Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
Entre para seguir isso  
JoeD

iPhone 5 desbloqueado - Ainda não...

Posts Recomendados

É... como eu e alguns outros aqui previram, nada de iPhone 5 desbloqueado no Apple Store. Quem estava com planos de comprar agora, vai ter mesmo que esperar. Vale lembrar que ano passado demorou cerca de um mês para que fosse disponibilizado para venda a versão desbloqueada do 4S. Se estás procurando um iPhone 5 desbloqueado, cruze os dedos para que o mesmo prazo se repita neste ano.

Sds!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

De que site é esse printscreen?

Os preços devem ser mantidos, mas o interessante mesmo é que seja assinada, dia 17, a MP que reduz os encargos sobre os Smartphones, assim, que sejam mantidos os preços do iPhone 4S quando lançado, o iPhone 5 não vai ter grandes alterações de preço. Ainda aposto em R$2.199,00, com margem de erro de R$200,00 para mais ou para menos.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Os preços devem ser mantidos, mas o interessante mesmo é que seja assinada, dia 17, a MP que reduz os encargos sobre os Smartphones, assim, que sejam mantidos os preços do iPhone 4S quando lançado, o iPhone 5 não vai ter grandes alterações de preço. Ainda aposto em R$2.199,00, com margem de erro de R$200,00 para mais ou para menos.

Acho que a única solução seria as operadoras brasileiras ter bom senso, e oferecerem os telefones a um preço bom com um contrato de um/dois ano/s. Porém, acho que é mais fácil importar via UPS e pagar menos, do que a alternativa opinada acontecer. Rs. Quem vai comprar, prepare seus cartões!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Apple UK está vendendo!

Interessante... mas olha a ressalva que eles fazem na página do produto:

An unlocked iPhone 5 may not support LTE networks in all other countries; contact service providers for details.

Pelo jeito antes de importar tem-se que verificar bem onde o celular vai funcionar para que o LTE não fique obtuso.

Mas que saco, hein? Imagine viajar e passar um tempo em outro país e não poder usar os recursos do LTE? Grande chatice! Não sei pq não padronizam essas coisas.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Mais sobre o assunto:

In the UK, LTE services will use the 800MHz, 900MHz, 1800MHz and 2.6GHz bands whereas the new iPad, for example, will only work on 4G networks that use the 700MHz or 2.1GHz frequency bands.

So if you're on a trip to the US anytime soon and are considering snapping up a new 4G-equipped phone or tablet, be aware that it almost certainly won't be compatible with the UK's 4G networks.

Como pode ver, esta reportagem está aconselhando as pessoas que vivem no Reino Unido a não comprarem um iPad nos EUA se quiserem usar LTE.

Confira em: http://www.zdnet.com/uk/4g-in-the-uk-what-is-it-when-its-coming-and-what-this-means-for-you-7000001819/

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Mais sobre o assunto:

In the UK, LTE services will use the 800MHz, 900MHz, 1800MHz and 2.6GHz bands whereas the new iPad, for example, will only work on 4G networks that use the 700MHz or 2.1GHz frequency bands.

So if you're on a trip to the US anytime soon and are considering snapping up a new 4G-equipped phone or tablet, be aware that it almost certainly won't be compatible with the UK's 4G networks.

Como pode ver, esta reportagem está aconselhando as pessoas que vivem no Reino Unido a não comprarem um iPad nos EUA se quiserem usar LTE.

Confira em: http://www.zdnet.com...you-7000001819/

Ta mas no site da Apple do Reino Unido http://www.apple.com/uk/ipad/specs/ , é possivel encontrar as frequencias que o iPad de terceira geração funciona quanto a redes LTE e aparece la as frequencias 700 e 2100Mhz... logo nao é indiferente onde comprar :4G LTE (700, 2100MHz) US and Canada only3No propio site da Apple do Reino Unido eles deixam claro que funciona apenas no US e Canada os modelos vendidos no Reino Unido... o mesmo deve acontecer com os iPhone...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Sobre o iPhone 5 e preços. Não há o preço dele desbloqueado no site da Apple US. Recorri ao site da Apple Canadá. $699,00, o que dá R$1.453,18, pelo câmbio de hoje, em reais. Alguém se lembra se esse era o valor do iPhone 4S de 16GB no Canadá, no ano passado?

Mais sobre o assunto:

In the UK, LTE services will use the 800MHz, 900MHz, 1800MHz and 2.6GHz bands whereas the new iPad, for example, will only work on 4G networks that use the 700MHz or 2.1GHz frequency bands.

So if you're on a trip to the US anytime soon and are considering snapping up a new 4G-equipped phone or tablet, be aware that it almost certainly won't be compatible with the UK's 4G networks.

Como pode ver, esta reportagem está aconselhando as pessoas que vivem no Reino Unido a não comprarem um iPad nos EUA se quiserem usar LTE.

Confira em: http://www.zdnet.com...you-7000001819/

Ta mas no site da Apple do Reino Unido http://www.apple.com/uk/ipad/specs/ , é possivel encontrar as frequencias que o iPad de terceira geração funciona quanto a redes LTE e aparece la as frequencias 700 e 2100Mhz... logo nao é indiferente onde comprar :4G LTE (700, 2100MHz) US and Canada only3No propio site da Apple do Reino Unido eles deixam claro que funciona apenas no US e Canada os modelos vendidos no Reino Unido... o mesmo deve acontecer com os iPhone...

O único modelo que não é compatível com a Rede 3G/GSM do Brasil é o CDMA, vendido para os usuários da Verizon e das demais operadoras que usam CDMA.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Sobre o iPhone 5 e preços. Não há o preço dele desbloqueado no site da Apple US. Recorri ao site da Apple Canadá. $699,00, o que dá R$1.453,18, pelo câmbio de hoje, em reais. Alguém se lembra se esse era o valor do iPhone 4S de 16GB no Canadá, no ano passado?

O único modelo que não é compatível com a Rede 3G/GSM do Brasil é o CDMA, vendido para os usuários da Verizon e das demais operadoras que usam CDMA.

Entao estavamos falando sobre o LTE(4G), que nem tem no Brasil direito ainda, mas so p/c saber quem sabe , p/ a copa hehede qualquer forma ta ai o preço do canada:http://www.iphoneincanada.ca/iphone-4s/unlocked-iphone-4s-prices-in-canada-revealed-at-649-749-849/A partir de 649 o 4S

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Entao estavamos falando sobre o LTE(4G), que nem tem no Brasil direito ainda, mas so p/c saber quem sabe , p/ a copa hehede qualquer forma ta ai o preço do canada:http://www.iphoneincanada.ca/iphone-4s/unlocked-iphone-4s-prices-in-canada-revealed-at-649-749-849/A partir de 649 o 4S

Então aumentou em 50 dólares mesmo o preço dele desbloqueado, pelo menos no Canadá. Sobre a frequência, estamos debatendo isso a tempos, mas há o problema das redes de televisão que usam frequências que fariam parte do Suporte 4G, por isso o governo adotou os 2,5GHz como padrão. A partir de 2016 teremos a rede de 700MHz (a mesma usada por alguns canais de TV Aberta, ainda analógicos), por isso essa frequência não foi a leilão. A questão da Copa é um problema da Anatel e que pode ser resolvido sem licitação e tudo mais, mas o problema não é o uso do 4G e sim a frustração de que o iPhone 5 será produzido aqui no Brasil, como é produzido o Novo iPad, sem suporte à Rede 4G que será usada aqui.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

(..)

O único modelo que não é compatível com a Rede 3G/GSM do Brasil é o CDMA, vendido para os usuários da Verizon e das demais operadoras que usam CDMA.

Lembro de passagem, que antes da Tim entrar no mercado brasileiro e oferecer o GSM, todo o resto era CDMA. Só por curiosidade: Não sobrou nenhuma operadora ainda oferecendo serviço em CDMA?

Aliás, lembro que no Brasil, o que fez o GSM pegar foi o fato que marketeavam o GSM como sendo o sistema inclonável já que um chip era necessário. Naquela época era um tal de ter celular clonado... só que também muitas pessoas disseram que de fato era mais difícil de clonar um celular tecnologia GSM, mas não impossível.

(..)Sobre a frequência, estamos debatendo isso a tempos, mas há o problema das redes de televisão que usam frequências que fariam parte do Suporte 4G, por isso o governo adotou os 2,5GHz como padrão. A partir de 2016 teremos a rede de 700MHz (a mesma usada por alguns canais de TV Aberta, ainda analógicos), por isso essa frequência não foi a leilão. A questão da Copa é um problema da Anatel e que pode ser resolvido sem licitação e tudo mais, mas o problema não é o uso do 4G e sim a frustração de que o iPhone 5 será produzido aqui no Brasil, como é produzido o Novo iPad, sem suporte à Rede 4G que será usada aqui.

Da mesma forma que a Apple criou um modelo CDMA depois da entrada da Sprint e Verizon na jogada, não poderiam apenas ter iPhones fabricados com LTE adaptado para outros mercados? No Brasil por exemplo já se tem a fábrica... parece que eles estariam perdendo a chance de continuar com clientes fiéis. Eventualmente ninguém vai querer deixar de ter LTE em seus celulares... se isso significar aposentar iPhone, aposto que o povo fará isto com certeza.

Bem chatinho este asunto. Eu que passo maior parte do meu tempo nos EUA, claro que vou sempre comprar meus telefones lá... mas nas minhas viagens internacionais e temporadas no BRasil, isso me incomodará demais. Terei meu serviço involuntariamente vetado.

Como disse antes, um grande aborrecimento essa falta de poder padronizar a frequência em todo mundo. Me lembra - como também já dito em outro tópico - o velho dilema dos celulares dualband e triband. Tudo evolui mas sempre tem esses percalços no meio do caminho. Preguiça...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Lembro de passagem, que antes da Tim entrar no mercado brasileiro e oferecer o GSM, todo o resto era CDMA. Só por curiosidade: Não sobrou nenhuma operadora ainda oferecendo serviço em CDMA?

Aliás, lembro que no Brasil, o que fez o GSM pegar foi o fato que marketeavam o GSM como sendo o sistema inclonável já que um chip era necessário. Naquela época era um tal de ter celular clonado... só que também muitas pessoas disseram que de fato era mais difícil de clonar um celular tecnologia GSM, mas não impossível.

Da mesma forma que a Apple criou um modelo CDMA depois da entrada da Sprint e Verizon na jogada, não poderiam apenas ter iPhones fabricados com LTE adaptado para outros mercados? No Brasil por exemplo já se tem a fábrica... parece que eles estariam perdendo a chance de continuar com clientes fiéis. Eventualmente ninguém vai querer deixar de ter LTE em seus celulares... se isso significar aposentar iPhone, aposto que o povo fará isto com certeza.

Bem chatinho este asunto. Eu que passo maior parte do meu tempo nos EUA, claro que vou sempre comprar meus telefones lá... mas nas minhas viagens internacionais e temporadas no BRasil, isso me incomodará demais. Terei meu serviço involuntariamente vetado.

Como disse antes, um grande aborrecimento essa falta de poder padronizar a frequência em todo mundo. Me lembra - como também já dito em outro tópico - o velho dilema dos celulares dualband e triband. Tudo evolui mas sempre tem esses percalços no meio do caminho. Preguiça...

Não. Era assim: CDMA e TDMA. A Telesp era CDMA, a TIM era TDMA... e por aí vai. Em 2002 entra a Oi com o GSM, depois veio a TIM. A Vivo até pouco tempo era CDMA e acho que ainda tem usuários de aparelhos CDMA, mas hoje padronizou tudo no GSM. Eu lembro que logo que me mudei para SP a Tim ofereceu o CDMA e comprei um Siemens GSM.

Sobre o assunto do padrão 4G, há uma falta de força de vontade da Apple também, não acha? Ela poderia ter delineado o sistema já para o que vai ser usado no Brasil. Se tem algo que me decepcionou foi o suporte à frequência de 2,5GHz da Banda 4G não estar presente no iPhone 5.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Não. Era assim: CDMA e TDMA. A Telesp era CDMA, a TIM era TDMA... e por aí vai. Em 2002 entra a Oi com o GSM, depois veio a TIM. A Vivo até pouco tempo era CDMA e acho que ainda tem usuários de aparelhos CDMA, mas hoje padronizou tudo no GSM. Eu lembro que logo que me mudei para SP a Tim ofereceu o CDMA e comprei um Siemens GSM.

Sobre o assunto do padrão 4G, há uma falta de força de vontade da Apple também, não acha? Ela poderia ter delineado o sistema já para o que vai ser usado no Brasil. Se tem algo que me decepcionou foi o suporte à frequência de 2,5GHz da Banda 4G não estar presente no iPhone 5.

Hmmm... de fato agora eu lembro deste TDMA. Mas obrigado pela correção. Eu via tudo muito por cima... mas não sabia que a Oi tinha trazido o GSM. Mas foi a Tim que o popularizou, não?

Eu não sei como funciona as decisões feitas pela Apple... só acho sem sentido fazer um telefone e tentar vende-lo para outros mercados que não podem usufruir de algo tão importante quanto esta LTE. Só que também, convenhamos: LTE é realidade em atraso pois ninguém está tendo acesso realmente. Precisariamos quem algum engenheiro explicasse se é possível fazer um telefone com uma vasta gama de frequências. Isso é uma coisa que pode-se fazer? Se for, aí acho que a Apple errou enormemente. Caso contrário, ela vai obviamente focar nos mercados mais relevantes. Cá entre nós: telefonia celular no Brasil é muito mundana pra ser levada em consideração por qualquer desenvolvedor. É um serviço muito caro e porcamente administrado.

Vamos aguardar pra ver o que vai acontecer...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Hmmm... de fato agora eu lembro deste TDMA. Mas obrigado pela correção. Eu via tudo muito por cima... mas não sabia que a Oi tinha trazido o GSM. Mas foi a Tim que o popularizou, não?

Eu não sei como funciona as decisões feitas pela Apple... só acho sem sentido fazer um telefone e tentar vende-lo para outros mercados que não podem usufruir de algo tão importante quanto esta LTE. Só que também, convenhamos: LTE é realidade em atraso pois ninguém está tendo acesso realmente. Precisariamos quem algum engenheiro explicasse se é possível fazer um telefone com uma vasta gama de frequências. Isso é uma coisa que pode-se fazer? Se for, aí acho que a Apple errou enormemente. Caso contrário, ela vai obviamente focar nos mercados mais relevantes. Cá entre nós: telefonia celular no Brasil é muito mundana pra ser levada em consideração por qualquer desenvolvedor. É um serviço muito caro e porcamente administrado.

Vamos aguardar pra ver o que vai acontecer...

Sobre o GSM, a Oi só atuava no RJ, MG, ES e Nordeste, era a área da Telemar, acho que na região norte também, mas quem popularizou, de fato, foi a TIM, em Janeiro 2003, com aquela campanha que tinha o Ronaldo segurando um Tim Chip na frente dos olhos, lembra? Eram modelos da Sony Ericsson, Siemens, Nokia e Motorola. Todos muito legais e caros. Paguei acho que uns R$600,00 na época pelo meu Siemens, que tinha até câmera digital! Depois, em meados de 2003 veio a Vivo, que englobou várias empresas de vários Estados, dentre elas a Telesp Celular, a Global Telecom (Paraná e SC), Teleónica Celular (antiga CRT), que cobria todo o RS, menos a cidade onde eu moro, que sempre foi TIM. A Vivo optou pelo CDMA, a TIM pelo GSM e a Oi também. Em 2004, vem a Claro, que também foi a junção da Claro Digital, aqui do RS, da BCP (SP), Americel e outras prestadoras e também optou pelo GSM e havia muito mais aparelhos GSM que CDMA no mercado. Vale lembrar que as empresas que formaram a Claro e a TIM usavam TDMA, as que formavam a Vivo usavam CDMA e TDMA e foi unificado em CDMA. Então foi mais ou menos assim, como a tecnologia TDMA estava esgotada, ou migrava-se para o GSM ou para o CDMA. O GSM é infinitamente mais barato e simples de ser usado. Em 2007 a Vivo decide abandonar os investimentos em CDMA e passa a investir no GSM. E hoje assim está, tudo padronizado, o que só nos deixa a opção de escolher qual é a pior operadora e a mais cara, pois todas oferecem basicamente os mesmos serviços, com uma certa vantagem para os serviços de internet da Vivo e da Claro, que foram as primeiras a implementar o 3G, conhecido por W-CDMA, em padrões UMTS e FOMA e o 3G+, conhecido por 3G+ ou HSDPA. Agora vem o 4G que tem os protocolos WiMax e LTE, assim tudo fica uma salada de fruta e creio que posso ter sido injusto com a Apple no post anterior, mas é uma camaçada de padrões.

Quem não se lembra do celular global, o Iridium Sattelite Phone, que foi um dos maiores fracassos. Lembro de ter visto um telefone desses da Motorola, a antena era gigante!

Realmente só um engenheiro para nos elucidar tudo isso, então peço a algum colega do fórum que tire a dúvida: é possível ter num iPhone 5 o suporte a todas frequências do sistema de Dados 4G LTE, que no Brasil tem suporte em 700MHz e 2,5MHz, mas a banda de 700MHz deve ser leiloada apenas em 2013?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder este tópico…

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Limpar editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Entre para seguir isso  

  • Quem Está Navegando   0 membros estão online

    Nenhum usuário registrado visualizando esta página.



  • Conteúdo Similar

    • Por bruno653
      Primeiramente, gostaria de pedir desculpas caso alguma coisa esteja errada. Não entendo muito sobre como funciona fóruns e estou aqui porque estou desesperado já.
      Tenho um iPhone 5, desde 2013, que está num estado final de vida praticamente. Além dele travar muito e esquentar bastante, ontem aconteceu algo estranho. Estava na casa de um amigo com mais 15 pessoas e o wi-fi parou de pegar no meu celular. Ainda estava conectado porém às vezes não pegava, o whatsapp ficava com aquilo de "conectando" e não conseguia usar nenhum aplicativo que precisava de internet. Às vezes voltava a pegar por um período de tempo porém com um sinal bem fraco. Eu achei que fosse porque tinha mais de 20 dispositivos conectados no wi-fi dele então ignorei. Chegando em casa, o mesmo problema aconteceu com o meu wi-fi porém achei que fosse porque realmente houve algum problema na internet e fui dormir. Hoje aconteceu a mesma coisa desde manhã e até agora nada.
      O 3G ainda funciona porém consome muita bateria e esquenta muito o celular que já tem uma bateria de 4 horas aproximadamente (2 horas se estiver com o 3G ligado).
      Gostaria de alguma ajuda nisso, por favor.
    • Por Cláudio Cesar De Mello Xavier Filho
      Ola, possuo um iPhone 5 há algum tempo, alguns meses pra cá, o mostrador  da bateria desregulou e cai rapidamente de 100% e vai diminuindo ate chegar a 3%  e fica horas marcando 3, com isso fui me acostumando não me importei muito com isso, com o tempo  após o iPhone desligar ou reiniciar ele, sempre quando ele liga fica uns 2 minutos ligado e do nada ele reinicia sozinho, mais isso reiniciava 2 ou 3 x e voltada ao normal, só que agora luto para não deixar ele desligar, pois esse tempo que durava 2,3x voltava ao normal agora ele fica reiniciando por 5, 6 horas sem parar, pensei que poderia ser bateria mais a bateria foi trocada começo desse ano, aos técnicos o que pode ser?
      Segue vídeo mostrando como fica
       
    • Por Eduardo Victor
      O flash do meu iphone 5 não está funcionando na câmera, ela simplesmente não bate a foto quando ativo o flash. Usar como lanterna funciona ou em outros apps de lanterna também, mas na câmera não bate a foto! Já tentei restaurar, mas não adiantou, alguém por favor me ajuda!!
    • Por T-Bond
      Galera, você conhecem algum outro smartphone que possua, pelo menos, as dimensões aproximadas do iPhone 5?
      Procuro alternativas que não sejam Apple.
    • Por Julia Moreira
      Pessoas,
      estou pensando em comprar o iphone 5s do meu namorado. Entretanto, ele "tinha" a bateria original viciada (aquele caso de que descarrega com 70%, só dura 3h, etc...). O produto está totalmente fora da garantia, e a Apple cobra 450,00 reais para trocar por uma nova. Entretanto, ele optou por comprar uma falsificada, nessas assistências técnicas em Shopping, que custou 120,00 reais. Faz somente uma semana, e está tudo ocorrendo bem. A assistência deu garantia de 3 meses. Entretanto, ele quer vender o celular e eu quero comprar, e estou pensando se vale a pena adquirir pelo preço de 600,00 reais, dado que, passados os 3 meses da garantia da assistência, o celular pode voltar a dar problema e eu teria que recorrer aos 450,00 da Apple numa bateria original (o que não estou nem um pouco disposta a fazer)
      Então: vocês acham que vale a pena comprar o celular nessas condições? 
      E mais: essas baterias de segunda linha, de assistências técnicas "confiáveis" tendem a durar um tempo razoável, etc, vale a pena comprar? 
      PS: sou do tipo de pessoa que não gosta de gastar muito em celular e, por isso, qualquer android seria a melhor opção. Mas já cansei bastante do sistema, queria experimentar o ios, e quero um iphone
    • Por tiulusca
      Bom dia, boa tarde ou boa noite, pessoal! Sou novato aqui, creio estar postando no lugar correto, caso eu esteja errado, mil perdões!
      Então, tenho um iPhone 5 que simplesmente do NADA parou de funcionar o microfone, levei na assistência achando que era problema no hardware do aparelho, troquei o microfone e ainda sim não voltou.
      Dias atrás ele voltou a funcionar e depois parou do nada também.
      Hoje percebi que na SIRI o microfone funciona normalmente, porém, eu já reinstalei o software pelo iTunes e ainda sim o problema persiste, alguém tem alguma solução?
      Obrigado desde já.
    • Por Olecram2006
      Olá Pessoal, bom dia!

      Estou para comprar um Iphone 5 (32gb) ou 5s (16gb). E minha dúvida está em qual dos dois modelos preferir, já que o primeiro tem o dobro de capacidade do segundo.

      Basicamente, o que me deixa mais confuso em decidir são dois aspectos:

      - Até quando o 5 será atualizado? Já que li em sites especializados que talvez a próxima grande atualização do sistema (versão 11), ele já não será suportado.

      - Como é um aparelho usado (e provavelmente sem garantia), caso dê problema no leitor digital do 5s, parece que não tem mais conserto. Ou seja, só comprando outro aparelho. É isso mesmo?

      Bem, se puderem me ajudar com essas dúvida, agradeço bastante.

      Abraços.
    • Por MOISÉS SIMARO FERRO
      Olá, MacMagazine...
      Vocês saberiam me dizer como fazer a compra do iPhone 7 nos EUA, desbloqueado, para trazer para o Brasil? No site da Apple não está disponível a opção de compra direta na própria loja Apple, apenas vinculada às operadoras de lá. Tem alguma operadora mais adequada? Li em outro blog que o mais adequado é da T-Mobile. Mas como é o procedimento para comprar?
      obrigado!!!
    • Por Mube
      Bateria do meu iPhone 5 esta muito ruim, durando cerca de 3-4horas máximo sem usar muito o celular.
       
      Vou fazer a troca da bateria, mas minha dúvida é o seguinte, onde comprar? Tem baterias no MercadoLivre que o kit custa 60reais, mas são baterias originais, vale a pena trocar por essas bateria?
       
      Ou tem alguma lugar que consigo comprar a bateria original de verdade.
       
      Desde já, obrigado.
    • Por Mube
      Bateria do meu iPhone 5 esta muito ruim, durando cerca de 3-4horas máximo sem usar muito o celular.
       
      Vou fazer a troca da bateria, mas minha dúvida é o seguinte, onde comprar? Tem baterias no MercadoLivre que o kit custa 60reais, mas são baterias originais, vale a pena trocar por essas bateria?
       
      Ou tem alguma lugar que consigo comprar a bateria original de verdade.
       
      Desde já, obrigado.
  • Estatísticas do Fórum

    • Total de Tópicos
      47.960
    • Total de Posts
      411.426
×
×
  • Criar Novo...