai ser usada pelos concorrentes?

Até onde vai a capacidade criativa e qual o limite operacional da Apple?

Eu aposto que a Apple vai continuar no topo, em especial se o Novo iPhone for realmente "novo", capaz de bater todos os concorrentes e gerar um novo frenesi em torno de um mercado que deu uma leve amortecida, mas é fato que o iPhone ainda é o objeto de desejo de quase todos os novos usuários. É o produto de entrada da Apple, como era o iPod antes de 2007.

Queria saber a opinião dos colegas,

Abração a todos.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Hoje um humano chega olha pra um gatinho e diz "eu não gosto de gato", é um direito que ele tem, embora o gatinho não vá fazer mal a ninguém, isso acontece no meio tecnológico hoje, uns prefere um aparelho só pra ligar e receber ligações, outros tipo eu e muitos preferem os produtos top de linha no nosso caso o iPhone. É um direito que temos.

Já li vários rumores sobre uma suposta iTV, eu prefiro aguardar, pois é um campo que a Apple nunca entrou e dizem que ela quer entrar. Eu acredito em uma revolução na Apple TV, mas da Apple podemos esperar qualquer coisa.

Sim na minha opinião ela ainda vai continuar no topo, pois é como disse o CEO e os engenheiros da Apple, que eles não querem ganhar (só) dinheiro eles querem é fazer produtos bons e que agrade a todos e isso a Apple sabe fazer, pois as estatísticas provam isso a cada lançamento uma revolução. O sucesso dela depende dos seus representantes e idealizadores se eles continuarem neste ritmo de a cada ano revolucionar em seus produtos a tendência é o sucesso goste alguns ou não.

Os produtos da Apple é assim, quando agente tem o primeiro a tendência é se tornar fã e isso aconteceu comigo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Hoje um humano chega olha pra um gatinho e diz "eu não gosto de gato", é um direito que ele tem, embora o gatinho não vá fazer mal a ninguém, isso acontece no meio tecnológico hoje, uns prefere um aparelho só pra ligar e receber ligações, outros tipo eu e muitos preferem os produtos top de linha no nosso caso o iPhone. É um direito que temos.

Já li vários rumores sobre uma suposta iTV, eu prefiro aguardar, pois é um campo que a Apple nunca entrou e dizem que ela quer entrar. Eu acredito em uma revolução na Apple TV, mas da Apple podemos esperar qualquer coisa.

Sim na minha opinião ela ainda vai continuar no topo, pois é como disse o CEO e os engenheiros da Apple, que eles não querem ganhar (só) dinheiro eles querem é fazer produtos bons e que agrade a todos e isso a Apple sabe fazer, pois as estatísticas provam isso a cada lançamento uma revolução. O sucesso dela depende dos seus representantes e idealizadores se eles continuarem neste ritmo de a cada ano revolucionar em seus produtos a tendência é o sucesso goste alguns ou não.

Os produtos da Apple é assim, quando agente tem o primeiro a tendência é se tornar fã e isso aconteceu comigo.

Olá,

Concordo contigo. Mas a Apple é antes de um ícone de admiração, um negócio, bastante lucrativo por sinal, em especial para os investidores. Eu sou investidor da Apple e me preocupo demais com o futuro da empresa. Estou lendo os rumores 24 horas por dias para decidir se vendo as minhas Blue Chips ou não. Estou querendo acreditar que o Novo iPhone vai ser uma revolução tão grande quanto foi o primeiro iPhone, afinal completam 5 anos desde o lançamento em mercado do iPhone (acho que ele foi apresentado em Janeiro de 2007 e a venda começou uns 7 meses depois, não tenho certeza), e a capacidade de criação dos concorrentes aumenta à medida que a Apple dispara. Todos querem a sua fatia no bolo. Logo que as Blue Chips da Apple passaram a ser negociadas aqui no Brasil comprei o equivalente a U$30.000,00 (tudo que eu juntei em minha poupança enquanto trabalhei em São Paulo), arrisquei e ganhei um valor razoável.

Agora tenho menos de 20 dias para pensar se vendo ou não. Nunca se passou pela minha cabeça em vender as Blue Chips, mas se os rumores não se fortalecerem, vou por a venda tudinho.

Quero deixar claro que quero ouvir opiniões dos mais experientes, por isso pus em Off-Topic, já que se trata de uma dúvida pessoal e de um risco que não quero correr.

Quem puder me ajudar, sou grato.

Desde já agradeço ao jcomorbeck pela sua opinião.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Penso que a capacidade criativa, não da Apple, mas de nós humanos, seja infinita. o que falta, ocasionalmente, são oportunidades de se lançarem novos produtos; ou o mercado não está maduro para tal, ou os custos de fabricação são altos, etc. Já o fato da Apple continuar no topo, penso que nada dura para sempre, principalmente no mundo da tecnologia. Penso inclusive ser mais fácil chegar ao topo do que se manter nele!!

Quanto ao recentes lançamentos, gostei moderadamente. Quanto aos futuros, bem, até aqui ainda são rumores, fortes mas rumores. E caso o novo iPhone for realmente conforme está sendo divulgado, não irei gostar. Já o iOS acho que precisa de mudanças profundas no visual principalmente, já que é praticamente o mesmo desde 2007!!! Está ficando velho...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu acho que vai haver um estouro de boiada para comprar o novo iPhone.

Não acredito em muitas inovações além da que já ouvimos falar, mas eu acho que vai ser um grande sucesso pois mais pessoas estão partindo para os smartphones e como a cada lançamento a Apple bate recordes de venda, esse não deve ser diferente.

Tem ainda o iPad Mini que deve abocanhar outra fatia do mercado.

Já o iTV eu imagino algo mais modesto pois não deve abranger uma grande quantidade de pessoas, uma vez que, neste primeiro momento, deve funcionar em poucos Países (provavelmente apenas nos EUA), não é um produto portátil e não deve ser algo muito mais inovador que os Smart TVs da Samgung.

Em termos de inovações eu acredito em uma gradual estagnação mas com atualizações de performance dos aparelhos.

Seu outra empresa superaria a Apple eu acho difícil pois já são décadas "pensando de forma diferente" e por isso, para outra empresa tomar o seu lugar teria que ser muito bem estruturada, enxuta, organizada... e a tendência das grandes empresas é ser uma zona onde cada departamento tem pouca ou nenhuma comunicação com outros (funcionando como várias pequenas empresas) com executivos brigando pelo poder (e pelo bônus mais gordo).

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu acho que vai haver um estouro de boiada para comprar o novo iPhone.

Não acredito em muitas inovações além da que já ouvimos falar, mas eu acho que vai ser um grande sucesso pois mais pessoas estão partindo para os smartphones e como a cada lançamento a Apple bate recordes de venda, esse não deve ser diferente.

Tem ainda o iPad Mini que deve abocanhar outra fatia do mercado.

Já o iTV eu imagino algo mais modesto pois não deve abranger uma grande quantidade de pessoas, uma vez que, neste primeiro momento, deve funcionar em poucos Países (provavelmente apenas nos EUA), não é um produto portátil e não deve ser algo muito mais inovador que os Smart TVs da Samgung.

Em termos de inovações eu acredito em uma gradual estagnação mas com atualizações de performance dos aparelhos.

Seu outra empresa superaria a Apple eu acho difícil pois já são décadas "pensando de forma diferente" e por isso, para outra empresa tomar o seu lugar teria que ser muito bem estruturada, enxuta, organizada... e a tendência das grandes empresas é ser uma zona onde cada departamento tem pouca ou nenhuma comunicação com outros (funcionando como várias pequenas empresas) com executivos brigando pelo poder (e pelo bônus mais gordo).

Ola Fabio,

Sempre com respostas completas e esclarecedoras. Mas a minha questão é: são décadas pensando diferente, mas a proximidade com os concorrentes nunca foi tanta como está hoje e pode se estreitar ainda mais se essa magia do pensar diferente não funcionar como funcionava durante o tempo em que o SJ era o CEO.

No estouro da boiada para o Novo iPhone, lá estarei eu, isso é fato consumado, vou adquirir outro aparelho assim que disponível aqui no Brasil. A iTV, se realmente for lançada, deve ser de lançamento progressivo, mas acredito que o Brasil venha ser beneficiado, por se tratar de um mercado emergente e com alta oferta de crédito para o consumidor varejista.

E sobre as atualizações, respondesse exatamente o que eu queria ouvir: uma estagnação, com atualizações de performance, ao passo de que os concorrentes correm como loucos para superar a Apple.

Para constar, acho impossível a Apple ser superada no segmento de Tablets, Smartphones e Computadores de ponta, da mesma forma que no segmento do iPod. Mas o mercado está pedindo inovações e aposta muito na iTV.

Bem, é isso, não vou vender as minhas blue chips da Apple. Vou arriscar!

Abraços,

Gustavo

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Calma, não é por ai. O pessoal tem uma ideia de que o Jobs criava tudo na Apple, não é bem assim. O Jobs não era um gênio criativo, mas sim um 'controle de qualidade' dos produtos da Apple. Ele era extremamente perfeccionista, atento aos detalhes e só aceitava algo que estivesse excelente, nada abaixo. O que pode mudar na Apple é justamente isso, os detalhes que podem começar a passar despercebidos e fazerem o produto perder aquele ar de 'masterpiece'. Apesar deu achar que a Apple perdeu o membro da equipe mais valioso com a morte de Jobs, hoje, diferente da primeira saída de Jobs, a Apple tem uma equipe de gênios, os quais foram selecionados pelo Jobs.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Cara, steve jobs velho, o cara era fera, nao era qualquer ser humano, ele era genio, mas na apple nao tem genios, e quem fez td na apple foi ele sim, a apple so existe por causa dele rapa, ele viu o pc e o so e montou, e virou isso, iphone foi ideia dele , ipad tb. A ideia mais borsal, fodastica foi o tablet, cara, steve e muito mais do que um controle de qualidade

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ola Fabio,

Sempre com respostas completas e esclarecedoras. Mas a minha questão é: são décadas pensando diferente, mas a proximidade com os concorrentes nunca foi tanta como está hoje e pode se estreitar ainda mais se essa magia do pensar diferente não funcionar como funcionava durante o tempo em que o SJ era o CEO.

No estouro da boiada para o Novo iPhone, lá estarei eu, isso é fato consumado, vou adquirir outro aparelho assim que disponível aqui no Brasil. A iTV, se realmente for lançada, deve ser de lançamento progressivo, mas acredito que o Brasil venha ser beneficiado, por se tratar de um mercado emergente e com alta oferta de crédito para o consumidor varejista.

E sobre as atualizações, respondesse exatamente o que eu queria ouvir: uma estagnação, com atualizações de performance, ao passo de que os concorrentes correm como loucos para superar a Apple.

Para constar, acho impossível a Apple ser superada no segmento de Tablets, Smartphones e Computadores de ponta, da mesma forma que no segmento do iPod. Mas o mercado está pedindo inovações e aposta muito na iTV.

Bem, é isso, não vou vender as minhas blue chips da Apple. Vou arriscar!

Abraços,

Gustavo

Tento ser o mais racional mesmo indo contra a minha opinião passional.

Mas quanto aos seus bluechips da Apple eu faria o mesmo, esperaria outra oportunidade para vender por achar que elas irão valorizar.

A Apple sempre teve fans mas nunca foram tantos como hoje e isso ajuda em muito na imagem da empresa, inclusive aos investidores.

Concordo com o Mathew em cada palavra e acredito que a inércia desse avanço da Apple (com inovações e atitudes ousadas) vai perdurar por um tempo antes que a falta de Jobs venha a impactar negativamente.

Eu senti muito a falta de Jobs nos Keynote; achei que faltaram esclarecimentos importantes como as restrições dos novos produtos (a exclusividade do Siri no iPhone 4S, por exemplo), coisa que ele nunca deixaria passar pois ele tinha muita "empatia" e sabia exatamente o que deveria ser dito e mostrado e como deveria ser apresentado.

Mas o restante da equipe continua (apesar da recém saída do Mansfield) e são formados por pessoas geniais; vide Johny Ivy e Phil Schiller.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Cara, steve jobs velho, o cara era fera, nao era qualquer ser humano, ele era genio, mas na apple nao tem genios, e quem fez td na apple foi ele sim, a apple so existe por causa dele rapa, ele viu o pc e o so e montou, e virou isso, iphone foi ideia dele , ipad tb. A ideia mais borsal, fodastica foi o tablet, cara, steve e muito mais do que um controle de qualidade

O PC quem montou foi o Woz, o Steve só viu a oportunidade de fazer aquilo, que até então era brinquedo para nerds, ter valor no mercado. O iPhone teve um processo longo demais, começou usando a click wheel do iPod, ai que o Jobs entrou e mandou desenvolver com a TouchScreen. Vários tablets já existiam antes, mas realmente, a ideia de colocar um touchscreen capacitivo, sem o uso de stylus, foi do Jobs.

Editado por Mathew

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Acho que uma coisa que a apple poderia fazer e deixar de se focar TANTO nos EUA, e se focar nos outros países, não só nos da europa, fazendo o maxímo pra trazer preços menores, todos os apps nativos do produto como o siri, em todas as linguas, filmes, entre outros, começar a vender gift cards em outros países menos importantes, acho que tinha apenas que se abrir mais para o mundo, e não ficar tão fechada para os eua, pois se lançarem a iTV, certamente nos primeiros meses ou no primeiro ano ela só vai funcionar lá, pois da pra ver que por exemplo, o povo brasileiro gosta muito mais da samsung do que da Apple, porque? preços, mais disponibilidade para todos os paises, no lançamento do S3, ele já tava no brasil, pronto pra vender nas operadoras, mas o iPhone, demora cerca de um mes pra começar a vender aqui e papapa. o iPad 1 chego quase no lançamento do 2 aqui! poo, enquanto isso o Galaxy tab chega no mesmo mes, é isso que falta na apple, olhar para os outros países, como no brasil, que aposto que tem uma grande numero de consumidores de iDevices, mas não tem UMA Apple store sequer... o Tim cook enlouqueceu, acho que não ta querendo mais lança macs.. ele só olha para os Macbooks Pro, cade a atualização dos iMac's, na qual jobs era apaixonado? dos Mac Pro's? do macmini? cade a inovação dos Macbook pro's, Air's? o mesmo design? nao mudo quase nada, só um usb 3.0, um processador melhor e.... um magsafe 2? poo, ele ta de brinks comigo né? e a atualização do iPad 3? sacanagem em, nao mudo nada, só uma tela mesmo. ta na hora de contratar novos designers, o iOS, é o melhor do mundo, mas precisa de um impurrãozinho na interface... é isso, é só a minha opinião, tim cook ta fazendo uma boa gestão na Apple, mas podia ser muito, realmente uma gestão MUITO melhor, abraço!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Vou tentar melhorar a visão de algumas pessoas mas não posso esclarecer totalmente pois não sei dos detalhes.

A maioria (senão todos) pensa que a Apple US é quem manda na Apple BR, assim como todas as marcas estrangeiras, mas não funciona dessa forma.

Para proteger a economia nacional qualquer empresa criada aqui no BR precisa ter, no mínimo, 50% de capital nacional.

A abertura dessa empresa pode ter iniciativa estrangeira como foi o caso das montadoras (de carros) japonesas e francesas mas na maioria das vezes é uma empresa (ou empresário) brasileira que oferece a oportunidade para alguma marca gringa se instalar aqui.

No caso da Wolkswagen, por exemplo, passou por algumas mãos diferentes mas hoje eles anunciam até nos comerciais que está sobre administração de uma empresa chamada Das Auto (a grande maioria se esconde).

Quem representa o Mac Donalds no BR é uma empresa chamada Restco e assim por diante.

No caso da Apple BR ela é apenas uma importadora com exclusividade de representação da marca, então a Apple US não manda em praticamente nada na política comercial da Apple BR, o máximo que podem fazer é rasgar o contrato e escolher outra empresa.

Editado por Fabio Seiji

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Vou tentar melhorar a visão de algumas pessoas mas não posso esclarecer totalmente pois não sei dos detalhes.

A maioria (senão todos) pensa que a Apple US é quem manda na Apple BR, assim como todas as marcas estrangeiras, mas não funciona dessa forma.

Para proteger a economia nacional qualquer empresa criada aqui no BR precisa ter, no mínimo, 50% de capital nacional.

A abertura dessa empresa pode ter iniciativa estrangeira como foi o caso das montadoras (de carros) japonesas e francesas mas na maioria das vezes é uma empresa (ou empresário) brasileira que oferece a oportunidade para alguma marca gringa se instalar aqui.

No caso da Wolkswagen, por exemplo, passou por algumas mãos diferentes mas hoje eles anunciam até nos comerciais que está sobre administração de uma empresa chamada Das Auto (a grande maioria se esconde).

Quem representa o Mac Donalds no BR é uma empresa chamada Restco e assim por diante.

No caso da Apple BR ela é apenas uma importadora com exclusividade de representação da marca, então a Apple US não manda em praticamente nada na política comercial da Apple BR, o máximo que podem fazer é rasgar o contrato e escolher outra empresa.

a Apple não pode fazer o mesmo das outras empresas?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

a Apple não pode fazer o mesmo das outras empresas?

Ela faz a mesma coisa que muitas empresas fazem, mas que não ficamos sabendo pois existe uma máscara chamada "nome fantasia".

Se algum empresário sério fizer uma boa proposta de negócio para os executivos da Apple pode ser que algo mude... alguém aí se habilita?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Vou tentar melhorar a visão de algumas pessoas mas não posso esclarecer totalmente pois não sei dos detalhes.

A maioria (senão todos) pensa que a Apple US é quem manda na Apple BR, assim como todas as marcas estrangeiras, mas não funciona dessa forma.

Para proteger a economia nacional qualquer empresa criada aqui no BR precisa ter, no mínimo, 50% de capital nacional.

A abertura dessa empresa pode ter iniciativa estrangeira como foi o caso das montadoras (de carros) japonesas e francesas mas na maioria das vezes é uma empresa (ou empresário) brasileira que oferece a oportunidade para alguma marca gringa se instalar aqui.

No caso da Wolkswagen, por exemplo, passou por algumas mãos diferentes mas hoje eles anunciam até nos comerciais que está sobre administração de uma empresa chamada Das Auto (a grande maioria se esconde).

Quem representa o Mac Donalds no BR é uma empresa chamada Restco e assim por diante.

No caso da Apple BR ela é apenas uma importadora com exclusividade de representação da marca, então a Apple US não manda em praticamente nada na política comercial da Apple BR, o máximo que podem fazer é rasgar o contrato e escolher outra empresa.

Exatamente. Tanto é que a Ford e a VW, para poder ampliar a sua capacidade de Produção no Brasil, durante muito tempo, fabricavam seus modelos em conjunto, com a Autolatina do Brasil S.A..

Ela faz a mesma coisa que muitas empresas fazem, mas que não ficamos sabendo pois existe uma máscara chamada "nome fantasia".

Se algum empresário sério fizer uma boa proposta de negócio para os executivos da Apple pode ser que algo mude... alguém aí se habilita?

Fabio,

Li que uma das empresas do grupo EBX (Eike Batista) estava interessado em fazer essa Joint Venture com a Apple, a fim de, enfim, nacionalizar a marca. Essa notícia ainda procede?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Exatamente. Tanto é que a Ford e a VW, para poder ampliar a sua capacidade de Produção no Brasil, durante muito tempo, fabricavam seus modelos em conjunto, com a Autolatina do Brasil S.A..

Fabio,

Li que uma das empresas do grupo EBX (Eike Batista) estava interessado em fazer essa Joint Venture com a Apple, a fim de, enfim, nacionalizar a marca. Essa notícia ainda procede?

Eu ouvi esse boato na rádio mas não estou por dentro.

Eu acho que seria ótimo para todos pois não vejo outro potencial de crescimento de vendas em outros Países.

Na minha opinião o Brasil é onde tem a maior demanda reprimida por causa do preço desproporcionalmente alto e por falta de conhecimento dos produtos por parte das pessoas (a maioria só conhece os iGadgets)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder este tópico…

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Limpar editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Entre para seguir isso  

  • Quem Está Navegando   0 membros estão online

    Nenhum usuário registrado visualizando esta página.



  • Conteúdo Similar

    • Por Gl@uber
      Macbook Pro Retina 13 - Late 2013
      Processador 2.4Ghz Dual-Core Intel Core i5
      16GB de memória
      Processador Gráfico Intel Iris - 1536MB de memória
      Acompanha case para proteçao + carregador.

      Máquina super conservada! Sem risco algum. Nunca utilizada fora de casa.
      Somente venda.

      Especificações:

      Tela
      Tela Retina: tela de 13,3 polegadas (diagonal) retroiluminada por LED, com tecnologia IPS, resolução de 2560x1600 com 227 pixels por polegada e compatibilidade com milhões de cores Resolução nativa: 2560x1600 pixels (Retina), resoluções em escala: 1680x1050, 1440x 900 e 1024x640 pixels Processador
      2,4GHz
      Processador Intel Core i5 dual core de 2,4GHz (Turbo Boost de até 2,9GHz) com 3MB de cache L3 compartilhado Memória
      16GB de memória DDR3L de 1600MHz embarcada Armazenamento
      256GB Tamanho e peso
      Altura: 1,8 cm (0,71 polegada) Largura: 31,4 cm (12,35 polegadas) Espessura: 21,9 cm (8,62 polegadas) Peso: 1,57 kg (3,46 libras)2 Suporte a gráficos e vídeo
      Intel Iris Graphics Espelhamento de vídeo e modo de duas telas: suporte simultâneo a resolução nativa na tela do computador e até 2560x1600 pixels em até duas telas externas, ambas com milhões de cores Saída de vídeo digital Thunderbolt Saída Mini DisplayPort nativa Saída DVI com o Adaptador Apple de Mini DisplayPort para DVI (vendido separadamente) Saída VGA com o Adaptador Apple de Mini DisplayPort para VGA (vendido separadamente) Saída DVI dual link com o Adaptador Apple de Mini DisplayPort para DVI dual link (vendido separadamente) Saída de vídeo HDMI Suporte para resolução de 1080p a até 60Hz Suporte para resolução de 3840x2160 a 30Hz Suporte para resolução de 4096x2160 a 24Hz Câmera
      Câmera FaceTime HD de 720p Conexões e expansão
      Porta de alimentação MagSafe 2 Duas portas Thunderbolt 2 (de até 20 Gbps) Duas portas USB 3 (de até 5 Gbps) Porta HDMI Porta para fone de ouvido Slot para cartão SDXC Adaptador Apple de Thunderbolt para FireWire (vendido separadamente) Adaptador Apple de Thunderbolt para Gigabit Ethernet (vendido separadamente) Wireless
      Wi‑Fi
      Rede wireless Wi-Fi 802.11ac3, compatível com IEEE 802.11a/b/g/n Bluetooth
      Tecnologia Bluetooth 4.0 Áudio
      Alto-falantes estéreo Dois microfones Porta para fone de ouvido Compatível com fone de ouvido com controle remoto e microfone Apple para iPhone Compatibilidade com saída de áudio (digital/analógica) Teclado e Trackpad
      Teclado padrão retroiluminado com 78 (EUA) ou 79 (ISO) teclas, incluindo 12 teclas de função e 4 teclas de direção (disposição de “T” invertido) com sensor de luz ambiente Trackpad Multi-Touch para controle preciso do cursor, suporte a rolagem inercial, juntar e separar os dedos, rotação, deslizar, deslizar com três dedos, deslizar com quatro dedos, toque, dois toques e arrastar Bateria e energia
      Até 9 horas de navegação wireless na web Até 9 horas de reprodução de vídeos do iTunes Até 30 dias em modo de espera Bateria de polímero de lítio incluída com consumo de 71,8 watts/hora Carregador MagSafe 2 de 60W com sistema de gerenciamento de cabos, porta de alimentação MagSafe 2 Requisitos eléctricos e operacionais
      Voltagem: de 100V a 240V AC Frequência: 50Hz a 60Hz Temperatura operacional: 10 a 35 °C (50 a 95 °F) Temperatura de armazenamento: -25 a 45 °C (-13 a 113 °F) Umidade relativa: 0% a 90%, sem condensação Altitude máxima operacional: testado até 10.000 pés Altitude máxima de armazenamento: 15.000 pés Altitude máxima de transporte: 35.000 pés






    • Por lamat
      MarcaApple Linha iPad Pro Modelo3ª Generación Versão 2018 Modelo alfanumérico A1980 Capacidade   256 GB Tamanho da tela10.5 " Nome do sistema operacional iOS Versão do sistema operacional 12 ConectividadeWi-Fi Descrição
      Tablet sem detalhe algum.
      Capa e carregador original.
      Valor R$3.500,00






    • Por Mateus Henrique Santos
      Olá, pessoal! Bom dia, boa tarde, boa noite.
      Atualmente meu notebook de uso diário é um HP 240 G4, com 4gb de memória RAM, Intel Core i5 5500U e Windows 10. Quero que minha próxima experiência em computadores seja com a Apple, e estou em dúvida sobre qual Macbook usado comprar (os novos têm preço absurdo demais). Atualmente penso em comprar um Macbook Air 2015 13" com 4gb de RAM e 128gb de SSD, que está por volta dos R$3.000,00 (dá pra encontrar por um pouco menos), ou então comprar um Macbook Pro 2013 13" com 8gb de RAM e 500 de SSD, que está por volta de R$3.800,00.
      Meu estilo de uso é o seguinte: acabei de me formar técnico em informática e pretendo fazer Ciência da Computação. Sendo assim, meu notebook hoje é usado tanto pra uso geral (uso do Chrome, ler e redigir documentos, assistir filmes e séries, etc.) quanto pra um uso um pouco mais "soviético" (tratar algumas imagens, desenvolvimento gráfico de UI/UX, programação em linguagens leves como C, Python e R e também em algumas mais pesadas, como Java e Dart com o SDK Flutter). Ele aguenta fazer tudo isso hoje em dia, mas dá uma engasgadas que fazem o uso no dia a dia ser um pouco estressante. Com a ida pra faculdade, eu imagino que meu uso vai ficar um pouco mais intenso e pode ser que ele já não aguente mais fazer tudo isso.  Além disso, o boot dele é um pouco demorado.
      Levando em consideração que minha prioridade não é jogos e que uso mais ou menos 220gb do meu HD de 500, qual dos dois Macbooks vocês me recomendam? O Air resolve meu problema? O Pro vale o custo a mais? É melhor algum outro Macbook? Estou disposto a aprender.
      Grande abraço!
    • Por victormotta
      Bom dia!
      Voltei de viagem e aproveitei para comprar os novos Airpods. Com isto, estou vendendo os meus de 1 geração! 
      Estão fantásticos, novos, super funcionando!!! 

      Preço imbatível, para vender logo!
      Contatos: 11 98152-8882
      Obrigado, 
      Victor 
       
       

    • Por Rafael Protec
      iPhone XS 256Gb Space Gray 
      EXCELENTE ESTADO !!
      Nenhum risco
      R$ 4100
       Garantia Apple ate 29 de novembro de 2019!
      ACESSÓRIOS NOVOS !!! SEM USO
      CURITIBA
      41 992025959
      rafael


    • Por Andreoli
      Acabei de adquirir um iPhone X usado com 90% saúde da bateria, gostaria de saber a opinião de vocês se vale a pena trocar por um iPhone XR novo na black friday 
      Lembrando que o preço que consegui um comprador é o mesmo de um iPhone XR novo.
    • Por Thiago Nehring
      Olá, hoje peguei um Polo Highline 2020 e pela primeira vez fui usar o Apple CarPlay com meu iPhone XR.
      Estou tendo problemas com mensagens de audio no whatsapp, quando recebo audio e peço para siri reproduzir, fica mudo.
      Se está conectado e tento ouvir o audio pelo celular, toca uns segundos e fica mudo também, tenho que desconectar do carro para conseguir ouvir.
      Esse problema é geral ou é algo raro? Encontrei umas 3 pessoas na internet com este problema e ninguém com solução, por aqui não encontrei nenhum tópico sobre isso.
      A parte de ler e responder mensagens no whatsapp de texto, essa parte é perfeita, meu problema é com mensagem de audio mesmo, que era para ser ainda  mais simples.
    • Por tiagocarvalhos
      Olá, estou vendendo meu MBP comprado na BH de Nova Iorque/EUA em Junho de 2013 por R$ 4.200. Se houver interesse, posso colocar o HD 500 GB original da Apple e reduzir o valor para R$ 3.500   MacBook Pro 13-inch, Mid 2012; Processor 2.9 GHz Intel Core i7; Memory 16 GB 1600 MHz DDR3 (vinha com 8GB e troquei para 16 GB); Startup Disc Samsung SSD (veio com HD e troquei para Samsung SSD 1 TB); Graphics Intel HD Graphics 4000 1536 MB; macOS Mojave, Version 10.14.6 (ainda não atualizei pro Catalina pois ainda uso alguns softwares 32bits); Bateria com 476 ciclos (ainda não chegou a meia vida, funciona bem umas 6 horas fora da tomada); Dois cabos de energia, padrão brasileiro (2 pinos) e padrão americano (2 riscos). O produto não tem amassados mas tem marcas de uso, afinal são 6 anos. O computador está funcionando perfeitamente e só estou vendendo pois tive oportunidade de comprar um MBP 2019.
      ATENÇÃO: só receberei o meu novo note dia 18 de dezembro, então o computador só será entregue/disponível para retirada a partir de 20 de dezembro 2019.
      Estou em São Paulo, Capital e região da Pompéia. Preferência por retirar em mãos.
      Em breve fotos!

    • Por heberdelia
      Tenho um iPhone XS Max de 256GB, comprado no Brasil, e utilizo um plano pós-pago da Claro com grande franquia de dados. Às vezes, por conta da necessidade, faço o compartilhamento da internet móvel com o meu MacBook Air (última versão do macOS Catalina instalada). No entanto, não pude deixar de verificar que, ao realizar testes de velocidade no SpeedTest, a velocidade diminui drasticamente ao fazer o compartilhamento com o laptop, enquanto que a velocidade fica muito acima quando utilizo a mesma rede 4G no iPhone. A minha dúvida é: essa situação seria provocada pela operadora, que propositalmente reduz a velocidade da minha rede, ou pode ser alguma limitação no próprio iPhone? Inclusive observei a mesma situação com a Apple TV, pois algumas vezes a internet aqui de casa caiu e compartilhei a do celular. Detalhe: aparelho fica bem perto do computador e da TV.
      Muito obrigado pela ajuda.
    • Por Saiberome
      Pretendo me mudar para Portugal e pesquisando sobre iPad e Apple Watch no sait da Apple Portugal, percebi que não tinha os modelos LTE para comprar 
      gostaria de saber se existe uma operada compatível com tal tecnologia, e se consigo comprar esses aparelhos com LTE lá 
  • Estatísticas do Fórum

    • Total de Tópicos
      48.598
    • Total de Posts
      416.387
×
×
  • Criar Novo...