Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
tiico1996

Chega de palhaçada né Apple Store

Posts Recomendados

Eu acho que vai ter gente que vai comprar sim, mas existe um número grande de pessoas que não vai comprar. Eu por exemplo não vou deixar de comprar só por que fiquei puto, na verdade se sentir um otário não é nada bom.

Este é um dos motivos.

O outro é que estes preços ficaram fora da realidade, não tem realmente como comprar. Acho que isso vai ter número grande de pessoas que mesmo querendo vai ficar sem. Creio que qproximadamente 70% dos consumidores em potencial devem estar nesta faixa. Eu já comprei Macs nesta faixa de preços, mas depois que vc compra por preços mais realistas, fica difícil voltar a pagar estes absurdos. Eu nãoo vejo tanta vantagem assim nestas telas retinas, é bom, etc e tal, mas daqui a pouco todos os teltevisores e monitores vão teer isso a preços mais módicos, é só ter escala. E ai, a Apple vai abaixar os perços? Se o dolar cair, como é esperado, vai voltar ao preço anterior? Duvido!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pra te falar a verdade, Ferrari, pelo atual preço do Mac Mini eu pego um Dell XPS 8500 (que tá saindo por RS 2.498,00) com 8 GB de RAM, 1 TB de HD e Placa de vídeo de 1 Gb, fora a possibilidade de futuros upgrades, que no caso do Mac Mini são limitadíssimos. A maior desvantagem do Dell fica por conta do sistema operacional mesmo, mas pelo andar da carruagem, tô vendo que vou ter mesmo que me rehabituar ao Windows. Sinceramente, pelo quesito custo-benefício, a coisa está pendendo para a Dell, no meu caso específico.

De fato é uma diferença grande. O W7 não está tão ruim assim. Tenho ele no meu netbook e nunca me encheu o saco, nunca tive que reinstalar. Por enquanto fico no meu iMac. Se até lá os preços continuarem altos, vou de PC mesmo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Quanto a pentelhar a Apple com abaixo assinados, discordo. Nada mais patético do que pessoas se mobilizando para que uma empresa de bens de consumo abaixe os preços para que possam comprar seus produtos.

Portanto, reitero: eu sugeri abaixo-assinado exigindo uma resposta à uma possível carta aberta pedindo explicações em relação ao aumento absurdo de preços. Pedir pra baixar os preços, eu pelo menos nunca sugeri... até pq sei que não vão baixar.

Eu acho inútil fazer um abaixo assinado à AppleBR. Porque eles estão realmente cag@ndo, já que são eles quem lucram esse valor absurdo.

Mas não acho absurso fazer um abaixo-assinado ou uma comunicação à AppleUS. Muito provavelmente ela não recebe esse repasse do lucro exorbitante que a AppleBR recebe.

Pode ser que a Apple US não esteja nem aí pros preços aqui no Brasil, mas não acho que seja patético pedir ao menos uma posição deles. Não no sentido de cobrar redução de preços, mas apenas saber o que eles pensam a respeito disso, afinal, é a marca deles sendo representada aqui.

Enfim, minha opinião.

Rs. O teu ceticismo e teu senso de humor fazem seus posts ficarem muito intrigantes. Não concordo com tudo o que você diz, tampouco discordo demasiadamente. Acho necessário alguém como vc se expressando aqui. Porém, deve ter gente que quer arrancar os cabelos depois de lerem os teus posts! Rs.

Heheheh.... Não sei se isso foi um elogio ou crítica. Ou nenhum dos dois, hehe.

Mas prefiro aceitar como elogio! :)

Editado por Del Rei

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Del Rei, eles falarão o que todas empresas falam: Impostos e câmbio.

A AppleBR dizer isso, ok, é o que já se espera.

Mas a AppleUS aceitar isso, é outra coisa, já que é a subsidiária que vai estar ganhando rios de dinheiro às custas dela, e não ela em si.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

A AppleBR dizer isso, ok, é o que já se espera.

Mas a AppleUS aceitar isso, é outra coisa, já que é a subsidiária que vai estar ganhando rios de dinheiro às custas dela, e não ela em si.

Não sei baseado em que você diz isso, a Apple Brasil pertence à Apple de Cupertino, o lucro da primeira é todo da segunda.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Não entendo o porquê da revolta. A Apple visa o lucro e tenho alguns argumentos. 1o: a Apple não, em matéria de Desktops a única empresa do mundo que oferece qualidade e tecnologia de ponta, o diferencial da Apple é o Desenho e o MAC OS X (aqui é que deposito todos os pontos por preferir a Apple às outras marcas); 2o: sou um usuário Apple, mas também sou um usuário da Dell, empresa que oferece o melhor sistema de pré e pós-venda do mercado. Oferece máquinas potentes (mais potentes que o iMac de 27" topo de linha); 3o: a Dell conta com a linha de monitores Ultrasharp; 4o: a Apple está cada vez mais engessando a capacidade de os seus usuários fazerem os devidos upgrades em suas máquinas; 5o: o lucro da Apple Brasil, em outros tópicos fiz alguns apontamentos sobre o funcionamento do sistema tributário e não adianta colocar a culpa sobre os impostos e demais tributos. Eles ainda estão muito elevados, mas o lucro da Apple é de pelo menos 50% sobre o valor de nota, sendo que os tributos contribuem com menos de 35% do valor final do produto. Não temos conhecimento do preço pelo qual os MACs são importados (é sobre esse preço que recai o Imposto de Importação) e é justamente a partir do preço de importação que a Apple provisiona o lucro de cada aparelho.

Cara, brasileiro paga e não reclama. Eles vão continuar vendendo.

Se vc tirar os impostos mesmo assim ainda tem um valor alto no produto.

O problema e que idiotas brasileiros continuam fazendo fila para comprar os produtos de todas as marcas.

Ai complica né?

Peço perdão a ti para rechaçar o teu comentário. A culpa não é dos brasileiros e sim da forma de como as redes de varejo estão organizadas no País. Os estoques de MACs são mais baixos que o usual e devido ao seu Design diferenciado e ao pouco acesso que o público brasileiro têm a produtos dessa natureza, eles não são idiotas e sim a Apple que se apropria de um momento em que o Brasileiro pode gastar com mais tranquilidade e aumenta os preços de forma a saltarem os olhos.

O preço de U$1.300,00, cobrado por um iMac de entrada nos EUA, vale lembrar, não está com os impostos inclusos, então fica mais fácil visualizar que o lucro da Apple aumentou, pelo menos U$100,00 por iMac vendido, o que já é um valor considerável diante de uma empresa que sempre mantém os preços nos EUA. Estimo o preço de custo do aparelho em U$500,00 (considerando que a média que encontrei na Internet oscila entre U$450,00 a U$600,00).

É sobre esse valor de U$500,00 + Frete + Seguro que a Apple Computer Brasil Ltda. vai importar o iMac para o país. Vamos considerar que o frete junto do seguro encareça o produto em pelo menos U$200,00, assim temos um preço de U$1.400.00. Chegando ao Brasil a Apple Brasil terá de recolher o imposto de importação sobre o valor de R$2.842,00 (considerando o Dólar a R$2,03). Esse imposto de importação é de 2%, desde 21 de Agosto de 2012, o que somará 2.898,84. Daqui em diante a Apple coloca o seu lucro sobre o aparelho, calcula-se o IPI, o ICMS, o PIS e a COFINS e teremos o preço final do aparelho.

Agora qual o lucro da Apple? R$2.000,00 seria o limite para que o preço cobrado pela Apple Store atenda a todos os requisitos fiscais. Outro ponto: talvez o preço de custo, frete e seguro que eu arbitrei (sem ter base alguma que possa sustentar os valores ali esposados), seja ainda menor, na cada dos U$400,00.

Abração a todos

Não sei baseado em que você diz isso, a Apple Brasil pertence à Apple de Cupertino, o lucro da primeira é todo da segunda.

http://macmagazine.c..._25#entry355874

Correto. A parte financeira da Apple Brasil é toda fixada pela Matriz, mas não em Cupertino, onde fica o CEO. A central que cuida das finanças da Apple Brasil fica em Austin, Texas.

A AppleBR dizer isso, ok, é o que já se espera.

Mas a AppleUS aceitar isso, é outra coisa, já que é a subsidiária que vai estar ganhando rios de dinheiro às custas dela, e não ela em si.

A Apple Brasil tem um lucro aproximado de U$1.000,00 por iMac (versão de entrada). Seria legal saber qual é exatamente o preço de custo da versão de entrada do iMac. Assim posso pegar todos os valores e contabilizar todos os tributos e chegar num valor palpável, pena que ainda não consegui esse dado.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Correto. A parte financeira da Apple Brasil é toda fixada pela Matriz, mas não em Cupertino, onde fica o CEO. A central que cuida das finanças da Apple Brasil fica em Austin, Texas.

Disse em Cupertino porque é a sede da Apple Inc. que detém 99,999% das quotas da Apple Computer Brasil Ltda., conforme consta no Contrato Social desta última.

Agora, onde são tomadas as decisões financeiras eu não sei sabia.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu acho inútil fazer um abaixo assinado à AppleBR. Porque eles estão realmente cag@ndo, já que são eles quem lucram esse valor absurdo.

Mas não acho absurso fazer um abaixo-assinado ou uma comunicação à AppleUS. Muito provavelmente ela não recebe esse repasse do lucro exorbitante que a AppleBR recebe.

Pode ser que a Apple US não esteja nem aí pros preços aqui no Brasil, mas não acho que seja patético pedir ao menos uma posição deles. Não no sentido de cobrar redução de preços, mas apenas saber o que eles pensam a respeito disso, afinal, é a marca deles sendo representada aqui.

Enfim, minha opinião.

Heheheh.... Não sei se isso foi um elogio ou crítica. Ou nenhum dos dois, hehe.

Mas prefiro aceitar como elogio! :)

Começar a te responder de baixo pra cima:

Sim, foi elogio.

Bato na tecla que inútil é envolver os americanos no assunto... eles vão pedir pra vocês contatarem os escritórios no Brasil. Gente, vamos acordar... vcs todos ficam falando de qual é a matriz, de quem manda em quem, mas a questão é simples: essas decisões de valores são feitas no Brasil. Qual a necessidade de se montar uma empresa aí no Brasil, se todos os custos e decisões fossem tomadas nos EUA? Acordem... querem atacar o problema, atinjam a sua raiz!

Se cada um de vocês ficar com achismos e dizendo o que funciona ou não antes de tentarem algo, não vai rolar nada. O bem da verdade é: falta organização. Também colaboro com meus achismos... porém contra os argumentos, uso os fatos. Boicote sei que não vai rolar, assim como sei bem que contatar a Apple nos EUA não vai dar em nada. Apple BR não vai baixar os preços e o máximo que conseguiriam seria arrancar uma declaração deles. Se vão falar que é apenas o câmbio ou os impostos, não sei... mas tenho certeza que alguma posição vão dar... desde que vocês façam o questionamento de uma forma significativa. Já sugeri várias formas e outros também já fizeram. Agora esse post já virou qualquer coisa visto que ninguém fez nada e ficou só no "eu acho". Ninguém no fim tem que achar nada, né? Os preços já estão lá no site e já devem estar bombando em novos pedidos. O povo do "tá na moda, tô lá" já encomendaram pro Natal! ;)

Del Rei, eles falarão o que todas empresas falam: Impostos e câmbio.

Outro que prevê o futuro...

A AppleBR dizer isso, ok, é o que já se espera.

Mas a AppleUS aceitar isso, é outra coisa, já que é a subsidiária que vai estar ganhando rios de dinheiro às custas dela, e não ela em si.

Devem estar é aplaudindo a subsidiária por fazerem lucro e venderem os produtos deles sem darem problemas maiores. Até parece que a Apple US vai apitar em alguma coisa se a Apple BR não está fazendo nada fora da lei!

(...)

Peço perdão a ti para rechaçar o teu comentário. A culpa não é dos brasileiros e sim da forma de como as redes de varejo estão organizadas no País. Os estoques de MACs são mais baixos que o usual e devido ao seu Design diferenciado e ao pouco acesso que o público brasileiro têm a produtos dessa natureza, eles não são idiotas e sim a Apple que se apropria de um momento em que o Brasileiro pode gastar com mais tranquilidade e aumenta os preços de forma a saltarem os olhos.

O preço de U$1.300,00, cobrado por um iMac de entrada nos EUA, vale lembrar, não está com os impostos inclusos, então fica mais fácil visualizar que o lucro da Apple aumentou, pelo menos U$100,00 por iMac vendido, o que já é um valor considerável diante de uma empresa que sempre mantém os preços nos EUA. Estimo o preço de custo do aparelho em U$500,00 (considerando que a média que encontrei na Internet oscila entre U$450,00 a U$600,00).

É sobre esse valor de U$500,00 + Frete + Seguro que a Apple Computer Brasil Ltda. vai importar o iMac para o país. Vamos considerar que o frete junto do seguro encareça o produto em pelo menos U$200,00, assim temos um preço de U$1.400.00. Chegando ao Brasil a Apple Brasil terá de recolher o imposto de importação sobre o valor de R$2.842,00 (considerando o Dólar a R$2,03). Esse imposto de importação é de 2%, desde 21 de Agosto de 2012, o que somará 2.898,84. Daqui em diante a Apple coloca o seu lucro sobre o aparelho, calcula-se o IPI, o ICMS, o PIS e a COFINS e teremos o preço final do aparelho.

Agora qual o lucro da Apple? R$2.000,00 seria o limite para que o preço cobrado pela Apple Store atenda a todos os requisitos fiscais. Outro ponto: talvez o preço de custo, frete e seguro que eu arbitrei (sem ter base alguma que possa sustentar os valores ali esposados), seja ainda menor, na cada dos U$400,00.

Abração a todos

(...)

Gustavo, em primeiro lugar, vc nunca deveria se desculpar por rechacar comentário de ninguém. Já te rechaçaram muitas vezes e nunca vi ninguém te pedir desculpas. Fazendo com educação, tá tudo bem.

Segundo que, quem discorda agora sou eu: é culpa do povo brasileiro sim. Não exclusivamente dele, mas é culpado também. Não é o povo que elege a maioria dos tomadores de decisão? Não é o povo que não sabe gastar seu dinheio de uma forma coerente? Pois então... culpado é! Veja o post do ederRca. Uma aula de comparação entre os hábitos americanos e brasileiros de consumo - principalmente no que se refere ao brasileiro.

Agora, me surpreende muito que você ache que a Apple do BR só tem cobrir os gastos com a importação e requisitos fiscais. Não se esqueça que eles também estão pagando as contas de suas operações no Brasil: os aluguéis milionários de seus escritórios, seus empregados brasileiros, o serviço ao consumidor... Essa grana vc acha que vem do lucro EUA? Claro que não... vem principalmente do lucro das vendas no BR! Se está operando aí, e estão atendendo as pessoas num toll free no BR, pode apostar que precisam cobrir esses gastos também! E estão fazendo isto além de lucrar.

Editado por JoeD

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Disse em Cupertino porque é a sede da Apple Inc. que detém 99,999% das quotas da Apple Computer Brasil Ltda., conforme consta no Contrato Social desta última.

Agora, onde são tomadas as decisões financeiras eu não sei sabia.

Somente as decisões financeiras da Apple Computer Brasil Ltda., as demais ficam em Cupertino e Palo Alto.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Começar a te responder de baixo pra cima:

Sim, foi elogio.

Bato na tecla que inútil é envolver os americanos no assunto... eles vão pedir pra vocês contatarem os escritórios no Brasil. Gente, vamos acordar... vcs todos ficam falando de qual é a matriz, de quem manda em quem, mas a questão é simples: essas decisões de valores são feitas no Brasil. Qual a necessidade de se montar uma empresa aí no Brasil, se todos os custos e decisões fossem tomadas nos EUA? Acordem... querem atacar o problema, atinjam a sua raiz!

Se cada um ficar de vocês ficarem com achismos e dizendo o que funciona ou não antes de tentarem algo, não vai rolar nada. O bem da verdade é: falta organização. Também entro com meus achismos... porém contra os argumentos, uso os fatos. Boicote sei que não vai rolar, assim como sei bem que contatar a Apple nos EUA não vai dar em nada. Apple BR não vai baixar os preços e o máximo que conseguiriam seria arrancar uma declaração deles. Se vão falar que é apenas o câmbio ou os impostos, não sei... mas tenho certeza que alguma posição vão dar... desde que façam o questionamento de uma forma significativa. Já sugeri várias formas e outros também já fizeram. Agora esse post já virou qualquer coisa visto que ninguém fez nada e ficou só no "eu acho". Ninguém no fim tem que achar nada, né? Os preços já estão lá no site e já devem estar bombando em novos pedidos. O povo do "tá na moda, tô lá" já encomendaram pro Natal! ;)

Outro que prevê o futuro...

Devem estar é aplaudindo a subsidiária por fazerem lucro e venderem os produtos deles sem darem problemas maiores. Até parece que a Apple US vai apitar em alguma coisa se a Apple BR não está fazendo nada fora da lei!

Gustavo, em primeiro lugar, vc nunca deveria se desculpar pro rechacar comentário de ninguém. Já te rechaçaram muitas vezes e nunca vi ninguém te pedir desculpas. Fazendo com educação, tá tudo bem.

Segundo que, quem discorda agora sou eu: é culpa do povo brasileiro sim. Não exclusivamente dele, mas é culpado também. Não é o povo que elege a maioria dos tomadores de decisão? Não é o povo que não sabe gastar seu dinheio de uma forma coerente? Pois então... culpado é! Veja o post do ederRca. Uma aula de comparação entre os hábitos americanos e brasileiros de consumo - principalmente no que se refere ao brasileiro.

Agora, me surpreende muito que você ache que a Apple do BR só tem cobrir os gastos com a importação e requisitos fiscais. Não se esqueça que eles também estão pagando as contas de suas operações no Brasil: os aluguéis milionários de seus escritórios, seus empregados brasileiros, o serviço ao consumidor... Essa grana vc acha que vem do lucro EUA? Claro que não... vem principalmente do lucro das vendas no BR! Se está operando aí, e estão atendendo as pessoas num toll free no BR, pode apostar que precisam cobrir esses gastos também! E estão fazendo isto além de lucrar.

Com relação ao pontos em que discordas, refaço o meu comentário: o brasileiro erra em seus hábitos e não tem medo de gastar para ter status. Somos, como diria Nélson Rodrigues, "um povo com o orgulho amordaçado", por isso temos hábitos de consumo tão díspares.

Sobre os custos trabalhistas, encargos sociais, como são todos recolhidos aqui, confirmo o que postei, é dizer, há a necessidade de que se saiba o preço de custo com o qual a Apple Brasil importa os produtos para só assim tem em mente o lucro embutido em cada produto, pois o IPI, o ICMS, o PIS e a COFINS, são calculados sobre o preço de custo + imposto de importação + frete + seguro + lucro.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Com relação ao pontos em que discordas, refaço o meu comentário: o brasileiro erra em seus hábitos e não tem medo de gastar para ter status. Somos, como diria Nélson Rodrigues, "um povo com o orgulho amordaçado", por isso temos hábitos de consumo tão díspares.

Sobre os custos trabalhistas, encargos sociais, como são todos recolhidos aqui, confirmo o que postei, é dizer, há a necessidade de que se saiba o preço de custo com o qual a Apple Brasil importa os produtos para só assim tem em mente o lucro embutido em cada produto, pois o IPI, o ICMS, o PIS e a COFINS, são calculados sobre o preço de custo + imposto de importação + frete + seguro + lucro.

E o custo com as operações no Brasil... é calculado como?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Acho que qualquer argumento defendendo que o aumento é para cobrir gastos não deve prevalecer. Se assim for, a Apple vivia no prejuízo há muitos anos. Aumentar, de um dia para o outro, R$2.200,00 reais, com certeza não é para cobrir gastos, mas sim para obter lucro.

Está certo ou errado? Errado por desrespeitar o consumidor, principalmente os consumidores da Apple, sempre muito fiéis. E certo por ser uma empresa que busca lucro e sabe que brasileiro é trouxa por comprar de qualquer maneira, mesmo gastando esse absurdo numa máquina que vale a metade.

Editado por macflii

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

E o custo com as operações no Brasil... é calculado como?

Ora, para saber isso só vendo os livros comerciais da Apple Brasil, o que só pode ser exibido em juízo ou em caso de falência, pois esses dados são confidenciais, são parte da estratégia comercial da empresa e o Direito Empresarial tem regras específicas de proteção aos livros de comércio, tanto que o nome antigo da profissão de contator e/ou contabilista era "guarda livros".

Porque não fazemos um boicote?

Boicote não adianta. Podemos organizar um boicote da seguinte forma: todos os usuários do Fórum que assinarem o documento se comprometem a boicotar a compra de MACs. Ocorre que isso é utópico, pois pelo menos um usuário não vai respeitar o boicote e assim ele não terá função alguma.

Acho que qualquer argumento defendendo que o aumento é para cobrir gastos não deve prevalecer. Se assim for, a Apple vivia no prejuízo há muitos anos. Aumentar, de um dia para o outro, R$2.200,00 reais, com certeza não é para cobrir gastos, mas sim para obter lucro.

Está certo ou errado? Errado por desrespeitar o consumidor, principalmente os consumidores da Apple, sempre muito fiéis. E certo por ser uma empresa que busca lucro e sabe que brasileiro é trouxa por comprar de qualquer maneira, mesmo gastando esse absurdo numa máquina que vale a metade.

O consumidor da Apple é um consumidor como outro qualquer. O que a Apple está fazendo é "forçando" com que os seus consumidores fiéis busquem alternativas, algumas tão boas ou melhoras, em outras marcas. Um exemplo são os usuários que já estão aderindo ao Samsung Galaxy, ao LG Nexus e ao Kindle Fire. São poucos se comparados à imensa gama de usuários da Apple. Eu me enquadro naquele quadro de fidelidade. Estava esperando ansiosamente para comprar o meu primeiro Desktop da Apple, infelizmente não deu certo e optei por manter o padrão que eu já utilizada, Dell. Agora, com relação à qualidade, ainda não não encontrei no mercado produtos como o iPhone, iPad e MacBooks. Como nunca tive um iMac não posso opinar, da mesma que posso opinar quanto ao Samsung Galaxy SII e SIII (testei os dois) e posso dizer que são Smartphones que em 5 dias você sente saudades do iOS e da forma intuitiva de como ele interage com o usuário.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

E o custo com as operações no Brasil... é calculado como?

Eles são acrescidos depois da aplicação do Imposto de Importação sobre o valor da NF de entrada e junto da margem de lucro:

(
Valor do produto na NF de entrada
+
Imp. de Importação
) +
Custo Brasil (inc. tributos)
+
Margem de Lucro
=
Preço de venda

Sobre a desorganização, é natural, já que toda ideia que alguém dá vem outro e diz que não vai dar certo e blablabla. Assim não vai pra frente mesmo.

Se quiserem que isso ande é preciso ter uma liderança (como você mesmo disse e eu concordo) e uma ideia de ação.

Afinal de contas, que ação podemos executar:

  • Abaixo assinado?
    • Pra quem? Apple USA? Apple Brasil? Governo? ...

    [*]Envio de emails questionando?

    • Pra quem? Tim Cook? Apple Brasil?

    [*]Campanha no Twitter pra chamar a atenção da mídia/sociedade?

  • Outra coisa? O quê?

Se for pra mandar email, penso que seja melhor enviar diretamente para os excutivos da Apple no Brasil, poderíamos determinar um dia e horário para que todos enviem ao mesmo tempo, assim não tem como eles configurarem filtros pra desviar nossas mensagens direto para a Lixeira. ;D

Poderíamos focar nestes executivos:

  • Ricardo Barbara (LinkedIn)
    Country Manager na Apple
    ricardo-barbara.jpg
    Este é o que responde pelas operações no Brasil.

  • Vuk Petrovic (LinkedIn)
    Finance Executive / CFO
    vuk-petrovic.jpg
    Este é o Diretor de Finanças e Administração.

  • Bruno Moura (LinkedIn)
    Sales & Marketing Executive at Apple
    bruno-moura.jpg
    Se a Apple BR tem autonomia é este cara quem define os preços e demais estratégias de Marketing.
    Então ele deve ser o principal a ser questionado.

Editado por Odigooogle

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Gostei, abarrota-los de e-mail todo o dia falando a mesma coisa seria interessante, e claro, não comprar os produtos da Apple aqui no Brasil.

Se todo mundo mandar o mesmo e-mail todo santo dia, os caras vão ficar P. da vida rsrs

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Gostei, abarrota-los de e-mail todo o dia falando a mesma coisa seria interessante, e claro, não comprar os produtos da Apple aqui no Brasil.

Se todo mundo mandar o mesmo e-mail todo santo dia, os caras vão ficar P. da vida rsrs

Mandar a mesma mensagem todo dia não adianta, a coisa mais fácil que existe é configurar filtro no email. Depois da segunda mensagem que eles receberem eles configuram pra que todas as outras que chegarem sejam enviadas automaticamente pra Lixeira.

Essa ação pra ter algum efeito teria que ser "rápida e certeira", um único golpe.

Muitas pessoas enviam emails quase que simultâneamente com texto e campo "Assunto" diferentes mas fazendo os mesmos questionamentos.

Num momento a caixa de emails está vazia, no instante seguinte que eles olharem tá lá mil mensagens tratando do mesmo assunto mas com textos escritos de forma diferente.

No mínimo vamos conseguir fazer com que gastem alguns minutos conversando a respeito do ocorrido. Veja que a ideia é mandar as mensagens pra no mínimo três executivos.

Editado por Odigooogle

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder este tópico…

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Limpar editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


  • Quem Está Navegando   0 membros estão online

    Nenhum usuário registrado visualizando esta página.



  • Estatísticas do Fórum

    • Total de Tópicos
      48.489
    • Total de Posts
      414.937
×
×
  • Criar Novo...