Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
joaofaf

Boicote iPhone 5

Posts Recomendados

Na verdade achei que o "movimento" teve algum resultado, em Brasília o numero de pessoas na FILA da TIM foi MUITO menor, a operadora com receio de ter poucas vendas ofereceu 400 reais de desconto no lançamento, algo que não teve no ano passado... devegar conseguimos o objetivo, não adianta querer que a causa seja ganha imadiatamente, é uma questão de educação do mercado, em aprender a valorizar a moeda interna, e quando conseguirmo o objetivo com a Apple, logo todo o resto verá que podemos fazer isso com tudo mais, carros, eletronicos, computadores, etc...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Enquanto existirem filas imensas em busca do iPhone nos lançamentos, parecendo que estão dando de graça, infelizmente nós continuaremos a pagar esse preço absurdo nos aparelhos da Apple, pelo que parece a quantidade de aparelhos que veio foi bem pequena, e a demanda continua enorme, o que faz inflacionar mais ainda os preços pelo iPhone, vejam esse vídeo: http://youtu.be/ksOktorojEA

Quem sabe algum dia, o povo deixa de pensar apenas individualmente e comece a tomar as atitudes em conjunto, aí com certeza sentiremos os efeitos do poder que podemos exercer, mas enquanto alguns ficarem buscando apenas estatus as coisas continuaram da mesma forma que no vídeo acima.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu também não pago esse valor. Mas a culpa não é da Apple e sim do governo que cobra impostos absurdos. Ou você acha que só iPhone que é caro aqui? E os carros? E as motos? Bons eletrodomésticos (uma geladeira legal pode custar até 10 mil aqui e menos de 2 mil doletas lá). Acho que o buraco é bem mais em baixo.

Amazon ta entrando no brasil. Uma das declarações deles foi: O problema do brasil não é logística e sim impostos.

Temos sim, o iPhone mais caro do mundo, pq temos que encher o bolso dos porcos.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

É pura safadeza da Apple: eles calculam o preço a ser vendido pra nós brasileiros a partir do preço ao consumidor americano, quando deveria ser calculado a partir do preço de fábrica. Ou seja, a Apple lucra duas vezes e ainda fica com a parte que seria o lucro dos distribuidores de lá! E ainda por cima recebe incentivos fiscais, que não repassam ao consumidor! BOICOTE JÁ E ATÉ QUE ELES PERCEBAM QUE BRASILEIRO NÃO É IDIOTA!

Só falta convencer os riquinhos idiotas que acham que porque tem dinheiro, não precisam ser consumidores responsáveis, que têm o direito de inflacionar os preços.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

É broxante morar no Brasil, por essas e outras

Eu num preciso aderir pq nem iria comprar mesmo, a Apple conseguiu me fazer perder um pouco do tesão por iphone e minhas intenções de atualizar meu smartphone passam longe do 4s e 5 e vão parar justamente na concorrencia deles.

Pior que essa lenha é fabricada aqui, num tem desculpa velhos... Cobrar preço premium pra um público é uma coisa, agora cobrar um preço muitissimo além do premium é burrice e restringir o uso para a mesma faixa de público que isso se destina.

A num ser que apareça alguém postando aqui uma justificativa pautada pra que esse preço seja cobrado, eu vou continuar achando que: o governo é babaca de praticar essa cascata surreal de impostos, que as operadoras, lojas e vendedores são babacas de vender isso com margem de lucro abusivo, que todas essa gente faz valer da regra básica brasileira do "tirar vantagem em cima dos outros" e claro, de que existe um monte de trouxa que num da valor ao dinheiro que ganha e aceita isso passivamente.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Mais tem uma coisa,será que a galera tem que comprar no lançamento mesmo? O 4s saiu com o preço a R$ 2599,00 7 meses depois comprei lacrado por R$1550,00 . E só vou comprar o 5 daqui a 7 meses que com certeza vai abaixar o preço!!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Galera,

Estava querendo muito querendo comprar um iphone, porém esse preço de 2,4k não acho justo pagar, devido todos os motivos já explicitados aqui. Porém para minha surpresa, quando estava indo comprar o S3, que tava R$1500,00....resolvi parar em uma loja da Claro e tinha 2 iphones, um de 16 e outro de 32....perguntei do preço e talz...Me informaram que tinha uma promoção de portabilidade e ficou assim:

Iphone 5 16 - R$1699,00

Iphone 5 32 - R$1899,00

Plano 80 min - Ilimitado Claro Local - 3G Max 300MB - SMS Ilimitado - R$102,50

Como tenho gasto de cel de 200 reais, para minha esposa e eu, nessas características, de forma dobrada, resolvi pegar os dois.......com dois planos......

Esses preços não achei tão injusto, pois se vc comprar lá fora com cartão em NY, por exemplo, os preços ficam entorno de R$1630,00 (16GB, 649*1.0885*1.0638*2.17) e R$1882,00 (16GB, 749*1.0885*1.0638*2.17) sem fidelização. Praticamente os mesmos preços que paguei.

Ou seja, como minha conta não foi onerada por isso, je á gasto isso mesmo no plano e se comprar lá fora vou continuar gastando isso, acho que compensou mais comprar aqui do que la fora. Fora os outros aspectos, de fazer o dinheiro circular no Brasil, movimentando a economia nacional.

Bom, só queria colocar outro ponto de vista.

Abs

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Sinceramente, R$2700,00 por 32Gb não é tão absurdo levando em consideração que é um produto importado e o dólar subiu...

Absurdo é pagar R$500,00/mês num plano da Claro cujo serviço é falho e ainda cobrarem R$1800,00 no iPhone 5 32Gb fidelizando o plano...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Vou comprar na Claro pois sou cliente pós e tenho pontos de Claro Clube, que me darão desconto de 170 reais no valor de aparelho + subsidios de fidelidade de 1 ano.

Deve custar 1.500 reais. Amanhã ou segunda comprarei. ;)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

É interessante ver pessoas reclamando do preço do iphone e ainda tentando sensibilizar a Apple. A coisa é tão simples, se você tem o dinheiro você compra se não tem espera ter ou compra similar. Se acha que estão te roubando é simples, não compre. E para quem comentou e não sabe, para se ter um cartão de crédito nos EUA, não é como no Brasil, apenas passar na frente do banco e você já recebe 3k de limite. Lá se você não tem histórico financeiro realmente bom, você só recebe cartão de débito. Não tem essa de ficar devendo e juros serem baixinhos. Quem disse isso está muito mal informado.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Sou a favor do boicote, mas ao mesmo tempo sou contra ele ser um boicote em si. O problema maior é cultural, e isso é muito difícil de mudar. Sair por aí falando que vai boicotar a Apple (ou qualquer outra empresa) nunca adianta nada. Boicote é igual abaixo-assinado, só te faz parecer um revolucionário preguiçoso.

Sou a favor de toda ação que contribua para a mudança de pensamento das pessoas ao seu redor, que vai levar à conscientização do que significa esse consumismo todo que já virou parte integral da sociedade, as consequências disso, e o que fazer pra mudar. Ações que diminuam essa demanda por smartphones de R$ 2.700, por oferecer motivos e alternativas. Deixar de comprar só porque é caro, não adianta nada quando o sujeito QUER aquilo. Por exemplo, tem que fazer ele querer menos, oferecer algo tão bom quanto, ou fazer ele ver que o que você oferece não é tão bom quanto, mas oferece outras vantagens que fazem valer à pena.

Que ações? Desde conversas informais que resultem em alguma contundência, a produção de documentários, a startups que ajudem a resolver o problema. Vivemos na era do empreendedorismo, em que ideias se tornam realidade com muita facilidade. Entender o porquê das pessoas quererem tanto pagar R$ 2.700 em um aparelho é o começo. Isso pode significar ir à rua, fazer pesquisa, conversar com as pessoas que você quer mudar. Um sujeito se sentiu perturbado pelos preços de hotéis e a falta de disponibilidade, que ele criou um site pra alugar um colchão na sala do seu apartamento. Hoje, o AirBnb aluga mais de 200.000 espaços em 192 países, desde castelos a iglús. Foi uma espécie de boicote, mas mais do que isso, uma solução inteligente que aliviou a demanda por hotéis e ainda deu uma renda a novos inquilinos independentes.

É só um exemplo, mas é o tipo de coisa que funciona melhor que boicote, e pelo menos te faz parecer mais inteligente tentando fazer dar certo do que tentando organizar um boicote.

Em vez de continuar discutindo se boicote dá certo ou não, ou se você é a favor ou não, é muito melhor continuar alimentando esse tópico com ideias que possam romper esse modelo que tanta gente sabe que está quebrado.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Vou comprar na Claro pois sou cliente pós e tenho pontos de Claro Clube, que me darão desconto de 170 reais no valor de aparelho + subsidios de fidelidade de 1 ano.

Deve custar 1.500 reais. Amanhã ou segunda comprarei. ;)

Prepara o bolso, eu tenho um plano ilimitado 800 de 500 pila por mes. Com o desconto do Claro Clube saia 1750 o de 32gb e 1450 o de 16gb

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Sou a favor do boicote, mas ao mesmo tempo sou contra ele ser um boicote em si. O problema maior é cultural, e isso é muito difícil de mudar. Sair por aí falando que vai boicotar a Apple (ou qualquer outra empresa) nunca adianta nada. Boicote é igual abaixo-assinado, só te faz parecer um revolucionário preguiçoso.

Sou a favor de toda ação que contribua para a mudança de pensamento das pessoas ao seu redor, que vai levar à conscientização do que significa esse consumismo todo que já virou parte integral da sociedade, as consequências disso, e o que fazer pra mudar. Ações que diminuam essa demanda por smartphones de R$ 2.700, por oferecer motivos e alternativas. Deixar de comprar só porque é caro, não adianta nada quando o sujeito QUER aquilo. Por exemplo, tem que fazer ele querer menos, oferecer algo tão bom quanto, ou fazer ele ver que o que você oferece não é tão bom quanto, mas oferece outras vantagens que fazem valer à pena.

Que ações? Desde conversas informais que resultem em alguma contundência, a produção de documentários, a startups que ajudem a resolver o problema. Vivemos na era do empreendedorismo, em que ideias se tornam realidade com muita facilidade. Entender o porquê das pessoas quererem tanto pagar R$ 2.700 em um aparelho é o começo. Isso pode significar ir à rua, fazer pesquisa, conversar com as pessoas que você quer mudar. Um sujeito se sentiu perturbado pelos preços de hotéis e a falta de disponibilidade, que ele criou um site pra alugar um colchão na sala do seu apartamento. Hoje, o AirBnb aluga mais de 200.000 espaços em 192 países, desde castelos a iglús. Foi uma espécie de boicote, mas mais do que isso, uma solução inteligente que aliviou a demanda por hotéis e ainda deu uma renda a novos inquilinos independentes.

É só um exemplo, mas é o tipo de coisa que funciona melhor que boicote, e pelo menos te faz parecer mais inteligente tentando fazer dar certo do que tentando organizar um boicote.

Em vez de continuar discutindo se boicote dá certo ou não, ou se você é a favor ou não, é muito melhor continuar alimentando esse tópico com ideias que possam romper esse modelo que tanta gente sabe que está quebrado.

O único boicote que funcionou foi o da OEA sobre o Regime Comunista de Cuba.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Na verdade, o boicote da OEA não funcionou, o regime comunista continua lá. Creio que o único boicote que realmente teve algum retorno foi o do Ghandi sobre o algodão processado da Inglaterra, além do Sal tb, mas os boicotes informais funcionam, algumas empresas chegam a fechar as portas quando ninguém mais, por algum motivo, não compra seus produtos. A industria pesqueira teve que mudar algumas coisas por causa de boicotes em defesa de golfinhos nos EUA.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olha um exemplo do que está rolando agora, com um rapaz que se indignou com o sistema de taxis de aeroporto, e está correndo atrás de uma solução: http://meleva.com

Em vez de tentar boicotar os taxis, ele propõe um sistema de compartilhamento, que economiza $$ pra quem vai pegar um taxi quando chegar no aeroporto e faz a fila andar mais rápido.

Esse é o espírito de quem quem romper um sistema. E se não der certo, eu tenho certeza que ele vai tentar novamente, fazendo algo um pouco diferente, e vai acabar conseguindo. Muito diferente do que se fosse mais um boicote.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O melhor "boicote", o que realmente funciona a longo (e até curto prazo, se todos fizessem), seria não comprar correndo, não comprar a qualquer custo (pois não é apenas questão de ter dinheiro). Li aqui e em outros tópicos que muita gente conseguiu com preços bem interessantes, pagando à vista, ou através de pontos e planos (alguns até valem a pena). Acho que são ainda exceções, pois muitos pagam mais caro sem questionar. É cultural, tem brasileiro que acha até bonito pagar mais caro, como se isso fosse dar algum tipo de status.

Cada um sabe do seu dinheiro, mas justamente quem tem dinheiro tem o poder e dever maior de negociar e buscar preço. Afinal, quem depende mais de quem, quem quer mais o que? Nós dependemos de ter o último lançamento de smartphones a qualquer preço (e não é apenas qualquer preço, no Brasil é o iPhone MAIS CARO do mundo), ou a Apple Brasil e lojistas é que precisam do dinheiro do consumidor?

Certeza, se as vendas forem baixas e começar a sobrar estoque, ajustam todos os preços rapidinho. As empresas perdem, o governo perde, e SÓ aí se obrigam a rever seus números. Isso vale pra maioria das empresas no Brasil. As exceções (preços justos) podem virar regra quando o consumidor ficar mais atento.

Editado por de75

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Sinceramente, R$2700,00 por 32Gb não é tão absurdo levando em consideração que é um produto importado e o dólar subiu...

Absurdo é pagar R$500,00/mês num plano da Claro cujo serviço é falho e ainda cobrarem R$1800,00 no iPhone 5 32Gb fidelizando o plano...

Absurdo? Imagina se é... vale muuuuito a pena!!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu ia boicotar, entrei na loja da VIVO só para ver ele no mostruário pois até então só tinha visto pela interenet. Acabei saindo de lá com um 16GB Branco por 1400 em um plano melhor e mais barato que eu tinha antes (da época do iPhone 4)... Acabou que ficou 200 reais mais caro do que eu paguei no meu iPhone 4 há dois anos, também no lançamento.

Por outro lado, a atendente me falou que no pré-pago, o mesmo 16GB Branco era 3000... Absurdo!!!!

Não precisa ter QI acima de 90 para entender a jogada das operadoras né... Eles NÃO QUEREM vender pré-pago, eles querem vender planos!!!

Editado por CarlosGrossi

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder este tópico…

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Limpar editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


  • Quem Está Navegando   0 membros estão online

    Nenhum usuário registrado visualizando esta página.



  • Estatísticas do Fórum

    • Total de Tópicos
      47.914
    • Total de Posts
      410.617
×
×
  • Criar Novo...