Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
uk lima

O país mais ridículo do mundo

Posts Recomendados

Sim. A votação foi 6x5, as discussões foram bem antagônicas. José Dirceu e outros 22 mensaleiros já podem ir para cadeia.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Sim. A votação foi 6x5, as discussões foram bem antagônicas. José Dirceu e outros 22 mensaleiros já podem ir para cadeia.

Acabei de dar uma olhada na noticia, muito bom saber que isso aconteceu, essa semana também outro já foi condenado a não poder se reeleger mais, é bom ver essas coisas acontecendo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Acabei de dar uma olhada na noticia, muito bom saber que isso aconteceu, essa semana também outro já foi condenado a não poder se reeleger mais, é bom ver essas coisas acontecendo.

 

Pois é. Eu realmente acredito no Brasil. Aqui se consegue fazer compras para um mês, para uma casa com 2 adultos e duas crianças, com 10% do que se gastaria no Japão ou 30% do que se gastaria em alguns países da Europa. A Gasolina e o Diesel são muito mais baratos que em muitos países. Para se ter uma idéia, a Gasolina SP 97 no Uruguai, equivalente a nossa aditivada, sai por quase R$4,50 e o Diesel (que não é o S10 e sim o S50) sai por mais de R$4,00. Uma coisa é fato: os carros no Uruguai são 20% mais baratos do que aqui, mas o combustível é muito mais caro. No Chile um carro custa 40% menos que no Brasil, em compensação a manutenção chega a ser 200% mais cara. Claro que não posso comparar o preço da gasolina do Brasil com a dos EUA, Rússia, Venezuela (não sei quanto sai no Canadá, mas deve ser menos que aqui) e outros países que têm altas reservas de óleo.

 

A alimentação de uma família na Europa, de 4 pessoas, 2 adultos e 2 crianças, oscila entre 60 e 120 euros/dia. Aqui no Brasil o valor não chega a R$30,00. Isso sem contar o custo que se tem com aquecimento, lixo e tudo mais.

 

Se vocês pegarem ponto por ponto verão que em muitos países "desenvolvidos", como a Itália, Portugal, Espanha... há crises mais alarmantes e problemas sociais mais incisivos que no Brasil. O que torna a nossa revolta tão grande é que a estima pelos bens de consumo aqui é exponencialmente muito mais alta do que nesses outros países. Mas isso se explica por fatores de Mercado Exterior e de Mercado Interior. Nossa herança do regime militar, que optou por investir em estradas (como a Transamazônica) em vez de estradas de ferro e hidrovias, encarece, e muito o transporte, o que gera custo com escolta privada, seguro de carga, gastos com óleo diesel, renovação de frota de caminhões, pneu (que é realmente muito caro), isso faz com os preços subam demais. Quem viaja pela Régis Bitencourt sabe do que eu estou falando, por alguns trechos da 116 entre Porto Alegre e Curitiba também, igualmente pela 101 e por aí vai.

 

A carga tributária do Brasil é alta, mas não é a mais alta do mundo. O problema esta na forma em como ela é aplicada. Nosso sistema tributário é antiquado e extremamente conveniente para o Governo Federal, mas altamente prejudicial para os Estados e Municípios, daí tanta desigualdade. Outro ponto: corrupção. Sim, a corrupção no Brasil é coisa de cinema. Não existe (espero que exista no futuro) algum político que seja punido de forma categórica. Estamos começando a ver as coisas acontecerem, mas vai demorar ainda muito tempo para a situação virar de cabeça para baixo e por que está no poder debaixo da sola do nosso sapato.

 

Enfim, não convido a quem pensa que somos "O pior país do mundo" a "amar ou deixar o Brasil", mas fico feliz em ser rotulado como patriota, como fui, basta ler alguns tópicos acima. O problema é que a pessoa que me rotulou, no tópico "vem pra rua", se declarou altamente favorável aos protestos e estava na rua tentando modificar o Brasil. Enfim, que esse tópico sirva para uma troca de boas idéias de como tirar esse esteriótipo de pior país do mundo e que quem aqui participar poder pensar: "pow, é possível mudar o país, basta eu saber da minha responsabilidade e tentar incentivar quem está ao meu lado a fazer o mesmo".

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pois é. Eu realmente acredito no Brasil. Aqui se consegue fazer compras para um mês, para uma casa com 2 adultos e duas crianças, com 10% do que se gastaria no Japão ou 30% do que se gastaria em alguns países da Europa. A Gasolina e o Diesel são muito mais baratos que em muitos países. Para se ter uma idéia, a Gasolina SP 97 no Uruguai, equivalente a nossa aditivada, sai por quase R$4,50 e o Diesel (que não é o S10 e sim o S50) sai por mais de R$4,00. Uma coisa é fato: os carros no Uruguai são 20% mais baratos do que aqui, mas o combustível é muito mais caro. No Chile um carro custa 40% menos que no Brasil, em compensação a manutenção chega a ser 200% mais cara. Claro que não posso comparar o preço da gasolina do Brasil com a dos EUA, Rússia, Venezuela (não sei quanto sai no Canadá, mas deve ser menos que aqui) e outros países que têm altas reservas de óleo.

 

A alimentação de uma família na Europa, de 4 pessoas, 2 adultos e 2 crianças, oscila entre 60 e 120 euros/dia. Aqui no Brasil o valor não chega a R$30,00. Isso sem contar o custo que se tem com aquecimento, lixo e tudo mais.

 

Se vocês pegarem ponto por ponto verão que em muitos países "desenvolvidos", como a Itália, Portugal, Espanha... há crises mais alarmantes e problemas sociais mais incisivos que no Brasil. O que torna a nossa revolta tão grande é que a estima pelos bens de consumo aqui é exponencialmente muito mais alta do que nesses outros países. Mas isso se explica por fatores de Mercado Exterior e de Mercado Interior. Nossa herança do regime militar, que optou por investir em estradas (como a Transamazônica) em vez de estradas de ferro e hidrovias, encarece, e muito o transporte, o que gera custo com escolta privada, seguro de carga, gastos com óleo diesel, renovação de frota de caminhões, pneu (que é realmente muito caro), isso faz com os preços subam demais. Quem viaja pela Régis Bitencourt sabe do que eu estou falando, por alguns trechos da 116 entre Porto Alegre e Curitiba também, igualmente pela 101 e por aí vai.

 

A carga tributária do Brasil é alta, mas não é a mais alta do mundo. O problema esta na forma em como ela é aplicada. Nosso sistema tributário é antiquado e extremamente conveniente para o Governo Federal, mas altamente prejudicial para os Estados e Municípios, daí tanta desigualdade. Outro ponto: corrupção. Sim, a corrupção no Brasil é coisa de cinema. Não existe (espero que exista no futuro) algum político que seja punido de forma categórica. Estamos começando a ver as coisas acontecerem, mas vai demorar ainda muito tempo para a situação virar de cabeça para baixo e por que está no poder debaixo da sola do nosso sapato.

 

Enfim, não convido a quem pensa que somos "O pior país do mundo" a "amar ou deixar o Brasil", mas fico feliz em ser rotulado como patriota, como fui, basta ler alguns tópicos acima. O problema é que a pessoa que me rotulou, no tópico "vem pra rua", se declarou altamente favorável aos protestos e estava na rua tentando modificar o Brasil. Enfim, que esse tópico sirva para uma troca de boas idéias de como tirar esse esteriótipo de pior país do mundo e que quem aqui participar poder pensar: "pow, é possível mudar o país, basta eu saber da minha responsabilidade e tentar incentivar quem está ao meu lado a fazer o mesmo

 

Muito boa essa comparação da gasolina pois estamos acostumados com a midia mostrando apenas os países com combustível mais barato, passando a ideia de que aqui é a mais cara do mundo, vendo por esse lado o Brasil tem a parte de alimentação por exemplo barata já em outros países, como colocou, é bem alto.

E nao tem problema algum em ser patriota, na verdade é uma atitude que todos deveriam ter e passar a ver tanto os defeitos quanto as qualidades do pais, acredito que assim mudaria muito a maneira como o pais anda.

Lembro de um professor de historia comentando ano passado após o governador de SP ao ouvir reclamações sobre a cidade falar que quem não esta satisfeito pode sair daqui ( não sei precisar se foram exatamente essas palavras, mas foi mais ou menos isso)  e esse professor disse, muito pelo contrario quando agente reclama é por gostar da cidade / pais que vivemos e desejarmos ter algo melhor.

Isso da falta de investimentos em meios de transporte de carga principalmente é um grande problema, pois só se investe no meio mais caro, para quem é ligado em aviação em uma matéria feita pelo National Geo. mostrando a fabricação do Airbus A380 na frança, algumas peças eram transportadas de uma cidade para outra usando navio, se fazem isso com avião imagina se não é por compensar, e no Brasil como temos ''poucos''rios tal investimento seria fantástico.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Vocês reabrem o tópico só para eu replicar que há lugares no mundo muito piores que o Brasil. A pouco o STF decidiu pela prisão dos mensaleiros. Mas isto não basta, né? =)

Não, pra mim não basta. Tem tanta, mas tanta coisa pra mudar, que eu nem saberia por onde começar a enumerar.

Claro que não adianta ficarmos discutindo aqui, tu vai continuar com a tua visão de "não tá tão ruim" e eu com a minha de "ta horrível", então...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Só pra deixar claro, sobre "países mundo afora que podem nos receber de braços abertos" subentendem-se que é pra morar, certo? pergunto isso porque conheço muitas pessoas que confundem tratamento de turista com o de imigrante.  

Editado por Maddo Garan

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Não, pra mim não basta. Tem tanta, mas tanta coisa pra mudar, que eu nem saberia por onde começar a enumerar.

Claro que não adianta ficarmos discutindo aqui, tu vai continuar com a tua visão de "não tá tão ruim" e eu com a minha de "ta horrível", então...

 

Mas se agora está ruim, em 1999 esteve muito pior... :)

 

Mas a minha visão é de que não está tão ruim, senão de que ESTÁ BOM... há lugares muito piores.

 

 

Muito boa essa comparação da gasolina pois estamos acostumados com a midia mostrando apenas os países com combustível mais barato, passando a ideia de que aqui é a mais cara do mundo, vendo por esse lado o Brasil tem a parte de alimentação por exemplo barata já em outros países, como colocou, é bem alto.

E nao tem problema algum em ser patriota, na verdade é uma atitude que todos deveriam ter e passar a ver tanto os defeitos quanto as qualidades do pais, acredito que assim mudaria muito a maneira como o pais anda.

Lembro de um professor de historia comentando ano passado após o governador de SP ao ouvir reclamações sobre a cidade falar que quem não esta satisfeito pode sair daqui ( não sei precisar se foram exatamente essas palavras, mas foi mais ou menos isso)  e esse professor disse, muito pelo contrario quando agente reclama é por gostar da cidade / pais que vivemos e desejarmos ter algo melhor.

Isso da falta de investimentos em meios de transporte de carga principalmente é um grande problema, pois só se investe no meio mais caro, para quem é ligado em aviação em uma matéria feita pelo National Geo. mostrando a fabricação do Airbus A380 na frança, algumas peças eram transportadas de uma cidade para outra usando navio, se fazem isso com avião imagina se não é por compensar, e no Brasil como temos ''poucos''rios tal investimento seria fantástico.

 

Essa matéria da Airbus foi muito interessante. Eles levam o A380 até Toulouse ora por via naval... mas para chegar na Fábrica, eles têm que para uma cidadezinha, porque o Rio não chega até a fábrica... kkkkkkk

Só pra deixar claro, sobre "países mundo afora que podem nos receber de braços abertos" subentendem-se que é pra morar, certo? pergunto isso porque conheço muitas pessoas que confundem tratamento de turista com o de imigrante.  

 

É. De fato se confunde turismo com imigração, mudança "ad perpetum" para outro lugar.

Editado por Gustavo Jaccottet

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Mas se agora está ruim, em 1999 esteve muito pior... :)

 

 

 

Essa matéria da Airbus foi muito interessante. Eles levam o A380 até Toulouse ora por via naval... mas para chegar na Fábrica, eles têm que para uma cidadezinha, porque o Rio não chega até a fábrica... kkkkkkk

 

É. De fato se confunde turismo com imigração, mudança "ad perpetum" para outro lugar.

Essa do A380 foi fantástica mesmo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Essa do A380 foi fantástica mesmo.

 

Saiu na Exame, faz uns meses já, sobre o Trem que a Vale possui. Pouca gente se liga, mas é daqui do Brasil onde existe o melhor sistema de transporte ferroviário de minério no Mundo:

 

http://www.amantesdaferrovia.com.br/profiles/blogs/maior-trem-do-mundo-come-ar-a-operar-at-o-final-de-2012-na-1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Saiu na Exame, faz uns meses já, sobre o Trem que a Vale possui. Pouca gente se liga, mas é daqui do Brasil onde existe o melhor sistema de transporte ferroviário de minério no Mundo:

 

http://www.amantesdaferrovia.com.br/profiles/blogs/maior-trem-do-mundo-come-ar-a-operar-at-o-final-de-2012-na-1

Caramba, nao da nem pra imaginar um trem desse tamanho. Como dizem esse é coisa de ''primeiro mundo''.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Aqui uma frase pra galera refletir:

 

Eu vos digo: - o problema do escrete não é mais de futebol, nem de técnica, nem de tática. 
Absolutamente. É um problema de fé em si mesmo. O brasileiro precisa se convencer de que não 
é um vira-latas e que tem futebol para dar e vender, lá na Suécia. Uma vez que se convença 
disso, ponham-no para correr em campo e ele precisará de dez para segurar, como o chinês da 
anedota. Insisto: - para o escrete, ser ou não ser vira-latas, eis a questão. (Nelson Rodrigues)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Mais uma para os que veem no Brasil o país mais ridículo do mundo, pois para a minha surpresa, Nelson Rodrigues parece que está presente aqui no Fórum, já que estamos em Off-topic:

 

Amigos, glória eterna aos tricampeões mundiais. Graças a esse escrete, o brasileiro não tem mais vergonha de ser patriota. Somos 90 milhões de brasileiros, de esporas e penacho, como os Dragões de Pedro Américo.
 
kkkkkkkk

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Gustavo, 

 

O problema do patriotismo, pra mim, é que é um sentimento no qual eu não vejo sentido.

Não é nem nada com o Brasil - eu não entenderia o sentimento fosse qual fosse o país. O fato de eu ter nascido num lugar torna ele melhor? Por que exatamente eu teria que ter orgulho de um lugar só por ter acontecido de nascer nele? Num ponto de mapa criado pelo homem?

 

Se o indivíduo por acaso ama o lugar que aconteceu de nascer, excelente. Sorte dele, mesmo. Mas ele se sentir na obrigação de amá-lo? Realmente não entra na minha cabeça. Assim como amor pela família, isso tem que ser merecido. Você acharia uma família abusiva e negligente digna de amor e respeito simplesmente por ser família? Eu tenho orgulho das minhas escolhas, não dos acasos.

 

Dito tudo isso, eu sou daqueles que nasceram no Brasil, não gostaram do que viram e não se sentem na obrigação de gostar. Se quero que melhore? Claro que quero, eu moro aqui. Cresci aqui, me fiz aqui e provavelmente continuarei aqui. Mesmo que eu fosse completamente individualista - o que não sou - eu teria interesse em melhorar minha "casa". Se eu puder fazer algo para ela melhorar, farei - e tento fazer minha parte sempre que posso, como você lembrou. Mas nutrir um sentimento especial por ele não. Meu "sentimento especial" está com minha família, meus amigos, com a natureza e as coisas bonitas do mundo, não numa divisão imaginária de terra.

 

Acho que escrevi demais, esse textbox muito largo disfarça o tamanho do post.

Editado por rott

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

A meu ver, o país não é ridículo (é lindo e com muitas possibilidades de riquezas e sem a metade das catástrofes recorrentes em outros países) mas as pessoas são ridículas e com atitudes ridículas que tornam o país o que ele é.

Às vezes, fazer uma "instalação limpa, do zero" resolve alguns problemas.. mas..

Editado por iFernanda

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

 

Às vezes, fazer uma "instalação limpa, do zero" resolve alguns problemas.. mas..

 

Hitler fez isso na Alemanha. Funcionou... para o Regime Nazista. Franco fez isso na Espanha... não fosse ele, quem sabe o time do Barcelona não seria tão importante. Perón fez isso na Argentina... não fosse ele não existiria a Evita. Os militares fizeram isso no Brasil, mas philia entre os brasileiros (o amor entre eles e seus pares) é muito maior do que qualquer restauração do zero. "Instalação limpa" pode usado como sinônimo de Eugenia, por exemplo, donde veio a sugestão Nazista para o holocausto. Se há pessoas ridículas e atitudes ridículas... bem, isso existe em todos os lugares. Há diversos países em que as pessoas não são ridículas e as atitudes não são ridículas... mas... sim, mas não existe lugar melhor do que a nossa terra.

 

Infelizmente teu senso comum estraga o brilhantismo das tuas idéias. Teu texto estava indo muito bem, até tu dizer que há pessoas ridículas. Foi assim, que lá em 1884, os Judeus passaram a ser considerados como partes supérfulas na França e na Alemanha, depois veio o caso Dreyfus (pesquisa na Wikipedia, deve haver algo ali sobre ele).

 

 

 Mas nutrir um sentimento especial por ele não. Meu "sentimento especial" está com minha família, meus amigos, com a natureza e as coisas bonitas do mundo, não numa divisão imaginária de terra.

 

Acho que escrevi demais, esse textbox muito largo disfarça o tamanho do post.

 

 Negritei o que eu achei interessante, muito interessante. A philia que tu demonstra existir demonstra um caráter totalmente diverso daquele que eu pensava. Se eu em momento algum te ofendi aqui, perdão. Faz tempo que não vejo uma crítica ao país e um sentimento de querer "reerguê-lo" sendo posta de forma tão clara e sincera.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Já que estamos Off-topic:

 

Para quem quiser entender a minha crítica ao que entendo ser "uma instalação limpa", recomendo que assistam aos seguintes filmes ou leiam os seguintes livros: "A Onda", "Die Letzten Tage", "Hannah Arendt" (este bem recente, trata do caso do Julgamento de Eichmann em Jerusalém, que também é objeto de um livro dela). Livros: ARENDT, Hannah. As Origens do Totalitarismo. São Paulo, Cia. das Letras, 1989. ORWELL, George. 1984. São Paulo: Cia. das Letras, 2009. HUXLEY, Aldous. Admirável Mundo Novo. Rio de Janeiro: Globo, 1992.

 

Citei três filmes e três livros para ilustras os riscos de se pensar que vivemos em meio a pessoas ridículas e cujas atitudes ridículas fazem o país ser o que ele é. O filme "Die Letzten Tage", cujo título em português eu desconheço, tem o título em inglês como algo do tipo "Sophie Scholl: The last days", não sei se em português o título seria "Os últimos dia de Sophie Scholl".

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Admiro a paciência do Gustavo em continuar a participar do tópico.

Como já comentado, este tópico expressa em boa parte uma mentalidade do turista ávido pelo consumo. Olham os frutos sem perceber a árvore, ignorando elementos como a raiz, o clima e etc. Quanto maior a cultura do consumismo, maior vai ser também a ostentação. É necessário ter um tópico para dizer o que comprou? Qual razão para divulgar na assinatura os produtos que possui (mea culpa)? Em parte é nossa chance de ser um pouquinho Rei do Camarote também. Este rei torto vai se maquiar de fantasias do mundo que ele inventa, onde pessoas são ora decoração ora poeira que deve ser varrida debaixo do tapete. A monarquia o torna um soberano que vive fora do Estado, mas o erro já começou na primeira ilusão. Nem tudo é dinheiro, a riqueza é produzida da pobreza, a imensa maioria não vai ser rei de nada. Quando a miragem cessa, tome críticas à realidade. Algumas justas, outras ainda contaminadas.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Admiro a paciência do Gustavo em continuar a participar do tópico.

Como já comentado, este tópico expressa em boa parte uma mentalidade do turista ávido pelo consumo. Olham os frutos sem perceber a árvore, ignorando elementos como a raiz, o clima e etc. Quanto maior a cultura do consumismo, maior vai ser também a ostentação. É necessário ter um tópico para dizer o que comprou? Qual razão para divulgar na assinatura os produtos que possui (mea culpa)? Em parte é nossa chance de ser um pouquinho Rei do Camarote também. Este rei torto vai se maquiar de fantasias do mundo que ele inventa, onde pessoas são ora decoração ora poeira que deve ser varrida debaixo do tapete. A monarquia o torna um soberano que vive fora do Estado, mas o erro já começou na primeira ilusão. Nem tudo é dinheiro, a riqueza é produzida da pobreza, a imensa maioria não vai ser rei de nada. Quando a miragem cessa, tome críticas à realidade. Algumas justas, outras ainda contaminadas.

 

Meu caro, a minha paciência vai até o infinito. Esse tópico aqui é "café pequeno" perto do que enfrento no dia-a-dia para poder ter os meus bens de consumo, tomar o meu vinho, ir ao cinema... enfim, para fazer o meu trabalho e os meus projetos valerem à pena.

 

Eu antes tinha uma assinatura com os bens que eu tenho, mas desisti. Passei a usar frases ilustrativas, mas não vejo nada de mal nisso. O fórum sobre as últimas aquisições é até interessante, mas concordo com a tua idéia de "Rei do Camarote". E a tua conclusão sobre a monarquia foi extremamente feliz. No que me toca, eu to nesse fórum não faz muito tempo perto dos outros colegas e tenho um número maior de "likes" do que todos que me criticam, logo... daqui eu só saio se a administração me expulsar, mas não tenho transgredido as normas, logo acho que terá de ser feito um movimento Off-Topic para eu ser expulso do Fórum, pois há usuários que sequer têm coragem de citar os meus posts (não é o caso do rott) para me criticar, ou se eu digo A ele (ou ela... heheheh) diz B.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Meu caro, a minha paciência vai até o infinito. Esse tópico aqui é "café pequeno" perto do que enfrento no dia-a-dia para poder ter os meus bens de consumo, tomar o meu vinho, ir ao cinema... enfim, para fazer o meu trabalho e os meus projetos valerem à pena.

Eu antes tinha uma assinatura com os bens que eu tenho, mas desisti. Passei a usar frases ilustrativas, mas não vejo nada de mal nisso. O fórum sobre as últimas aquisições é até interessante, mas concordo com a tua idéia de "Rei do Camarote". E a tua conclusão sobre a monarquia foi extremamente feliz. No que me toca, eu to nesse fórum não faz muito tempo perto dos outros colegas e tenho um número maior de "likes" do que todos que me criticam, logo... daqui eu só saio se a administração me expulsar, mas não tenho transgredido as normas, logo acho que terá de ser feito um movimento Off-Topic para eu ser expulso do Fórum, pois há usuários que sequer têm coragem de citar os meus posts (não é o caso do rott) para me criticar, ou se eu digo A ele (ou ela... heheheh) diz B.

Entre idas e vindas, participo do fórum desde pouco depois deste espaço inaugurado. Não vejo ninguém querendo expulsar ninguém. Não sou muito adepto a teorias de conspiração, por isso acho a falta de quote mais um esquecimento ou desconhecimento de etiqueta forista. E se existir algo pra expulsar você e conseguirem esse intento bobo, certamente haverá um movimento em sentido contrário hehehhe

Quanto a questão da assinatura ou do tópico, eles em si mesmos são irrelevantes. Mas quando percebe-se eles como um sintoma de algo… Enfim, uma hora deixo a preguiça (oh, eu tenho pecados também rss) de lado e coloco algo mais proveitoso ou fico sem nada menos.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Entre idas e vindas, participo do fórum desde pouco depois deste espaço inaugurado. Não vejo ninguém querendo expulsar ninguém. Não sou muito adepto a teorias de conspiração, por isso acho a falta de quote mais um esquecimento ou desconhecimento de etiqueta forista.

 

Antes fosse teoria da conspiração, antes fosse. Mas o costume das discussões já me trouxe provas cabais de que a minha teoria não é nada conspiratória. Depois se eu achar o tópico em que eu tive certeza disso eu colo aqui, mas realmente não lembro, mas foi quando um membro do fórum usou uma citação minha (sem citar o meu nome) e me criticou de forma veemente. Não que eu seja "o cara", mas acho que um pouco de etiqueta forista, como você bem disse, é fundamental.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder este tópico…

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Limpar editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


  • Quem Está Navegando   0 membros estão online

    Nenhum usuário registrado visualizando esta página.



  • Estatísticas do Fórum

    • Total de Tópicos
      48.661
    • Total de Posts
      415.792
×
×
  • Criar Novo...